Thaisa Galvão

8 de agosto de 2013 às 23:10

Polícia Federal divulga parte das armas apreendidas com suposto grupo de extermínio [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Ainda não chegou ao fim a Operação Hecatombe, onde a Polícia Federal prendeu 17 pessoas acusadas de integrarem um grupo de extermínio responsável por, pelo menos, 22 crimes.

Quatro acusados, com mandados de prisão expedidos contra eles, continuam foragidos e a PF continua à procura dos mesmos.

Hoje a Polícia Federal divulgou as imagens de parte do armamento que foi apreendido em poder do grupo: 29 armas entre revólveres, pistolas, espingardas e um fuzil, de diversos calibres, além de mais de onze mil munições.

A Operação Hecatombe desencadeada pela Polícia Federal contou com apoio do setor de Inteligência da Secretaria de Segurança Pública do RN.

 

8 de agosto de 2013 às 23:01

Governadora comemora resultado do mutirão de cirurgias e retomada de obras do acesso ao aeroporto [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Em tempos de crise financeira, a governadora Rosalba Ciarlini comenta dois fatos positivos ocorridos nesta quinta-feira.

Primeiro, o que foi considerada a imagem do dia: o corredor do setor de Politrauma do combalido e tão lotado Hospital Walfredo Gurgel…completamente vazio. Resultado de um mutirão de cirurgias ortopédicas realizadas pela Secretaria de Saúde em parceria com hospitais da rede particular.

 

O segundo fato foi o início das obras de uma das estradas que dará acesso ao Aeroporto de São Gonçalo.

O trecho menor ficará pronto antes da inauguração do aeroporto, prevista para o mês de abril do próximo ano.

O outro trecho, mais complexo, com avenidas mais largas e viaduto, também ficará pronta antes da Copa: “No Mês de maio”, disse ao Blog a governadora Rosalba, afirmando que esse segundo acesso nem existia no projeto inicial, mas seu governo acrescentou quando houve modificação no projeto original.

“Em maio todos os acessos estarão prontos”, disse a governadora, que informou também a retomada das obras da duplicação da estrada Mossoró-Tibau, que estavam paradas.

 

“Vamos otimizar esforços para retomar as obras da estrada de Pipa”, disse a governadora.

 

*

8 de agosto de 2013 às 23:00

Rosalba disse que governo trabalha na elaboração de editais para acelerar liberação de recursos do Banco Mundial [2] Comentários | Deixe seu comentário.

E a governadora Rosalba Ciarlini disse que o governo está trabalhando com todas as secretarias para acelerar os editais que serão necessários para a liberação dos 540 milhões de dólares que serão contratados a partir de empréstimo feito ao Banco Mundial.

Rosalba disse que já assinou alguns documentos que foram levados para Washington, nos Estados Unidos, e na próxima semana voltará a Brasília para acompanhar a tramitação da documentação, até que o contrato seja assinado em definitivo.

Rosalba disse que o dinheiro vai sendo liberado à medida que os editais forem sendo aprovados.

Ela informou que o governo trabalha com mais pressa na elaboração dos editais do setor de saúde.

 

 

8 de agosto de 2013 às 22:14

Astrônomo natalense fala sobre fenômeno que acontecerá com o Sol nos próximos meses [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Da Veja Online, que ouviu o astrônomo potiguar José-Dias do Nascimento Júnior…

O mesmo que há meses liderou um grupo que descobriu uma estrela gêmea do sol.

 

 

Espaço

Sol passará por inversão de campo magnético

Apesar de ser um fenômeno normal, que ocorre aproximadamente a cada 11 anos, seus efeitos podem prejudicar as comunicações na Terra

 

Em três ou quatro meses, o Sol passará por um fenômeno que ocorre a cada onze anos: a inversão de seus campos magnéticos. O processo, que coincide com um momento de maior intensidade na atividade solar, poderá afetar satélites e sistemas de comunicação na Terra, enfraquecendo os sinais de transmissão.

 

“Esta mudança terá repercussões em todo o sistema solar”, disse o físico solar Todd Hoeksema, da Universidade de Stanford, em um informe da Nasa, divulgado na última segunda-feira. Hoeksema é o diretor do Observatório Solar Wilcox, na Califórnia (EUA), um dos poucos observatórios do mundo que monitoram os campos magnéticos do Sol. Os equipamentos do local, que observaram o magnetismo polar da estrela desde 1976, registraram outras três inversões.

 

Esse fenômeno é uma parte regular do ciclo solar. “Os campos magnéticos polares do Sol enfraquecem, chegam ao zero, e depois aumentam novamente, com a polaridade oposta”, afirma Phil Scherrer, físico solar, também de Stanford.

 

Essa mudança pode ser explicada pelos processos que ocorrem no interior do Sol, em uma camada denominada zona de convecção, onde o campo magnético é gerado. Luís Eduardo Vieira, pesquisador da divisão de geofísica espacial do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), explica que o fenômeno é causado pela movimentação de gás no interior do Sol. “Esse movimento acaba carregando consigo o campo magnético, que fica preso ao gás. Dessa forma, o campo magnético dos polos é ‘puxado’ para fora, enquanto o campo oposto vai se acumulando, até que ocorra a inversão”, explica o pesquisador.

 

Efeitos – A inversão que deve ocorrer nos próximos meses vai coincidir com um período de maior atividade do Sol, conhecido como máximo solar.  Esse fenômeno faz com que a folha de corrente do sol fique mais ondulada. “Acima do equador do Sol existe um campo magnético com uma polaridade, e abaixo do equador a polaridade é oposta. Então, na região central, é como se existisse uma folha, separando os dois hemisférios”, explica Vieira. Ao girar junto com o Sol, essa folha cria ondulações, que são mais acentuadas nos períodos em que a atividade solar é mais intensa.

 

Ao orbitar ao redor do Sol, a Terra atravessa essas ondas, o que pode criar perturbações nos fenômenos meteorológicos do espaço nas proximidades da Terra. Além disso, o fato de o Sol estar em um período de maior intensidade pode colaborar para que ocorram ejeções de massa coronal, ou seja, bolhas de gás que saem do Sol e se aproximam dos planetas.

 

Na Terra, o impacto desses dois fenômenos pode afetar satélites e sistemas de comunicação. “A mudança de campo magnético do Sol é uma reestruturação. É como se um ímã fosse virado de cabeça para baixo. Já as bolhas de energia liberadas nessa fase de maior atividade solar têm um maior potencial de influenciar a Terra“, explica José-Dias do Nascimento, professor de astrofísica do departamento de física teórica e experimental da Universidade Federal do Rio Grande do Norte e pesquisador visitante na Universidade Harvard, nos EUA.

 

Segundo o pesquisador, essa grande quantidade de energia proveniente do Sol pode enfraquecer, e às vezes até mesmo impedir, a transmissão de ondas meios de comunicação, principalmente rádio e televisão. “É um fenômeno que vem ocorrendo há algum tempo, mas os instrumentos têm evoluído muito, de forma que a gente tem conseguido prever seu aproximação. Antes éramos pegos de surpresa“, afirma Nascimento.

8 de agosto de 2013 às 21:00

Henrique e Garibaldi voltam a convidar Fafá Rosado para se filiar ao PMDB [2] Comentários | Deixe seu comentário.

A ex-prefeita de Mossoró, Fafá Rosado, filiada ao DEM, voltou a ser convidada para integrar os quadros do PMDB.

Convite refeito pelo ministro Garibaldi Filho e pelo deputado-presidente da Câmara, Henrique Alves.

O re-convite foi feito ontem em Brasília, onde Fafá esteve com o marido, deputado Leonardo Nogueira (DEM).

Quando recebeu o convite do PMDB pela primeira vez, Fafá disse que só deveria tomar decisão próximo ao fim do prazo estabelecido pela Justiça Eleitoral para filiação partidária.

Além do PMDB, o PR do deputado João Maia também assediou a ex-prefeita de Mossoró.

 

“Me sinto à vontade com Henrique e Garibaldi, temos uma história de parceria política juntos, mas pedi que eles aguardassem mais um pouco porque estamos analisando algumas questões e em breve faremos o  anúncio  desta escolha”, disse Fafá depois do encontro de ontem.

“Fafá irá para um partido em que ela possa contribuir mais com o desenvolvimento de Mossoró e do Estado”, comentou o deputado Leonardo Nogueira.

Leonardo, Henrique, Fafá e Garibaldi

 

8 de agosto de 2013 às 18:13

Saúde do Estado faz mutirão de cirurgias ortopédicas e esvazia corredor de Politrauma do Walfredo Gurgel [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Você imagina que esse é um registro de hoje em um corredor do Hospital Walfredo Gurgel?

Claro que não. Né?

Mas esse aí é o corredor do setor de Politrauma do Walfredo e a imagem foi registrada hoje.

Resultado do mutirão para realização de cirurgias eletivas de ortopedia que começou no dia primeiro, e que até hoje já havia garantido cirurgias em 119 pacientes, operados na Clínica Paulo Gurgel e no Hospital Memorial.

Para esta semana, com a entrada do Hospital Médico Cirúrgico, estão previstas mais 57 cirurgias, de 33 pacientes que estão no Hospital Deoclécio Marques, em Parnamirim, e 24 que estão no Walfredo Gurgel.

Segundo o secretário de Saúde, Luiz Roberto Fonseca, o trabalho conjunto será mantido até que a fila de espera, que inicialmente contava com 279 pacientes, seja zerada.
Para Fonseca, o mutirão faz parte de um planejamento e “a execução desta ação garantirá uma expressiva diminuição da quantidade de pessoas nos corredores, melhorando, assim, a assistência à população”.

Segundo o secretário, “o mutirão foi possível através de uma determinação do Governo do Estado que repassou o valor de cerca de quatrocentos mil reais e viabilizou, junto ao Ministério da Saúde, recursos de urgência e emergência também em torno de mais quatrocentos mil reais, para a execução dos convênios com os hospitais da rede privada. Estamos caminhando para alcançarmos a meta do Governo e efetivarmos o compromisso público defendido pela governadora Rosalba Ciarlini, de zerarmos a fila de espera por cirurgias ortopédicas nos hospitais do estado”, afirmou o titular da Saúde.

 

O secretário explica que, ao contratar unidades hospitalares da rede privada para estes procedimentos ortopédicos, a Secretaria de Saúde mais uma vez “assume uma responsabilidade que, segundo a Lei Orgânica do Sistema Único de Saúde (SUS) e a hierarquia das três esferas de poder, é de obrigação do município de Natal, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (SMS)”.

Resumindo: atendendo os pacientes que teriam que ser atendidos pelo Município, um corredor tumultuado do Walfredo Gurgel…respirou aliviado.

Pelo menos por esta semana.

8 de agosto de 2013 às 17:57

Carlos Eduardo diz a permissionários que bilhetagem única será estudada pela Procuradoria do Município [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Depois da reunião marcada e adiada, na semana passada, o prefeito Carlos Eduardo recebeu hoje a comissão do sindicato de transportes alternativos de Natal.

O grupo chegou cedo à Prefeitura, enquanto a categoria travava o trânsito na Ribeira e nas pontes Newton Navarro e de Igapó.

O prefeito não gostou…

“Não havia necessidade de obstrução do trânsito. Sob pressão, a gente não trabalha”, declarou o prefeito, que tinha sobre a mesa para discutir com os permissionários, a questão da bilhetagem eletrônica unificada.

Ou seja: os permissionários querem o mesmo direito concedido ao transporte oficial.

O prefeito explicou que a questão seria definida a partir de uma posição jurídica, e marcou para voltar a receber os permissionários na próxima segunda-feira, dia 12, de posse de um parecer da Procuradoria Geral do Município. 

 

“Essa licitação terá transparência, lisura e participação. O nosso compromisso é com a população e a coletividade para remanejar um sistema que hoje não está agradando a ninguém”, disse o prefeito sobre a licitação no sistema de transporte público de Natal.

Onde os empresários de ônibus passarão a ser concessionários, e não mais permissionários.

Prefeito recebe permissionários (Foto: Marcelo Barroso)

8 de agosto de 2013 às 17:42

Policiais civis em greve acompanharam sessão na Assembleia Legislativa [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Depois do protesto tenso, na entrada da Assembleia Legislativa, na manhã de hoje, que acalmou os ânimos depois da interferência do deputado Kélps Lima, os grevistas da Polícia Civil entraram e foram para a galeria acompanhar a sessão onde o secretário de Planejamento do governo deu explicações sobre a crise financeira do Estado.

O clima tenso e a calmaria em plena sessão foram registrados pelo fotógrafo Márlio Forte.

 

GREVISTAS GRITAVAM “QUEREMOS ENTRAR” E “FORA ROSALBA”

Fotos: Márlio Forte

 

DEPUTADO KÉLPS LIMA APARECEU PARA RECEBER OS GREVISTAS

Kélps com os policiais

 

DEPUTADO TENTAVA EXPLICAR QUE ASSEMBLEIA NÃO FECHA AS PORTAS PARA OS SERVIDORES

Tensão

 

REPRESENTANTE DO SINPOL GARANTIU QUE MOVIMENTO ERA PACÍFICO. CATEGORIA LUTANDO POR SEUS DIREITOS

Acordo entre categoria e AL

 

GREVISTAS SE ACOMODARAM NA GALERIA DA ASSEMBLEIA

Na galeria

 

8 de agosto de 2013 às 17:33

Na Assembleia Legislativa, secretário Obery Rodrigues explica situação financeira do Estado [0] Comentários | Deixe seu comentário.

E o clima de tensão foi amenizado com o início da sessão e com os grevistas acomodados na galeria.

Atendendo convite dos deputados Kélps Lima (PR) e Walter Alves (PMDB), o secretário estadual de Planejamento Obery Rodrigues foi à Assembleia detalhar as finanças do Rio Grande do Norte e dar explicações sobre o decreto que estabeleceu cortes nos orçamentos dos poderes, como medidas de contenção de despesas.

 

Segundo as informações do secretário, o Orçamento Geral do Estado, aprovado pela própria Assembleia, estabeleceu mais de R$ 11 bilhões para serem utilizados ao longo do ano.

 

No primeiro semestre, a receita líquida do Tesouro Estadual foi de pouco mais de R$ 2 bilhões. As deduções do Fundo de Participação dos Estados (FPE), do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação (FUNDEB) e dos poderes Legislativo, Judiciário, além do Ministério Público, reduziram a capacidade de investimento do estado para aproximadamente R$ 27 milhões.

 

“Todo o país passa hoje por uma crise financeira, e com o Rio Grande do Norte não seria diferente. Por isso a nossa preocupação em estabelecer esse conjunto de medidas de contenção, para que se promova o equilíbrio das finanças e para que se possa cumprir com nossos compromissos”, declarou o secretário durante sua apresentação.

 

“É um desafio para o Governo encontrar soluções diante da nossa atual situação, porém estamos aguardando o empréstimo do Banco Mundial, de 540 milhões de dólares, para enfim podermos injetar no Estado e solucionarmos essas questões orçamentárias”, disse Obery.

 

Estiveram na Assembleia acompanhando a explanação de Obery, os secretários de Desenvolvimento Econômico, Rogério Marinho; de Relações Institucionais, Esdras Alves; de Trabalho e Habitação, Luiz Eduardo Carneiro; de Comunicação, Edílson Braga; e o Controlador-Geral Anselmo Carvalho…

O chefe da Casa Civil Carlos Augusto Rosado, que ontem,em contato com o líder do governo na AL, deputado Getúlio Rêgo, acenou com o ‘desejo’ de dialogar com os deputados, também foi à Assembleia.

No plenário, 18, dos 24 deputados.

Na galeria, os grevistas da Polícia Civil acompanharam tudo e só se manifestaram, com aplaudos e palavras de ordem, já no final da sessão, após um aparte do deputado Fernando Mineiro (PT).

Obery explicando situação do Estado, sob olhares dos policiais em greve (Foto:Márlio Forte)

 

8 de agosto de 2013 às 10:39

Clima tenso na Assembleia Legislativa com presença de policiais em greve [2] Comentários | Deixe seu comentário.

Aos gritos de “queremos entrar” e “fora Rosalba”, os policiais civis em greve tentam entrar na Assembleia Legislativa para acompanhar a sessão onde os secretários de Administração e de Planejamento vão dar explicações sobre a crise financeira do Estado.

O deputado Kelps Lima tenta intermediar, pede paz, explica que a AL sempre foi aberta e que nunca houve tumulto na casa.

Representantes do Sinpol respondem que estão ali pacificamente, e que se houver baderna eles mesmos utilizarão o poder de polícia e prenderão os baderneiros.

Apesar do aceno de protesto pacífico, o clima é de tensão na Assembleia.

8 de agosto de 2013 às 9:08

Permissionários & permissionários [1] Comentários | Deixe seu comentário.

Perguntinha que não quer calar:

Por que os donos de transportes alternativos são classificados de “Permissionários” e os donos de ônibus são classificados de “Empresários”?

 

Os donos de vans e microônibus porque têm a “permissão” da Prefeitura para explorar o transporte alternativo.

Mesma coisa com os donos de ônibus: tambêm têm a “Permissão” para operar.

Com a licitação do transporte público os donos de ônibus vão adquirir a concessão para operar, daí serão concessionários.

Por enquanto, todos na mesma vala: permissionários.

8 de agosto de 2013 às 9:02

Permissionários do transporte alternativo esperam Carlos Eduardo na Prefeitura [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Os permissionários dos tranpostes alternativos de Natal têm reunião marcada agora para às 9 horas com o prefeito Carlos Eduardo.

O prefeito, que estava em Brasília mas já chegou a Natal, ainda não está na Prefeitura.

Do lado de fora do Palácio Felipe Camarão, representantes do sindicato dos alternativos o aguardam.

Entre outras coisas, os permissionários querem que o prefeito altere a lei da bilhetagem eletrônica para inserir os alternativos.

Dependendo do resultado dessa reunião, a categoria poderá ir às ruas….e parar o trânsito.

 

8 de agosto de 2013 às 0:59

Agripino no Tiroteio da Folha: ‘para agradar, vale até reverenciar ET’ [0] Comentários | Deixe seu comentário.

No Tiroteio da coluna Painel, na Folha de S. Paulo de hoje:

 

Sob risco de perder seus aliados no governo, Dilma adotou uma fase ‘paz e amor’: para agradar, vale tudo, até reverenciar ET.”

 

Do senador José Agripino (DEM-RN), sobre a entrevista que a presidente concedeu a rádios mineiras, em que disse ter “respeito” pelo ET de Varginha.

 

 

8 de agosto de 2013 às 0:45

Mesmo sem investigação, polícia e imprensa não cansam de acusar garoto de 13 anos por assassinato da família [1] Comentários | Deixe seu comentário.

Ê Brasil…

Quando o assunto é Amarildo, o ajudante de pedreiro do Rio de Janeiro, que foi levado em uma viatura por policiais e misteriosamente desapareceu…a polícia é cuidadosa. Meticulosa.

Diz até que não tem certeza que Amarildo foi levado por policiais…Muito menos que ele pode estar morto.

 

Maasss…no caso do garoto de 13 anos, morto com a família em São Paulo, a polícia, sem sequer investigar, já atribuiu o crime ao menino…

Mais fácil incriminar quem já está morto. Mais fácil do que investigar.

A polícia sequer admite a participação de outra pessoa no crime. Vai dar trabalho…

Para encerrar logo o caso, como quem se apressa para esconder, ou não descobrir alguma coisa, a polícia acusa o menino, e o pior, ainda convence a imprensa.

Os telejornais da Rede Globo estão sendo implacáveis: não tem a menor dúvida que o menino matou todo mundo e depois se matou.

Um perigo pensar assim…

Ainda mais depois que se assistiu, em um protesto no Rio de Janeiro, a polícia acusar um rapaz de ter jogado coquetel Molotov na frente do palácio do governo…e depois, a partir de imagens gravadas, se comprovar que o rapaz não era nada daquilo que a polícia dizia…

Há bem pouco tempo, mais um caso: funcionários de um parque de diversão foram presos sob acusação de terem matado uma adolescente.

Não mataram.

Foram quase condenados apenas pelo fato de estarem no caminho da menina. E admitiram ter assassinado a garota por terem sofrido horas de tortura.

Então…mais fácil investigar assim: torturar para obter depoimento, mesmo mentiroso…ou acusar quem já morreu.

Tá difícil…

 

8 de agosto de 2013 às 0:44

Apesar de garoto já estar incriminado, chacina de São Paulo pode tomar outros rumos [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Huummm…

E se o caso da chacina em São Paulo tiver outro desfecho?

Como vai ficar a polícia que incriminou o garoto de 13 anos, sem dó nem piedade, apenas pelo fato dele já estar morto e não poder se defender?

Pois é…o caso tem tudo para tomar outro rumo.

Leia reportagem do G1 São Paulo:

 

 

PM que teria sido morta pelo filho denunciou colegas, diz ex-chefe

 

O comandante do 18º Batalhão da PM, coronel Wagner Dimas, disse nesta quarta-feira (7), em entrevista à Rádio Bandeirantes, que a policial militar Andréia Pesseghini colaborou com informações para uma investigação contra colegas que participavam de roubo de caixas eletrônicos. Dimas disse ainda ter dúvidas sobre o envolvimento do filho de Andréia, Marcelo Pesseghini, de 13 anos, na chacina.

 

Procurada pelo G1, a Polícia Militar divulgou nota para afirmar que não há registro oficial da denúncia ou da investigação. “O Comando da Policia Militar reafirma que não houve qualquer denúncia registrada na Corregedoria da PM, ou no Batalhão, por meio da Cabo Andréia Pesseghini contra policiais militares.
Foram consultados arquivos da Corregedoria, do Centro de Inteligência e do próprio Batalhão e nada foi identificado, portanto, será instaurado um procedimento para apurar as declarações do Coronel Wagner Dimas Alves Pereira, Comandante do 18º Batalhão, não alterando em nada o rumo das investigações”, afirma o texto.

 

Nesta tarde, o delegado Itagiba Franco, da Divisão de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP), disse que vai analisar as declarações de Dimas e que vai pedir o depoimento do coronel no inquérito sobre o caso.

Coronel Wagner Dimas citou a investigação durante a entrevista, mas não deu detalhes sobre quando ela ocorreu. “Ela (Andréia) não fez precisamente assim: esse, esse e esse estão com problemas. Mas, ao contexto que nós estávamos levantando, ela confirmou alguns detalhes”, disse o coronel durante a entrevista nesta manhã.

Ainda segundo ele, nenhum dos policiais chegou a ser punido, porque as investigações não chegaram a uma conclusão. “O problema do investigar é a conclusão, né? Nós não chegamos a uma conclusão. Desses aí, houve transferência, nós tiramos aqui do quadro, do que seria do ‘grupo’ do batalhão”, afirmou.

 

 

O coronel disse ainda que Andréia nunca relatou ter sido ameaçada e não estava sob qualquer tipo de medida de proteção. Perguntado se ele descartava “totalmente” a relação entre a participação nas denúncias e a execução, o comandante disse que não. “(…) descartar é complicado, vamos acompanhar com carinho, vamos ver se dentro do que a gente tem no raciocínio, nesse quebra-cabeça todo, possa ter”, disse.

 

 

O crime
De acordo com laudo preliminar da perícia, os policiais militares Luís Marcelo Pesseghini, de 40 anos, e Andréia Regina Bovo Pesseghini, de 36 anos, foram os primeiros a serem assassinados na Vila Brasilândia, na Zona Norte de São Paulo.

A Polícia Civil aponta que o filho do casal, Marcelo Pesseghini, de 13 anos, é suspeito de cometer os crimes e depois se matar nesta segunda-feira (5).
Os exames apontam a sequência de mortes na residência na Rua Dom Sebastião. Primeiro morreu o pai do jovem, que trabalhava na Rota, depois a mãe e, em seguida, a avó dele, Benedita de Oliveira Bovo, de 67 anos, e a tia-avó, Bernadete Oliveira da Silva, de 55 anos.

As duas últimas vítimas moravam em outra casa no mesmo terreno. A avó e a tia-avó do garoto tomavam remédios fortes para dormir, por isso não devem ter percebido a aproximação do adolescente. Os medicamentos foram encontrados pela polícia ao lado da cama das vítimas.

 

 

A perícia da Polícia Técnico-Científica também mostrou que todos os tiros saíram da mesma arma, uma pistola .40 que pertencia a Andréia. Ele utilizou a mesma pistola para se matar, segundo os peritos. A arma estava na mão do garoto, que estava com o dedo no gatilho.
Segundo a investigação, as pegadas do adolescente na casa mostram que, depois que volta da escola, ele vai até a mãe já morta, passa a mão no cabelo dela e depois se mata. Foram encontrados fios de cabelo que seriam da policial militar entre os dedos do filho.

 

 

Carro
A perícia encontrou um par de luvas no banco de trás do veículo. As peças foram mandadas para análise, que vai mostrar se havia vestígios de pólvora. O carro, segundo a a polícia, foi usado por Marcelo após o crime para ir até a escola, que fica a cerca de 5 km da casa da família

As informações foram divulgadas na manhã desta quarta-feira (7) pelo delegado Itagiba Franco, da Divisão de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP). O exame nas luvas será mais uma ferramenta para indicar a autoria do crime, já que o exame residuográfico feito na mão de Marcelo deu negativo para vestígios de pólvora.

Segundo Franco, na segunda perícia feita na casa na noite desta terça-feira (6) foram recolhidas novas armas. “Foram encontradas duas armas que pertenciam ao policial e que estavam guardadas na casa”.  Além dessas duas novas armas, já haviam sido apreendidas a pistola .40, que pertencia à Andréia e teria sido usada no crime, e uma outra arma que era de um avó de Marcelo.

Na terça-feira, Franco havia dito que um amigo de escola, cujo nome não foi revelado, contou em depoimento à polícia que o garoto Marcelo já tinha manifestado o desejo de matar os pais e que queria ser “matador de aluguel”.

8 de agosto de 2013 às 0:15

Ministro garante a Wilma dinheiro para conclusão de obras em Ponta Negra [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A vice-prefeita de Natal, Wilma de Faria, também foi a Brasília para se integrar à comitiva do prefeito Carlos Eduardo que peregrina por gabinetes dos Ministérios.

Enquanto o prefeito cumpria outros compromissos, Wilma foi ao gabinete do ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra Coelho.

Melhor a vice, nesse caso, já que o ministro é do PSB de Wilma…

A vice-prefeita tratou da liberação de recursos para a conclusão das obras na praia de Ponta Negra.

Saiu do Ministério com a promessa de que o dinheiro que falta para a conclusão das obras será liberado nos próximos dias.

 

Wilma e Fernando Bezerra

8 de agosto de 2013 às 0:13

Em Brasília, Wilma e Fábio Faria discutem 2014 e marcam reunião do PSD e PSB [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Semana passada, em Natal, o vice-governador-candidato Robinson Faria, pai do deputado Fábio Faria, almoçou com a deputada Márcia Maia, filha da ex-governadora Wilma de Faria.

Nesta quarta, em Brasília, o filho de Robinson, deputado Fábio Faria, almoçou com a mãe de Márcia, a ex-governadora Wilma.

No cardápio, eleições 2014, passando pelo apoio de Wilma à candidatura de Robinson.

Bem óbvio.

No final, como sobremesa, ficou definida para o dia 19, uma uma reunião entre membros do PSD de Robinson e Fábio e o PSB de Wilma e Márcia.

“Vamos nos reunir com outros membros dos nossos partidos e estamos certos de que a oposição caminhará unida nas eleições do próximo ano”, disse Fábio Faria.

 

Fábio e Wilma