Thaisa Galvão

7 de outubro de 2007 às 22:05

Filha do ex-deputado Augusto Viveiros de olho em 2010 [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Está na edição mais recente da revista “Brasília em Dia”, na coluna assinada pelo jornalista Marcone Formiga.

 

Agora é Passado

Os fatos que estão ocorrendo na OAB -DF durante sua gestão, podem comprometer o projeto político de Estefânia Viveiros, que cogita ser candidata a deputada federal ou a vice-governadora nas próximas eleições. Muitos daqueles que foram responsáveis pelo seu lançamento para comandar a OAB se arrependeram, e muito, porque viram nela um futuro promissor. Mudou a forma do verbo. Ficou no passado.

 

A nota não deixa claro o que está acontecendo na OAB-DF.

Nem diz se Estefânia quer ser candidata por Brasília ou pelo Rio Grande do Norte.

 

A potiguar, presidente da OAB-DF pela segunda vez, é filha do auxiliar do senador José Agripino, o ex-deputado Augusto Carlos Viveiros.

 

Na revista que circula no Distrito Federal, assinam colunas os potiguares Walter Gomes, que é colunista do Jornal de Hoje, e o ex-deputado Ney Lopes de Souza.

7 de outubro de 2007 às 10:50

Garibaldi: “Eu não sou candidato, logo, não posso ter um vice” [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O senador Garibaldi Filho acaba de fazer mais uma vez ao Blog, a mesma declaração que já deve ter feito milhares de vezes à imprensa.

Não será candidato a prefeito de Natal.

E ponto final.

 

O nome de Garibaldi foi lançado mais uma vez ontem à noite, na inauguração do Núcelo do PMDB do conjunto Soledade II.

Lideranças da zona Norte lançaram ontem a chapa Garibaldi prefeito, Raniere vice.

 

“Eu não sou candidato, logo, não posso ter um vice”, disse o senador.

 

Thaisa Galvão – O senhor continua com o propósito de que não disputará a Prefeitura de Natal?

Garibaldi Filho – Continuo. Só não esperava estar sendo tão lembrado, tão convocado. Mas meu propósito é não ser candidato e dar a oportunidade a outro, visando a renovação.

 

TG – E quanto ao vice Raniere?

GF – Eu acho que ele tem prestado um bom serviço a Natal. Mas ele será vice de outro prefeito”.

 

TG – Senador, e sobre sua licença do Senado, já tem data?

GF – Só depois da votação da CPMF. A previsão do Senado é votar até o dia 15 de novembro, não sei se vai conseguir”.

7 de outubro de 2007 às 10:19

Quem perdeu o prazo… [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A deputada Gesane Marinho deixou de registrar seu retorno ao PDT até o dia 5.

Logo, não poderá ser candidata em 2008.

Gesane, que iria se filiar ao PMDB, mas foi impedida pelo STF, seria o nome do partido para disputar a Prefeitura de Natal.

E agora, nem que quisesse ser pelo PDT, com apoio do PMDB, ela poderia.

O deputado Vivaldo Costa não será o candidato do PR a prefeito de Natal, como havia lançado o deputado João Maia.

Vivaldo continua sendo eleitor de Caicó.

O deputado Walter Alves está fora da disputa em Parnamirim.

O deputado do PMDB não transferiu o título.

Por enquanto, vai continuar votando em Natal.