Thaisa Galvão

5 de agosto de 2013 às 23:55

Carlos Eduardo permanece em Brasília onde tem agenda em Ministérios [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O prefeito de Natal, Carlos Eduardo, foi a Brasília nesta segunda-feira.

Com ele, os secretários Virgínia Ferreira (Planejamento), Elequicina Santos (Mobilidade Urbana), e Sávio Hackradt, Gabinete Civil.

A comitiva foi ao Ministério das Cidades para apresentar o “Programa Mobilidade de Massa”, que prevê investimentos de R$ 577 milhões em projetos de mobilidade urbana para desafogar vários gargalos da capital potiguar.

 

“Eles disseram que tudo estava dentro das diretrizes exigidas pelo Ministério”, comemorou o prefeito após a audiência com técnicos do Ministério.

 

Nesta terça, a secretária Elequicina Santos visitará a secretaria de Transporte do Distrito Federal para conhecer o projeto de instalação de bibliotecas nos abrigos de ônibus de Brasília.

 

Já Carlos Eduardo e Virginia Ferreira voltarão ao Ministério das Cidades para uma audiência sobre saneamento.

O prefeito ainda tem agenda no Ministério da Saúde, para tratar da liberação de recursos para reforma e abastecimento das unidades de saúde de Natal.

5 de agosto de 2013 às 22:55

Protesto de divulgadores do TelexFree faz natalense enfrentar congestionamento até depois das 20 horas [1] Comentários | Deixe seu comentário.

Divulgadores do TelexFree pararam o trânsito de Natal entre o final da tarde e às 8 da noite desta segunda-feira.

Em carreata, os manifestantes protestaram contra a decisão da Justiça de bloquear os recursos e impedir as retiradas pelos divulgadores.

A carreta saiu do conjunto Mirassol, seguiu pela Salgado Filho até o Tirol, e retornou até a frente do Natal Shopping.

Divulgadores de outras empresas do ramo também participaram da mobilização.

O movimento aconteceu hoje em todo o Brasil.

 

Em Natal o trânsito ficou parado e quem pretendia chegar à zona Sul e teve que optar pela Via Costeira, enfrentou um enorme congestionamento em plenas 20 horas.

5 de agosto de 2013 às 22:14

Polícia Civil do RN em greve a partir desta terça-feira [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Já passava das 20 horas quando agentes e escrivães da Polícia Civil, em assembleia no sindicato da categoria, decidiram: amanhecem a terça-feira em greve.

Paralisação por tempo indeterminado.

A categoria considerou frustrante a reunião com o governo na manhã desta segunda-feira.

 

A partir das 8 horas de amanhã, os policiais se concentrarão na sede do sindicato para definir a programação de mobilização.

 

Durante a greve será suspenso o atendimento ao cidadão nas delegacias distritais e especializadas, mas garantidos os 30% de funcionamento dos serviços, em respeito à Lei de Greve.

 

Os policiais civis cobram do governo a nomeação dos concursados, vale-refeição, serviço terceirizado de limpeza, retirada de presos das delegacias, retirada de estranhos dos quadros da PC, carga-horária de 6 horas, adicional noturno, melhoria nas condições de trabalho, modernização da polícia, delegacia aberta 24 horas, autonomia de comunicação entre unidades, gratificações de chefias de investigação e cartório, plano de cargos, implantação de carreira única…

Só isso.

5 de agosto de 2013 às 21:57

Agripino diz que enquanto o governo cobra de produtores rurais, perdoa dívidas de africanos milionários [1] Comentários | Deixe seu comentário.

O senador José Agripino (DEM) lembrou hoje, na tribuna do Senado, que o governo federal não perdoa dívidas de produtores rurais pobres do Nordeste, mas perdoa dívidas de países africanos.

 

“Para o pequeno agricultor nordestino o governo federal alega não ter como perdoar suas dívidas, mas tem como desculpar milhões de dólares de países africanos cujos ditadores são conhecidos internacionalmente por suas coleções de carros de luxo e jóias caríssimas”, criticou.

Agripino lembrou que o Senado já aprovou perdão de dívidas com a República do Congo, Sudão e Gabão, e agora o governo quer que o legislativo aprove liquidação de débitos da Zâmbia, Tanzânia, Costa do Marfim e República Democrática do Congo (RDC).

O senador fez as contas e mostrou que o perdão do governo a outros países chega a 787 milhões de dólares, cerca de 1,8 bilhão de reais.

 

“Muitos desses países são produtores de minério, petróleo, diamantes e tiveram o crescimento do Produto Interno Bruto bem acima do Brasil”, destacou Agripino.

 

O senador continuou fazendo comparações entre os nordestinos ameaçados de perderem as terras que produzem e os ditadores africanos que levam vida de extremo luxo, como o ditador de Guiné Equatorial, Obiang, que possui uma frota de 32 automóveis como Rolls-Royce, Ferrari e Porshe.

 

“Como posso compactuar com o perdão das dívidas para quem tem tantos privilégios enquanto o povo nordestino sofre por não ter como pagar seus débitos por conta da seca?”, questionou.

 

“O Brasil está ficando caro, injusto, não competitivo. O que se passa aqui é uma manifestação permanente de insatisfação, inquietação que me leva a falar em nome da precaução. Vamos interpretar os sentimentos das ruas e exigir o cumprimento das prioridades apontadas pela população”.

5 de agosto de 2013 às 21:33

Sem falar com Dilma, Henrique quer aprovar orçamento impositivo na quarta-feira: “Esse é um assunto inegociável” [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Do G1 – Brasília

 

Presidente da Câmara quer votar Orçamento impositivo nesta quarta

Proposta obriga governo a liberar recursos indicados por parlamentares. Henrique Alves disse que ‘nunca’ tratou do assunto com a presidente Dilma

Fabiano Costa e Nathalia Passarinho

 

O presidente da Câmara dos Deputados, Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), afirmou nesta segunda-feira (5) que pretende colocar em votação na próxima quarta-feira (7) a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que institui o Orçamento impositivo. Se aprovada pelos congressistas, a proposta irá obrigar o Executivo a liberar recursos de emendas parlamentares ao Orçamento.

A comissão especial criada para avaliar a chamada PEC do Orçamento impositivo deve votar o parecer final do projeto na tarde desta terça (6). Alves irá aguardar o colegiado aprovar a proposta para submetê-la ao plenário da Casa no dia seguinte.

 

“No que depender do meu trabalho, esse toma-lá-dá-cá de muitos anos, de muitos governos em relação às emendas, tem dia e hora para acabar. Quarta-feira à noite espero que a Câmara dos Deputados aprove o Orçamento impositivo e acabe com essa história que constrange um governo democrático e humilha um parlamento que tem de ter altivez e dignidade. Por mim, quarta-feira será aprovado o orçamento impositivo”, disse Alves após participar de evento para receber projeto de lei para investimentos maiores na saúde.

Em geral, as emendas parlamentares incluem no Orçamento despesas para obras de interesse local dos deputados e senadores, em estados e municípios onde possuem bases eleitorais. Em momentos de ajuste fiscal, no entanto, em que o governo faz economia para pagar juros da dívida pública (o chamado superavit primário), um dos alvos preferenciais de cortes são as emendas, que acabam retidas pelo Ministério do Planejamento.

O presidente da Câmara, Henrique Eduardo Alves, a presidente Dilma Rousseff e vice-presidente Michel Temer durante sanção do Estatuto da Juventude (Foto: Rodolfo Stuckert/Ag.Câmara)

 

Cada parlamentar tem direito a indicar R$ 15 milhões. Mas, pelo sistema atual, a peça orçamentária é autorizativa, podendo o governo cumprir ou não a previsão aprovada pelo Legislativo para gastos que não são obrigatórios, como os investimentos.

O parecer do relator da proposta na comissão, Édio Lopes (PMDB-RR), prevê que as emendas que os parlamentares fazem ao Orçamento da União serão obrigatórias se forem destinadas a áreas que o Executivo definir previamente como prioritárias. Além disso, o conjunto de emendas individuais dos congressistas não poderá ultrapassar 1% da receita corrente líquida do ano anterior.

 

Promessa ‘inegociável’
Em entrevista na Câmara após retornar de evento no Palácio do Planalto, Henrique Alves disse aos jornalistas que não conversou com a presidente Dilma Rousseff sobre o projeto do Orçamento impositivo. De acordo com o peemedebista, a chefe do Executivo nunca tratou sobre o assunto com ele.

“Ela [Dilma] nunca tratou sobre essa questão, nunca discutiu comigo esse aspecto. Ela sabe da minha história, do meu compromisso com essa Casa. Portanto, para mim, esse é um assunto inegociável, é a dignidade do parlamento”, enfatizou o presidente da Câmara.

A votação do “orçamento impositivo” foi uma das principais promessas de campanha de Henrique Alves para a presidência da Câmara. Em julho, diante das dificuldades para aprovar a PEC, ele avalizou o adiamento da apreciação do texto para ganhar tempo para construir um consenso.

O constante contingenciamento das emendas parlamentares tem gerado tensões dentro da base governista. Deputados e senadores aliados ao Palácio do Planalto têm reclamado dos cortes feitos pelo governo nas previsões orçamentárias dos congressistas para suas bases.

 

5 de agosto de 2013 às 15:35

Vacina contra aids começará a ser testada em macacos [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Do G1 – São Paulo:

 

Pesquisadores vão testar vacina brasileira contra Aids em macacos

Previsão é que teste ocorra no segundo semestre, diz nota da Fapesp. Estudo é desenvolvido por cientistas da Faculdade de Medicina da USP

 

 

Pesquisadores vão testar em macacos uma vacina brasileira contra o vírus HIV, a partir do segundo semestre, informou a Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp) nesta segunda-feira (5). A previsão é que os experimentos durem 24 meses, e o objetivo é encontrar um método de imunização mais eficaz contra a Aids para ser usado em humanos.

O imunizante contido na vacina foi desenvolvido e patenteado por cientistas da Faculdade de Medicina da USP, e batizado de HIVBr18. O projeto teve início em 2001 e foi desenvolvido por três pesquisadores – Edecio Cunha Neto, Jorge Kalil e Simone Fonseca.

O projeto teve início a partir partir da análise do sistema imunológico de um grupo especial de portadores do HIV, que mantinham o vírus sob controle por mais tempo que o normal e apresentavam demora para adoecer, de acordo com a nota da Agência Fapesp.

A atual etapa do teste pré-clínico, a ser realizada no segundo semestre, vai ser feita em uma colônia de macacos rhesus mantida pelo Instituto Butantan. A vantagem de fazer os testes, de acordo com a Agência Fapesp, é a similaridade entre o sistema imunológico humano e o dos macacos, e o fato de eles serem suscetíveis ao vírus SIV, que deu origem ao HIV.

5 de agosto de 2013 às 15:31

Contra terceirização, trabalhadores farão protesto amanhã na frente da FIERN [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A terça-feira será de protestos em todo o Brasil.

As centrais sindicais estão convocando a classe trabalhadora a lutar nesta terça – nas ruas ou no Congresso Nacional – para protestar no “Dia Nacional de Lutas contra a PL 4330/2004 da terceirização”.

É que o tal projeto de lei  em tramitação no Congresso, visa permitir a prática da terceirização de serviços em todas as atividades das empresas e órgãos públicos, sem limites à atividade-meio.

Para a classe trabalhadora, da forma como o projeto está sendo discutido, trata-se de um atentado à dignidade do trabalhador brasileiro e uma ameaça à organização impessoal da Administração Pública.

Em Natal, um ato público será realizado às 9 horas na frente da Fiern.

“Protesto de forma pacífica, sem violência e sem depredações do patrimônio público ou privado”, afirmam os organizadores da manifestação.

alterou o nome do evento para “Dia Nacional de Lutas contra a PL 4330/2004 da terceirização”.

5 de agosto de 2013 às 15:09

Governadora lança programa que visa instalar 360 fábricas têxteis no RN até 2018 [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A governadora Rosalba Ciarlini lançou agora há pouco o programa Pró-Sertão, que vai beneficiar o setor de confecções no Rio Grande do Norte, e que prevê, até 2018, a instalação de 360 fábricas de pequeno porte no interior do Estado.

 

Parceira do projeto, a indústria Guararapes foi representada pelo presidente do grupo, empresário Flávio Rocha.

A Guararapes se prepara para fixar, no prazo estabelecido, 300 pequenas facções têxteis em todo o RN, e a Hering, outra empresa do setor, pretende instalar mais 60 unidades.

A qualificação de mão de obra também faz parte do programa.

 

Participaram do evento, além de Rocha, o diretor da Hering, Marcelo Toledo; o presidente do Conselho Deliberativo do Sebrae, Sílvio Bezerra; o superintendente do BNB, Francisco Carlos Cavalcanti; e os presidentes da FCDL, Marcelo Rosado; da Faern, José Álvares Vieira; e da Fecomércio, Marcelo Queiroz.

Rosalba explicando o Pró-Sertão (Foto: Demis Roussos)

5 de agosto de 2013 às 15:06

Classe política levou falta no lançamento do programa de governo [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Na solenidade de lançamento do Pró-Sertão, hoje pela manhã no auditório da Escola de Governo, a classe política levou falta.

Nenhum senador.

Nenhum deputado federal.

De estadual, somente o líder do governo na Assembleia, Getúlio Rêgo, e o deputado Hermano Morais (PMDB), que chegou e ficou láá atrás, vendo tudo de longe.

*

Acenando com um possível rompimento com o governo, o PMDB – tirando Hermano que ficou lá atrás – foi o parceiro ausente da solenidade.

Autoridades sem mandato... (Fotos: Márlio Forte)

Amaro Sales, Rosalba, Getúlio Rêgo e o secretário de Desenvolvimento, responsável pelo projeto, Rogério Marinho

Hermano Morais: PMDB isolado

 

 

5 de agosto de 2013 às 15:01

Flávio Rocha cobra mais investimentos para o turismo [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Do empresário Flávio Rocha, presidente do Grupo Guararapes e parceiro do governo do Estado no programa Pró-Sertão:

 

“Faz todo sentido estratégico a descentralização da indústria têxtil no Rio Grande do Norte, assim podemos transformar toda essa vocação presente no estado. Sinto-me hoje extremamente feliz com a proximidade da realização deste sonho”.

 

O empresário aproveitou o momento para fazer cobranças ao governo: por mais investimentos no setor do turismo.

Falou pela boca do trade.

 

Flávio Rocha (Foto: Demis Roussos)

 

 

 

5 de agosto de 2013 às 14:16

Cobrança dos rodoviários agora passa para Prefeitura e Seturn [1] Comentários | Deixe seu comentário.

A comissão de rodoviários que se reuniu com a governadora Rosalba Ciarlini agora há pouco, na Governadoria, saiu do Centro Administrativo com uma certeza: as cobranças agora terão como foco a Prefeitura de natal e o Sindicato das Empresas de Transporte Público.

É que os rodoviários integram à questão da insegurança no setor, fatores como corredores de ônibus e paradas sem iluminação,e a falta de paradas em alguns pontos.

Questões que serão encaminhadas ao Município.

A falta da bilhetagem eletrônica em alguns casos atrai os ladrões que sabem que há dinheiro na caixa do cobrador…questão a ser discutida entre Prefeitura e Seturn…

A instalação de câmeras nos ônibus também fica sob os cuidados do Seturn.

Para o governo, não adianta só disponibilizar policiais. A outra parte, numa ação integrada, também terá que ser feita.

5 de agosto de 2013 às 14:09

PM começa ainda hoje a fazer barreiras policiais para garantir segurança nas linhas de transporte coletivo [2] Comentários | Deixe seu comentário.

Para garantir a segurança cobrada pelos rodoviários, em audiência com a governadora Rosalba Ciarlini agora há pouco, a Polícia Militar fará início logo mais a partir das 15 horas, e depois “de forma continuada”, segundo o comandante geral, Coronel Francisco Araújo, barreiras policiais em vários pontos das linhas de ônibus.

“Tudo continuará sendo feito em sintonia com o sindicato e com os mtoristas”, disse Araújo, explicando que as barreiras acontecerão em locais alternados.

 

5 de agosto de 2013 às 14:01

Governadora recebe comissão de rodoviários e promete reforçar segurança no transporte coletivo [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A governadora Rosalba Ciarlini recebeu há pouco a comissão dos rodoviários que reivindica ações de segurança, por parte do governo, para tentar evitar assaltos em ônibus em natal, como o que aconteceu na sexta-feira à noite e teve como saldo, um motorista esfaqueado.

 

À comissão, a governadora e o comandante da Polícia Militar, Coronel Francisco Araújo, que também participou da audiência, garantiram reforçar a segurança, disponibilizando.

 

Em relação a reivindicações como iluminação, corredores e paradas de ônibus, a governadora sugeriu que a comissão procurasse a Prefeitura, pois as ações são de competência do município.

 

 

5 de agosto de 2013 às 12:49

Ao criticar governo, Robinson Faria diz que orçamento já nasce sem políticas para a segurança [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Assessoria do vice-governador informou que a entrevista que Robinson Faria concedeu à FM Vida, em Martins, foi além do tema corrupção.

Durante quase uma hora, o vice-desafeto da governadora Rosalba Cairlini fez críticas ao governo.

Questionado sobre o turismo, vez que no município acontecia o festival gastronômico, o vice declarou que o Estado passava pelo pior momento, amargando índices desanimadores de ocupação, e que o governo, em vez de fazer uma mídia para atrair turistas, se preocupa em fazer mídia personalista, ‘de culto à governadora’.

 

Na entrevista, Robinson falou da falta de diálogo do governo com as classes produtivas, com os médicos, com os servidores públicos…

Disse que o governo tinha uma ‘gestão de soberba’ e sem planejamento.

Sobre a segurança, criticou os cortes no orçamento afirmando que o orçamento já nasce sem políticas públicas para o setor.

Questionado sobre a saúde, criticou o fato da governadora ser  médica e do setor estar vivendo o caos que o Brasil conhece, com o Estado deixando faltar leitos de UTIs, e afirmando que nem o total do custeio foi repassado para os setores da saúde.

Durante quase uma hora Robinson ainda criticou a falta de projetos, de novas obras, e declarou que a máquina pública está decadente, com o Rio Grande do Norte amargando altos índices de desemprego e o PIB despencando por falta de investimentos, estando o Rio Grande do Norte perdendo empregos e empresas para os estados vizinhos.

5 de agosto de 2013 às 11:56

Rosalba vai receber rodoviários [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Diante do caos instalado na cidade com a paralisação dos ônibus, a governadora Rosalba Ciarlini anunciou há pouco que vai receber os rodoviários que estão cobrando ações de segurança para tentar brecar a onda de assaltos praticados dentro de ônibus.

A audiência dos rodoviários para entregar pauta de reivindicações à governadora foi condição imposta pela categoria para liberar o tráfego de ônibus em Natal.

Rosalba receberá uma comissão formada por dirigentes do Sintro e trabalhadores do transporte público.

 

5 de agosto de 2013 às 11:48

De Robinson Faria sobre o governo Rosalba: “Não conheço nenhum histórico de escândalo no governo” [2] Comentários | Deixe seu comentário.

Os governistas adoraram a declaração do vice-desafeto, Robinson Faria, em entrevista à FM Vida, de Martins, neste fim de semana, quando participava do Festival Gastronômico do município.

Rompido com a governadora Rosalba Ciarlini e trabalhando para viabilizar sua candidatura ao governo, contra a governadora, Robinson, que não economiza nas críticas ao governo, poupou a governadora de desgaste pessoal.

 

“ Eu não posso esconder que o governo de Rosalba é ético e honesto. Não conheço nada que possa desabonar Rosalba. Não conheço nenhum histórico de escândalo no governo”, disse Robinson, quando foi provocado a comparar o governo Rosalba com as gestões da ex-governadora Wilma de Faria e da ex-prefeita Micarla de Sousa.

 

5 de agosto de 2013 às 11:35

Seturn diz entender protesto de rodoviários e cobra ações de segurança ao governo [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Em nota emitida há pouco, diante da paralisação dos rodoviários que protestam contra a falta de segurança nos ônibus, o Seturn, sindicato dos empresários, disse que entende a necessidade de ações mais efetivas em relação à segurança pública, e cobra do governo ações que evitem esses crimes.

O sindicato alega que já comprou detectores de metal para auxiliar nas operações de blitz do policiamento da capital e na implantação do sistema de dispositivo de segurança nos ônibus, para viabilizar uma maior proteção aos passageiros, motoristas e cobradores.

E reclama que as ações não estão tendo o efeito esperado.

O Seturn se diz favorável ao direito de ir e vir do cidadão….

5 de agosto de 2013 às 9:59

Presidente do PT diz que Lula pode voltar se Dilma não estiver bem nas pesquisas [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Do presidente do PT, Rui Falcão, em entrevista à revista Piauí que está nas bancas:

“Não tem isso de volta Lula. Mas, é evidente que, se ano que vem a presidente não estiver bem nas pesquisas, é natural que ele se apresente”.

*

Do Blog – Lula ainda não conhece o efeito ‘Brasil nas ruas’. Nada será como antes….vale salientar.

5 de agosto de 2013 às 9:53

Nova diretoria do TRE tomará posse no dia 30 [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O Tribunal Regional Eleitoral inverterá os cargos de sua diretoria.

No próximo dia 30, o desembargador Amílcar Maia, que atualmente é vice-presidente e corregedor regional eleitoral, assumirá a presidência da Corte.

E o atual presidente, João Batista Rebouças, passará a ser o vice e corregedor da Casa.

A solenidade de posse está marcada para às 17 horas no Centro de Operações da Justiça Eleitoral.

 

5 de agosto de 2013 às 9:37

Henrique volta da Europa disposto a votar orçamento impositivo [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Depois de dias de férias na Europa, o deputado-presidente da Câmara reassume o cargo, que na semana passada foi ocupado pelo vice-presidente da Casa, André Vargas (PT), disposto a contrariar a presidente Dilma Rousseff.

Eis a nota da coluna Painel, da Folha de S. Paulo de hoje: