Holiday

Thaisa Galvão

9 de maio de 2017 às 23:14

Julianne Faria é eleita mais uma vez representante do Nordeste no Fonseas [1] Comentários | Deixe seu comentário.

Depois de apresentar o Cadastro de Dados do RN (CaDRN), criado pela equipe da Sethas como instrumento de informações, a secretária Julianne Faria foi eleita vice-presidente da Região Nordeste do Fórum Nacional de Secretários (as) da Assistência Social (Fonseas). 
A eleição foi realizada durante o 3º Encontro do Fórum Nacional de Secretários de Assistência Social, em Brasília. 

Esta é a segunda vez que a titular da Sethas é eleita para a função. 

A primeira foi no ano de 2015.

A secretária adjunta da Sethas, Maira Almeida, foi eleita representante do Fonseas no Conselho Nacional de Assistência Social (CNAS).

O secretário do Ceará, Josbertini Clementino, foi reeleito presidente do Fórum.

9 de maio de 2017 às 21:36

Baraúna: casal que estava na calçada de casa é baleado na cidade que soma 14 mortes em 4 meses [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Um casal que estava na calçada de casa no bairro Caixa d’Água, em Baraúna, foi baleado agora há pouco.

Uma briga de grupos, que vem se repetindo em Baraúna, e que em 4 meses já contabiliza 14 mortes, atingiu o casal que conversava depois do jantar.

Neste momento 3 pessoas baleadas estão sendo atendidas no hospital do município: o casal e mais uma pessoa.

Baraúna tem uma população de 25 mil habitantes.
Atualizando (22h14) – o Blog recebeu a informação confirmada que a mulher baleada na calçada de casa não resistiu aos ferimentos e morreu.

Com isso a estatística muda: são 15 mortes em 4 meses.

9 de maio de 2017 às 18:09

Julianne Faria apresenta em Brasília sistema de dados criado pela Assistência Social do RN [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A secretária estadual de Assistência Social, Julianne Faria, apresentou hoje em Brasília, o sistema Cadastro de Dados do RN (CaDRN).
A apresentação aconteceu no 3º Encontro do Fórum Nacional de Secretários de Assistência Social.
Entre gestores e repeesentantes da assistência social de todo país, acompanharam a apresentação o governador Robinson Faria e o ministro das Comunicações, Gilberto Kassab.
A ferramenta, criada por técnicos do Governo do RN, permite acesso aos profissionais da assistência social a dados como população sem acesso a água, habitação, coleta de lixo, nível de pobreza e de alfabetização, dentre outros. 
“De posse desses dados será possível nortear as políticas públicas”, explicou Julianne Faria.
Durante o evento, foram assinados os termos de adesão com os representantes dos estados e do Governo Federal para que eles recebam a tecnologia do sistema repassada pela Sethas. 
Com isso, eles terão acesso ao sistema para uso nas suas secretarias de Assistência Social.
Além do CadRN, coube à secretária apresentar também o balanço de todas as ações da Sethas-RN durante a atual gestão como a ampliação do programa Restaurante Popular, criação do Transporte Cidadão e do Moradia Cidadã.


9 de maio de 2017 às 7:57

Reforma trabalhista travada no Senado [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A reforma trabalhista que passou bem pela Câmara, tende a empacar no Senado.
Do Globo de hoje:

Do Blog – Os senadores viram nas ruas os efeitos da aprovação.

E temem pelo que pode estar por vir nas eleições do próximo ano.
É bom lembrar que agora em 2018 o Senado renova as duas vagas de cada estado.

Dos 81 senadores, só 27 continuarão no cargo com mais 4 anos garantidos.

54 senadores ou disputarão reeleição ou deixam o cargo, mas deverão tentar eleger substituto.

E essas 54 vagas podem estar ameaçada pelo voto Sim às reformas do governo – trabalhista e previdência.
E na hora de garantir o mandato, a queda de braço com o governo será inevitável.

9 de maio de 2017 às 7:40

Os novos rumos da lava-jato [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O procurador geral da República, Rodrigo Janot, pede o impedimento do ministro Gilmar Mendes no caso Eike Batista.

Gilmar não teria sido republicano e agido de forma pessoal na causa…

O ministro do Tribunal de Contas da União, Vital do Rêgo, virou figura carimbada em delações da lava-jato.

O Tribunal de Contas do Rio de Janeiro caiu.

Não tem moral pra fiscalizar nem “casa de recurso”…
É a lava-jato tomando outros rumos?

O rumo de onde tem que chegar?
Porque todo mundo sabe que todo mundo sabe que muitas decisões políticas passam por decisões jurídicas…
Seria o começo de tudo?

Cerco se fechando?

9 de maio de 2017 às 0:40

A bancada do RN e a Reforma da Previdência [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O Palácio do Planalto quer a votação reforma da Previdência no dia 24 ou 31 de maio.

 

E a expectativa do Governo é de 330 deputados votando Sim, pela reforma em discussão.

 

Vendo que ainda há resistência por parte de deputados em relação ao voto, Temer acena com agrados…

Quem perdeu cargos porque votou Não à reforma trabalhista, poderá recuperá-los, caso vote Sim na reforma da Previdência.

 

No Rio Grande do Norte dois deputados perderam cargos.

 

Antônio Jácome (PTN) perdeu a superintendência da Funasa.

Mas já adiantou, gravou vídeo, inclusive, que manterá a decisão já anunciada aos seus eleitores: votará contra a reforma da Previdência.

 

Já o deputado Rafael Motta (PSB), que perdeu duas superintendências (DNIT e DNPM) ainda é uma incógnita.

Questionado duas vezes pelo Blog sobre a reforma da Previdência, ele não respondeu.

 

Motta já havia se pronunciado contrário à reforma, mas…isso antes da trabalhista entrar em pauta e da retaliação do presidente Temer.

 

Reafirmando aqui as posições dos deputados da bancada do Rio Grande do Norte:

 

-Antônio Jácome (PTN) – Vota Não

 

-Beto Rosado (PP) – Já se pronunciou contrário à reforma e não tem se pronunciado de outra forma. Ele não tem se declarado contrário ao que já havia anunciado. Então pelo que o deputado já anunciou, votará Não, contra a reforma.

 

-Fábio Faria (PSD) – Votou Sim na reforma trabalhista e votará Sim ao projeto de reforma da Previdência elaborado pelo Palácio do Planalto.

 

-Felipe Maia (DEM) – Segue a mesma linha de Fábio Faria.

 

-Rafael Motta (PSB) – Expectativa de que vote favorável à reforma, contrariando o que já havia anunciado, contra a Previdência.

 

-Rogério Marinho (PSDB) – relator da reforma trabalhista, não tem como votar contra a reforma da Previdência.

 

-Walter Alves (PMDB) – Já se pronunciou contrário à reforma, resta saber se o PMDB vai fechar questão, como quer Michel Temer, e votar pela reforma. Nesse caso, o deputado do Rio Grande do Norte poderá mudar seu voto e aprovar a reforma da Previdência.

 

-Zenaide Maia – deputada do PR tem feito oposição ao governo. Votou Não à trabalhista, e agora reforçará seu papel de adversário votando contra a da Previdência.

 

Está feita a aposta.

O eleitor é quem vai definir se o deputado em quem votou, lhe representa mesmo como tem que ser…ou não merece mais a confiança.