Thaisa Galvão

25 de junho de 2014 às 13:00

Antônio Jácome: “Espero que a coligação seja mantida. Se alguém quebrar, que arque com as consequências” [1] Comentários | Deixe seu comentário.

O deputado Antônio Jácome, presidente do PMN, não foi ao apartamento do governadorável Henrique Alves (PMDB) para tratar de coligações.

E por um motivo: não trata de um assunto que considera resolvido.

"Não participo de nenhuma reunião sobre isso. Pra mim é um assunto vencido, definido e encerrado", disse o deputado em contato com o Blog.

Thaisa Galvão – O que causou essa confusão toda entre os deputados e partidos? 

Antônio Jácome – Esses partidos grandes não fizeram o dever de casa, não se prepararam para ter uma nominata. Porque cada partido desses poderia sair sozinho. 

Thaisa Galvão – O PMN fez o dever?

Antônio Jácome – Eu venho trabalhando isso, e isso dá trabalho, há mais de dois meses. Porque um partido pequeno como o PMN tem 15 candidatos, o PHS tem 20 candidatos, o PSDC tem 15 candidatos, por que o PMDB não pode ter 30 candidatos? Por que o PSB, o PROS, não podem ter 30 candidatos? O que não pode é se queixar e querer levar a reboque os partidos pequenos.

Thaisa Galvão – O que os deputados dizem é que você está em duas coligações porque quer eleger seu filho, o vereador Jacó Jácome.

Antônio Jácome – Ninguém é obrigado a se coligar com ninguém. Se meu objetivo fosse só eleger Jacó, entraria no chapão e ele poderia ter a votação que eu tive como deputado estadual. Os partidos pequenos se unem para criar novas perspectivas. Se Jacó pode vir a ocupar uma vaga de estadual que ocupei durante 4 legislaturas, não estou tirando a vaga de ninguém, portanto, é injusta e injustificável essa reação.

Thaisa Galvão – Você acredita que poderá haver alteração?

Antônio Jácome – Eu estou tranquilo e espero que essa coligação seja mantida. Se alguém quebrar, que arque com as consequências.

Thaisa Galvão – Quais seriam essas consequências?

Antônio Jácome – Não sei, mas toda ação, como diz a Física, tem uma reação.

Thaisa Galvão – Você fechou essa coligação (PMN, PSDB, PSC, PSDC e PRB) direto com o deputado Henrique Alves?

Antônio Jácome – Com os dirigentes dos partidos. A propósito, a população não vê com bons olhos essa história de chapão para eleger candidatos. Toda eleição tem uma renovação pelo menos de 20% na Assembleia, por que agora não pode ter?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*