Thaisa Galvão

18 de outubro de 2015 às 18:58

Deputado Galeno Torquato quer união das bancadas federal e do Estado para tentar reverter corte nos recursos de Oiticica [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O governo federal, apesar de dizer que sim, não vai permitir a conclusão das obras da Barragem de Oiticica, uma das principais do Rio Grande do Norte inseridas no PAC 2.Para o orçamento de 2016, a equipe econômica do Palácio do Planalto só destinou R$ 18 milhões.

Para ser concluída, a obra necessita hoje de R$ 210 milhões.

O corte quase total no orçamento vai garantir um repasse mensal de R$ 3,5 milhões, quando o necessário seriam R$ 10,5 milhões mensais.

O corte revoltou o deputado estadual Galeno Torquato, que como presidente da Frente Parlamentar da Água no RN, criada na Assembleia Legislativa para debater e tentaar soluções para os efeitos da seca no Rio Grande do Norte.

Galeno disse que vai buscar a união das bancadas estadual e federal para pressionar o Governo Federal em Brasília…

Sabe que não terá a resposta necessária para reverter a posição do governo federal, mas sabe também que não pode silenciar.
“Como, em um momento de crise como esse, ao invés de estimular ações de combate à seca, estão diminuindo recursos? Não dá para entender”, questionou o deputado Torquato.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*