Holiday

Thaisa Galvão

20 de abril de 2017 às 17:44

Homem forte do PT, ex-ministro Palocci quer revelar fatos que vai esticar a lava-jato por mais um ano [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O ex-ministro dos presidentes Lula (PT) e Dilma (PT), Antônio Palocci (PT), que está preso em Curitiba, prestou depoimento hoje ao juiz Sergio Moro.

E deixou no ar uma questão.

Tem informações para mais um ano de lava-jato.

Palocci, homem forte do PT, sugeriu que tem munição para explodir muito mais do que as bombas que já estouraram com a operação.

Palocci quer negociar uma delação premiada e, segundo ele próprio, apresentando “fatos com nomes, endereços e operações realizadas”.
Mas…para não perder a graça da delação, hoje ele negou.

Negou que tenha operado com caixa 2, que tenha pedido doações a empresas quando era ministro, e negou que era chamado de ‘Italiano’ por executivos da Odebrecht.
Pelo jeito, preferiu negar hoje para escancarar depois, desde que tenha a pena reduzida.
Abaixo os vídeos com o depoimento de hoje de Palocci.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


*