Thaisa Galvão

15 de janeiro de 2017 às 14:37

A pedido do governador Robinson Faria, governo federal antecipa liberação de parte do Fundo Penitenciário para reforçar segurança em Alcaçuz [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Depois de dois contatos ontem com o ministro da Justiça, Alexandre Morais, para pedir apoio da Força Nacional na guarda ao presídio de Alcaçuz, na intenção de evitar fugas, o governador Robinson Faria voltou a contactar o ministro na manhã deste domingo.
Robinson comunicou ao ministro o o controle da situação pelo Estado, e agradeceu o empenho da Força Nacional na proteção do entorno do presídio. 

O ministro emitiu nota sobre o episódio do Rio Grande do Norte:

NOTA À IMPRENSA

O ministro da Justiça e Cidadania, Alexandre de Moraes, lamenta as mortes ocorridas na rebelião na Penitenciária Federal de Alcaçuz, no Rio Grande do Norte. E agradece, em nome do presidente Michel Temer, o empenho das forças policiais que atuaram em defesa da sociedade, evitando fugas e controlando a situação.

Na manhã deste domingo (15), o governador Robson Faria entrou em contato novamente com o ministro Alexandre de Moraes (já o fizera no sábado, 14) e comunicou que a rebelião havia se encerrado. 
Ele agradeceu o apoio da Força Nacional, que está no Estado desde o ano passado e cuja presença por mais 60 dias já havia sido autorizada pelo Ministério da Justiça e Cidadania na semana passada.

A pedido do governador, o ministro Alexandre de Moraes autorizou que parte dos R$ 13 milhões do Fundo Penitenciário Nacional (Funpen) liberados no dia 29 de dezembro de 2016 para modernização e aquisição de equipamentos seja utilizada em construções que reforcem a segurança no presídio.

O Ministério da Justiça e Cidadania aguarda o relatório final sobre a situação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*