Holiday

Thaisa Galvão

6 de abril de 2017 às 22:08

Agripino diz que doações ao DEM não tiveram contrapartida pois partido era o maior adversário dos governos Lula e Dilma [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Do senador José Agripino sobre a inclusão da citação de seu nome pelo ex-diretor da Transpetro, Sérgio Cabral, num inquérito já aberto no STF:

NOTA DO SENADOR JOSÉ AGRIPINO

 

Apesar de desconhecer o inteiro teor da delação do ex-senador Sérgio Machado, devo esclarecer o seguinte:
1- As doações que, como presidente de Partido tenho a obrigação de buscar, obedecendo à legislação vigente, foram obtidas sem intermediação de terceiros, mediante solicitações feitas diretamente aos dirigentes das empresas doadoras.

 

2- Presidente de Partido de oposição que sou, não teria nenhuma contrapartida a oferecer a qualquer empresa que se dispusesse a fazer doação em troca de favores de governo.

 

3- As doações recebidas – todas de origem lícita – foram objeto de prestação de contas, devidamente aprovadas pela Justiça Eleitoral.
4- A empresa citada, portanto, fez doação oficial a um parlamentar de oposição que nenhuma influência poderia ter sobre negócios com a Petrobras.

 

Senador José Agripino (RN)

Presidente nacional do Democratas

6 de abril de 2017 às 19:38

Parecer técnico do TCE recomenda que conselheiro acate representação de Kelps Lima e impeça saques na conta do NatalPrev [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O setor técnico do Tribunal de Contas do Estado emitiu parecer, a pedido do conselheiro Tarcísio Costa, considerando cabível a liminar pedida pelo deputado Kelps Lima (SD) para impedir que a Prefeitura de Natal saque recursos do NatalPrev para pagar a aposentados e pensionistas.

O parecer recomenda que o conselheiro, relator da representação do deputado, acate o pedido de liminar.
A análise técnica do TCE ainda considera ilegais os saques feitos na conta da Previdência no ano passado, ano de eleição.

Leia trecho da recomendação:
47. Considerando ainda a urgência requerida pela matéria e situação apreciada, esta Unidade Técnica sugere ao Excelentíssimo Senhor Conselheiro Relator que, inaudita altera pars, nos termos dos §§ 3° e 4° do art. 120 da Lei Complementar n° 464/2012, determine CAUTELARMENTE:

I.

A SUSPENSÃO IMEDIATA de qualquer ato, tanto da Prefeitura Municipal de Natal quanto do Instituto de Previdência Social dos Servidores do Município do Natal – NATALPREV, com o fito de:

a. efetuar pagamento dos proventos dos aposentados e pensionistas vinculados ao Fundo Financeiro de Previdência – FUNFIPRE com recursos financeiros relativos à contribuição patronal do fundo de Capitalização de previdência – FUNCAPRE;

b. transferir recursos entre os fundos previdenciários, FUNFIPRE e FUNCAPRE;

c. permitir a assunção do pagamento de benefício entre os fundos, ou pagamento de benefícios ou despesas de forma distinta daquelas definidas originalmente pela Lei Complementar Municipal n° 63/2005;

Sobre os saques de 2015/2016 
39. Dessa forma, sem mesmo adentrar no mérito da natureza da autorização dada com a possível aprovação do projeto de lei e as possíveis irregularidades frente a LRF e demais normativos, é possível identificar indícios de que a conduta de transferir recursos do FUNFIPRE para o FUNCAPRE, ou a assunção da despesa de benefícios previdenciários entre os fundos, fere os princípios e as normas vigentes sobre RPPS.

40. Além da situação referente ao ato a ser autorizado pelo projeto de lei, há uma série de documentação e informações que sustentam possíveis ilegalidades no decorrer do ano de 2015 e 2016, em especial a ausência de repasses ao fundo, tanto da parcela patronal, quanto dos valores descontados dos servidores, conforme exposto no Documento n° 5720/2017 (Evento 9).

6 de abril de 2017 às 19:13

Jóias em baixa: Donos e diretores da H.Stern vão delatar esquema de Sérgio Cabral e de outros grupos políticos [0] Comentários | Deixe seu comentário.

E por falar em jóias…

O Blog recomenda o uso de bijuterias…

Os donos da H.Stern e 2 diretores fecharam acordo de delação premiada.
O grupo vai devolver 18 milhões de reais e pode envolver outros grupos políticos além do grupo do ex-governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral (PMDB).
O acordo foi fechado pelo presidente da joalheria, Roberto Stern, o vice-presidente, Ronaldo Stern, o diretor financeiro, Oscar Luiz Goldemberg, e a diretora comercial, Maria luiza Trotta. 

6 de abril de 2017 às 19:00

Ex-governadora e vereadora Wilma de Faria dá continuidade a tratamento internada no São Lucas [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A ex-governadora do RN e vereadora de Natal, Wilma de Faria (PTdoB) está internada no Hospital São Lucas.

Como está com as defesas baixas, os médicos recomendaram não receber visitas.
A vereadora, que deverá se licenciar da Câmara, dá continuidade a procedimentos do tratamento contra o câncer, iniciados nos últimos dias em São Paulo.

6 de abril de 2017 às 18:28

Em nota, Felipe Maia diz que doações para sua campanha foram aprovadas pela Justiça Eleitoral [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Do deputado federal Felipe Maia (DEM) sobre a inclusão de seu em inquérito da lava-jato:

NOTA
Todas as doações recebidas na minha campanha foram devidamente contabilizadas e aprovadas pela Justiça Eleitoral. 
Em 2014, as doações recebidas de empresas privadas, dentro do que permitia a legislação, foram arrecadadas através da minha conta campanha, bem como pelos Diretórios Nacional e Estadual do meu partido, sem intermediários.
Deputado Federal Felipe Maia

6 de abril de 2017 às 16:27

Em nota, Garibaldi Filho e Walter Alves lembram que o próprio Janot citou doações às suas campanhas como “oficiais” [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Da assessoria do senador Garibaldi Filho (PMDB) e do deputado Walter Alves (PMDB), sobre a decisão do ministro Edson Fachin de incluir os nomes dos dois nas investigações da lava-jato:
N O T A

 

Com relação à decisão do ministro Edson Fachin de autorizar a Procuradoria-Geral da República a investigar fatos incluídos em delação premiada do ex-senador Sérgio Machado, esclarecemos que o próprio delator – quando cita o senador Garibaldi Alves Filho e o deputado federal Walter Alves – ressalta que as doações feitas a eles foram oficiais. 
Não houve nenhuma troca de favor, benesse ou vantagem de qualquer natureza.
Vale destacar que a Lei 9.504 e as resoluções do Tribunal Superior Eleitoral previam esse tipo de arrecadação nas campanhas eleitorais, inclusive fixavam percentuais para as doações de pessoas físicas e jurídicas.

 

Assessorias do senador Garibaldi Filho e do deputado Walter Alves

6 de abril de 2017 às 14:45

Relator da lava-jato acata pedido da PGR e citação a Henrique Alves será investigada por Sérgio Moro [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O relator da lava-jato no STF, ministro Edson Fachin atendeu pedido do procurador-geral da República, Rodrigo Janot, para que sejam encaminhadas ao juiz Sérgio Moro, em Curitiba, as citações ao ex-deputado e ex-ministro Henrique Eduardo Alves (PMDB).

A citação ao ex-deputado Cândido Vaccarezza (PT) também será investigada por Moro.
Fachin também autorizou a inclusão dos nomes dos senadores Garibaldi Filho (PMDB), José Agripino (DEM) e Valdir Raupp (PMDB) ao inquérito para que sejam investigadas doações às suas campanhas.

Além dos senadores, quatro deputados que receberam doações de campanhas passarão a ser investigados: Walter Alves (PMD), Felipe Maia (DEM), Jandira Feghali (PCdoB-RJ) e Luiz Sergio (PT).

6 de abril de 2017 às 13:56

Defesa de Cláudia Cruz articula para livrá-la de Sérgio Moro [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Da Época:
Cláudia Cruz recorre ao STJ para não ser julgada por Moro
Ela havia feito o mesmo em relação ao Tribunal Regional Federal da Quarta Região, que negou o pedido
Bárbara Lobato
Um recurso dos advogados de Cláudia Cruz, mulher do ex-presidente da Câmara dos Deputados Eduardo Cunha, para que ela não seja julgada pelo juiz federal Sergio Moro na Lava Jato, chegou ao Superior Tribunal de Justiça (STJ) na terça-feira (4). 
O pedido fora protocolado no Tribunal Regional Federal da Quarta Região, que o negou. 
Os advogados de Cláudia, então, apelaram ao STJ. 
O relator que apreciará o recurso, com grandes chances de ser negado, ainda não foi escolhido. 

6 de abril de 2017 às 12:42

Mais uma licitação deserta e transporte público de Natal seguirá sob regime de permissão [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Mais uma vez a licitação dos transportes públicos de Natal dá deserta…

Sinal claro, claríssimo, que não há intenção de mudar o sistema de “permissão” que impera no sistema de transporte público na capital potiguar.

O sistema de concessão está longe de ser implantado.
Segundo o deputado Kelps Lima, agora há pouco no plenário da Assembleia Legislativa, a licitação nunca vai sair porque a Prefeitura não sabe fazer.

A posição de Kelps não é de hoje.

Sempre que questionado sobre licitação do transporte público, ele respondeu que não acontecerá.

Pois tá aí comprovado mais uma vez.

6 de abril de 2017 às 11:58

Estadão mostra que Beto Rosado, Fábio Faria e Felipe Maia votarão a favor da reforma da Previdência [1] Comentários | Deixe seu comentário.

O Estadão fez um balanço sobre a posição dos deputados federais em relação à reforma da Previdência.
E criou várias situações com ressalvas até agora levantadas pelos parlamentares.

Veja abaixo as ressalvas e analise como respondeu ao jornal, cada deputado potiguar:

Veja como o jornal mostrou a posição dos deputados do Rio Grande do Norte.
Votam a favor da reforma e suas variações:


Se posicionaram ao jornal, contra a reforma:



O deputado Rogério Marinho (PSDB), relator da reforma trabalhista, é tido como favorável à reforma da Previdência, mas não externou publicamente sua posição.

6 de abril de 2017 às 11:27

Aliados da prefeita de Ouro Branco não acreditam que ela será afastada pelo TRE  [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Em Ouro Branco, aliados da prefeita Fátima Silva, do PT, que recorre no cargo ao processo que cassou seu mandato e do vice Dr Araújo, garantem que a justiça eleitoral não vai afastar a chefe do executivo.

E alguns dizem pelos quatro cantos do município que quem tem padrinho forte não perde o cargo.
O recurso da prefeita aguarda julgamento no TRE.
Enquanto isso a prefeita, além de cuidar da sua defesa, articula os apoios para as eleições do próximo ano.

Após apoiar a eleição da deputada federal Zenaide Maia (PR), em 2014, tem compromisso para votar em Henrique Alves (PMDB) em 2018.

6 de abril de 2017 às 11:01

Histórico do PMDB, Benes Leocádio vai se filiar ao PSDB quando Ezequiel Ferreira assumir comando da legenda [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O presidente da Federação dos Municípios do RN, ex-prefeito de Lajes e peemedebista histórico, Benes Leocádio vai trocar de legenda como já confirmou ao Blog.

Benes vai se filiar ao PSDB e adiantou ao Blog que assinará ficha de filiação quando o deputado Ezequiel Ferreira de Souza (PSDB) assumir a presidência do partido, o que está previsto para o próximo mês.
“Meu compromisso é com a reeleição de Ezequiel”, afirmou Benes.
O PSDB está representado hoje em mais de 160 municípios do RN e as convenções já começarão a acontecer na próxima semana.

Filiados do partido em município que ainda não tem, já foram orientados a criar comissões provisórias.

6 de abril de 2017 às 10:51

Doleiro diz que grupo de Sérgio Cabral comprava telefone de camelô para não ser grampeado [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O doleiro Marcelo Chebar, que operava para Sérgio Cabral (PMDB), faz mais um estrago na vida do ex-governador traquina do Rio de Janeiro.
Em depoimento ao Ministério Público Federal (MPF), ainda em janeiro, mas ‘vazado’ só agora, ele revelou que no esquema liderado pelo peemedebista, se comprava  telefone celular pré-pago a cada 15 dias nos camelódromos do Rio. 

Telefones e modens de acesso à internet nos camelôs não são cadastrados junto à Anatel.

Os sparelhos iam sendo descartados para evitar rastreamentos.

Coisa de profissa…

A intenção era fugir de escutas da Polícia Federal.
Chebar cuidava dos “investimentos” de Sérgio Cabral desde 2003 e ajudava a montar estratégias para que o esquema não fosse descoberto.
No depoimento, Chebar, que hoje está no Rio de Janeiro, declarou que o grupo comandado pelo ex-governador do Rio de Janeiro  buscava aplicativos criptografados para a troca de textos ou pen drives com textos em códigos para burlar qualquer monitoramento. 
Não havia troca de emails entre o grupo e outra forma de comunicação era salvar mensagens na pasta “rascunho ” de algum email pré-ajustado, pernitindo que duas pessoas entrassem compartilhando a senha.

Chebar explicou ainda que essa forma de comunicação evitava o trânsito e envio de mensagens.

A entrega de valores era chamada de “melancia”.
Marcelo Chebar disse que o dinheiro de propina era levado em pastas 007, mochilas, em meias elásticas ou dentro de calças. 

E quando não era distribuído, era guardado em salas de escritório alugadas por um dia.

6 de abril de 2017 às 6:09

Câmara aprova em 2º turno pedido do prefeito para pagar aposentados e pensionistas com dinheiro ds Previdência [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A Câmara de Natal aprovou em segundo turno o projeto da Prefeitura autorizando o Executivo a sacar 15 milhões por mês da conta da previdência dos servidores para pagar a pensionistas e aposentados até fevereiro do próximo ano.
Na justiça, dois pedidos de liminar proibindo os saques aguardam julgamento: um da vereadora Natália Bonavides (PT) e p outro do deputado Kelps Lima (SD).
Porém…se o julgamento for retardado, o dinheito será retirado.

6 de abril de 2017 às 6:03

Decisão do STF de impedir que polícias façam greve fortalece o movimento das mulheres de policiais [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A decisão foi do STF e deve mudar o pensamento dos sindicatos de polícias.

Que certamente encontrarão outro caminho para reivindicar.

Aliás, já encontraram:

Agora o movimento passará a ser comandado por elas, as mulheres de policiais que já começaram a se movimentar.

Quem acompanhou a greve da polívia no Espírito Santo sabe.
Da capa do Globo de hoje: