Thaisa Galvão

1 de outubro de 2007 às 16:58

Justiça nega liminar que pedia volta de Mary Regina aos quadros da PM [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O desembargador Rafael Godeiro negou pedido de liminar impetrado através de
mandado de segurança por Mary Regina dos Santos Costa, afastada dos quadros da Polícia Militar.

Ela solicitava à Justiça a sua reintegração imediata aos quadros da PM, alegando que sua exclusão foi fruto de “perseguição perpetrada pelo comandante geral da PM”.

Considerando falhos os argumentos da ex-sargento Regina, o desembargador Rafael Godeiro apontou como “temerária a decisão de reintegração de servidor militar aos quadros da Corporação, sem sequer ouvir o comandante geral da PM, sobretudo quando o ato praticado pela autoridade foi em estrito cumprimento a decisão final do Processo Administrativo Disciplinar a que foi submetida a ora impetrante”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*