Holiday

Thaisa Galvão

4 de Maio de 2017 às 17:31

Prefeitura de Mossoró questiona fechamento de usina de oxigênio feita por delegado sem mandado judicial [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A Prefeitura de Mossoró emitiu nota sobre o fechamEnto, na manhã de hoje, por um delegado, da Usina de Oxigênio do município.
Na nota o Executivo explica que o delegado agiu sem apresentar mandado judicial.

O policial, segundo a nota da Prefeitura, justificou que atendia pedido do Ministério Público feito por telefone e que não havia nenhum documento.
A Procuradoria Geral do Município contestou o ato 
A Prefeitura alertou ao delegado que o corte abrupto no fornecimento do oxigênio trazia riscos de morte a pacientes atendidos pelo SAMU, UPAs e em tratamento domiciliar.
Com o apelo dos servidores municipais para a permanência do funcionamento da usina em função dos pacientes, após 3 horas de discussão, a usina de oxigênio voltou a funcionar normalmente, de acordo com a nota da Prefeitura, que adiantou que tomará medidas legais contra o corte no fornecimento de oxigênio ocorrido hoje em Mossoró.

*

Ao Blog a assessoria da Prefeitura disse que a Usina é do município e que não há débitos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*