Thaisa Galvão

27 de janeiro de 2017 às 17:54

Técnicos da Semurb reagem à saída do secretário Marcelo Rosado por temerem gestão politizada na Secretaria [1] Comentários | Deixe seu comentário.

Surpresos com a notícia de que o titular da Semurb, Marcelo Rosado, não permanecerá no cargo nessa nova gestão do prefeito de Natal, Carlos Eduardo, técnicos da Secretaria se manifestaram através de uma nota.

Nos bastidores, o temor de que a saída de Rosado dê lugar a uma gestão mais politizada, ao contrário do comportamento técnico adotado por Marcelo, que garantiu reconhecimento nacional à Secretaria do Município.

Abaixo a nota elaborada pelos técnicos da pasta:

“Durante dois anos tivemos o secretário Marcelo Rosado como nosso titular à frente da SEMURB. Hoje recebemos a notícia de seu afastamento com surpresa, dado seu trabalho e dedicação nesse período. 
Em sua gestão, importantes trabalhos como Licenciamento Online, Regulamentação das ZPAs, conquitas de importantes espaços no cenário nacional a exemplo do CB27 e do Conama; Green Map, inserção de Natal no Rede Sim, entre outros trabalhos que só foram possíveis devido a visão empreendedora e ousada de Marcelo.
A equipe da SEMURB agradece a confiança e autonomia que Marcelo sempre depositou em nosso trabalho”

27 de janeiro de 2017 às 12:20

Relatório aponta que Ministério Público do RN volta ao limite legal da Lei de Responsabilidade Fiscal [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Do MPRN:
MPRN reduz índice para 1,88% da Receita Corrente Líquida do RN e volta ao limite legal da LRF

O Relatório de Gestão Fiscal (RGF) liberado hoje (sexta-feira), aponta o índice de 1,88% da Receita Corrente Líquida do RN, em gastos com pessoal no Ministério Público do Rio Grande do Norte. O percentual reposiciona o MPRN para o limite legal estabelecido na Lei de Responsabilidade Fiscal. O RGF do último quadrimestre, onde são apresentados os novos índices, deverá ser publicado no Diário Oficial do Estado no próximo sábado.
De acordo com a LRF, o prazo para que o MPRN promovesse as adequações e retornasse ao limite legal era de quatro quadrimestres, ou seja, até o mês de abril de 2017 – com a publicação do índice no mês seguinte (maio). Contudo, a Instituição alcançou o índice de 1,88% já no terceiro quadrimestre, portanto quatro meses antes do prazo, e foi além, ficando abaixo do limite prudencial, que varia entre 1,9% e 2%.
Para que a meta fosse atingida, foram realizados diversos ajustes, além da diminuição no quadro de membros do MPRN, sendo quatro cargos de procuradores de Justiça, 13 cargos de promotores de Justiça em Natal e nove promotores substitutos. Com esta iniciativa, o MPRN reduziu em 10% o número de membros.
Apesar das várias medidas adotadas, o procurador-geral de Justiça Rinaldo Reis ressalta, com satisfação, que não foi realizada nenhuma demissão de servidor, nem houve qualquer prejuízo na qualidade dos serviços que o Ministério Público presta à sociedade. “É importante destacar que conseguimos alcançar o objetivo, mesmo sem nenhum sinal de recuperação da nossa economia, num cenário ainda muito adverso. Torcemos para que as demais instituições também tenham conseguido reduzir seus índices”, enfatiza o procurador-geral.
Outro aspecto positivo citado pelo PGJ é que, retornando ao limite legal da LRF, o MPRN fica sem qualquer restrição para, por exemplo, repor quadro de servidores.
O MPRN em breve divulgará, através de seus canais oficiais, um breve histórico cronológico das medidas implementadas pela Instituição.

27 de janeiro de 2017 às 3:43

Renan Calheiros trabalha para Garibaldi Filho ficar com a 2ª vice-presidência do Senado [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O senador Garibaldi Filho já disse ao Blog: não vai, de jeito nenhum, disputar a presidência do Senado.

Mas…

E a segunda-vice presidência?

Veja notícia do Globo de hoje:

Resta saber se Garibaldi quer.

Porque a nova peemedebista, Marta Suplicy, quer sim.

27 de janeiro de 2017 às 0:01

Banda Grafith recorre à justiça contra quem tenta denegrir a imagem de seus profissionais nas redes sociais [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Da banda Grafith que tem o apoio de milhares de fãs, inclusive para acionar a justiça para punir quem não sabe usar do respeito que merecem seus profissionais.

Nota de Esclarecimento



Dia após dia, acompanhamos as notícias que surgem quanto à segurança do nosso Estado e o atual caos que se instalou nos últimos dias devido às rebeliões no presidio de Alcaçuz. 
Não é de hoje que a Banda Grafith é alvo de críticas que só visam denegrir nossa imagem. 

Na maioria das vezes até achamos engraçado, tamanha é a facilidade das pessoas em criarem memes, fotos, vídeos com tanta criatividade. 
Em outros momentos ignoramos e deixamos simplesmente que a Nação Grafitheira responda por nós, com toda a sua garra e carinho. 
Infelizmente, chegamos a um ponto em que a brincadeira passou de todos os limites aceitáveis. Fazer o uso da imagem alheia com intuito de denegrir é crime de Calúnia, difamação e injúria segundo o artigo 138 a 140 do Código Penal. 
Colocando em tom de “zueira” a imagem da nossa empresa, de um grande amigo e colega de profissão Edson Gomes e a situação caótica do nosso estado.
Temos visto vídeos e ouvido áudios que associam a nossa imagem a badernas, mortes, apologia à violência, drogas e crimes de tudo quanto é categoria, e isso tem nos deixado profundamente tristes.
Quem nos conhece de perto sabe da nossa índole, dos nossos valores. 

Sabe acima de tudo que tivemos a criação de um militar de extremo caráter, que fazemos questão de honrar. 
Por todo esse desconforto gerado tomamos as medidas cabíveis na justiça contra os danos morais provocados através dessas calúnias e difamações. 
E deixamos claro que a partir de agora não vamos tolerar estes excessos sem procurar os nossos direitos enquanto cidadãos, profissionais e pais de família. 
É isso pessoal, esta sim é a Nota que a Banda Grafith gostaria de transmitir, e não a falsa “Nota de Repúdio” que está circulando entre os grupos e que não foi feita por nós.
Agradecemos a todos que sempre estão ao nosso lado, principalmente aos nossos fãs que nos defendem com tanta convicção. 
Pedimos gentilmente que sempre que tiverem alguma dúvida entrem em contato através dos nossos canais oficiais de comunicação que estaremos totalmente abertos para respondê-los.
Um abraço da Família Grafith.