Thaisa Galvão

20 de fevereiro de 2013 às 9:15

Carta de Amanda Gurgel a Carlos Eduardo protesta contra reajuste de salários e lista reivindicações [4] Comentários | Deixe seu comentário.

Não houve o barulho esperado, mas a vereadora Amanda Gurgel entregou ao prefeito Carlos Eduardo, na sessão da Câmara desta terça-feira, quando ele foi ler sua primeira mensagem anual, a carta-protesto que havia prometido e como esse Blog havia divulgado.

Eis a íntegra da carta:

 

Ao prefeito Carlos Eduardo

 

Os trabalhadores e trabalhadoras de Natal sofreram durante os quatro anos de administração da ex-prefeita Micarla de Sousa. Escolas sucateadas, aumento na tarifa dos transportes urbanos, unidades de saúde privatizadas e sem funcionar. Essa é a situação em que Micarla – em continuidade aos governos anteriores – deixou nossa cidade.
Somado a isso, os buracos nas ruas e o lixo espalhado por toda a cidade revelaram a que ponto chegou o nível de decadência dessa gestão.
Por este motivo, o povo e a juventude de Natal foram às ruas para lutar, construindo legitimamente o movimento “Fora Micarla”. Estava mais do que clara a opção da ex-prefeita em governar para os grandes empresários, sem a menor preocupação em garantir que a cidade seja de quem de fato deve usufruir dela: os trabalhadores.
Foi em meio a esse caos que Vossa Excelência foi eleita.
Uma parte do lixo foi retirada das ruas e algumas vias tiveram os buracos tapados. No entanto, além desses problemas persistirem nos bairros periféricos e mais pobres, os graves problemas deixados pela antiga prefeita até agora em praticamente nada foram resolvidos. A situação da saúde continua caótica e há ainda o risco de sequer ser possível começar o ano letivo escolar, devido à total falta de condições estruturais nas escolas.
Pelo contrário, alguns problemas se aprofundaram ainda mais, como foi o caso da extinção e mudança de itinerário de vários ônibus (a exemplo das linhas 28, 10, 45 e 03), sem que até agora nada tenha sido resolvido.
A saúde pública segue em estado de calamidade, os(as) trabalhadores(as) terceirizados(as) da educação ficaram meses sem receber, estão ameaçados de demissão e em meio a tudo isso, como se não bastasse, os vereadores e também Vossa Excelência aumentaram os próprios salários para R$ 17 mil e R$ 20 mil, respectivamente.
Enquanto isso, os trabalhadores – que recebem baixíssimos salários – ainda são obrigados a pagar tributos municipais altíssimos, como é o caso do IPTU.
A população de Natal já não suporta mais e exige do prefeito Carlos Eduardo a mudança dessa situação. Exigimos o atendimento das reivindicações mais urgentes do povo de Natal, que está cansado e indignado com tanto descaso.
*
– Plano de obras públicas que realize o saneamento básico em toda a cidade, revitalize e pavimente as vias, principalmente nos bairros periféricos e pobres e empregue boa parte dos(as) trabalhadores(as) desempregados de Natal;
*
– Retirada imediata de todo o lixo da cidade, não apenas dos pontos centrais e turísticos, mantendo a regularidade da coleta e realizando auditoria nas empresas terceirizadas que hoje prestam o serviço;
*
– Mais investimentos do orçamento da prefeitura para a educação pública, destinando os recursos para o pagamento imediato do piso a todos os trabalhadores, inclusive os terceirizados (sem nenhuma demissão e com efetivação dos mesmos), em condições estruturais das escolas para garantir o início do ano letivo;
*
– Construção de creches em todos os bairros da cidade. Nenhuma criança pode ficar fora da escola.
*
– Auditoria das empresas terceirizadas que prestam serviço à prefeitura. Fim das terceirizações.
*
– Mais investimentos do orçamento da prefeitura para a saúde pública, garantindo estrutura e o funcionamento regular dos postos;
*
– Retorno de todas as linhas extintas ao itinerário anterior. Não aceitamos nenhum aumento. Congelamento imediato da tarifa de transporte e Passe Livre (gratuidade) para estudantes, aposentados e desempregados. Abertura e divulgação das planilhas de todas as empresas e municipalização do serviço de transporte urbano de Natal. Transporte é direito que deve ser garantido pela prefeitura e não fonte de lucro;
*
– Congelamento imediato de todas as tarifas municipais, incluindo o IPTU;
*
– Não pagamento da dívida pública municipal, aumento progressivo dos impostos para os grandes empresários instalados na cidade para garantir recursos e investimento em políticas voltadas aos trabalhadores e a população mais necessitada de Natal;
*
– Redução imediata dos salários dos vereadores, prefeito e dos cargos do alto escalão da administração municipal;
*
– Exigimos o atendimento dessas reivindicações e lutaremos, junto com os(as) trabalhadores(as), para que essa pauta seja atendida. Queremos uma Natal para os trabalhadores.
Natal, 19 de fevereiro de 2013.
Partido Socialista dos Trabalhadores Unificado / PSTU
Mandato da Vereadora Amanda Gurgel ( PSTU)
*
Do Blog – A assessoria da vereadora Amanda Gurgel, avalizada pelo PSTU nacional, está trabalhando com foco na candidatura dela à deputada federal.
A lista de reivindicações feitas ao prefeito Carlos Eduardo, na carta entregue a ele ontem, tem um propósito: qualquer dessas ações que forem implementadas pela Prefeitura, mesmo que já estejam na lista de promessas do prefeito, vão ser contabilizadas pelo gabinete do PSTU, como conquista de Amanda Gurgel como vereadora.
Convém aguardar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*