Holiday

Thaisa Galvão

15 de Maio de 2017 às 23:19

Após afirmar que triplex é de Lula, executivo da OAS entrega documentos à justiça para comprovar o que falou em delação [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Da Veja Online:

 

Léo Pinheiro apresenta a Moro provas no caso tríplex

Defesa do empreiteiro anexou a processo documentos internos da OAS, mensagens telefônicas e agenda que mostra encontros com Lula, Okamotto e Vaccari

 

Por João Pedroso de Campos

 

Após dizer ao juiz federal Sergio Moro que o tríplex 164-A do edifício Solaris, no Guarujá (SP), era do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, o ex-presidente da OAS José Adelmário Pinheiro Filho, o Léo Pinheiro, anexou nesta segunda-feira ao processo que apura o pagamento de propina de 3,7 milhões de reais ao petista, documentos que confirmariam o conteúdo de seu depoimento.

Assim como Lula, Pinheiro também é réu nesta ação penal.

 

“O apartamento era do presidente Lula desde o dia que me passaram para estudar os empreendimentos da Bancoop [cooperativa habitacional dos bancários]. Já foi me dito que era do presidente Lula e de sua família. Que eu não comercializasse”, afirmou o empreiteiro na oitiva, quando perguntado pelo advogado Cristiano Zanin Martins, que defende o petista, se ele “entendia” que a OAS havia repassado a propriedade ao ex-presidente.

 

Para comprovar suas declarações, a defesa do empresário incluiu nos autos, e-mails, documentos internos e análises sobre custos de obras da OAS, além de 41 páginas de uma agenda pessoal com indicações de encontros dele com Lula, o presidente do Instituto Lula, Paulo Okamotto, e o ex-tesoureiro do PT João Vaccari Neto, e mensagens telefônicas de alguns executivos da empreiteira, incluindo o próprio Léo Pinheiro.

 

Entre os documentos da empreiteira que serão analisados por Moro, há indicações a “obras civis apto 164 – cobertura”, vinculadas aos custos do Solaris, e “reforma Atibaia”, relacionada a uma tabela que trata do condomínio residencial Absoluto Mooca, construído pela empreiteira no bairro da Mooca, Zona Leste de São Paulo.

 

Conforme as investigações da Operação Lava Jato, além da obra no tríplex, a OAS teria participado de um “consórcio informal” ao lado da Odebrecht para reformar o sítio Santa Bárbara, em Atibaia (SP), que o ex-presidente costumava frequentar e cujos donos são sócios de Fábio Luis Lula da Silva, primogênito do petista.

Em seu depoimento a Moro, Pinheiro confirmou que as obras na propriedade rural foram feitas a pedido de Lula.

 

Entre os documentos disponibilizados pela defesa de Léo Pinheiro a Moro, não há valores relacionados às obras no tríplex ou no sítio.

 

Na agenda entregue por Léo Pinheiro à Justiça Federal ainda há cinco citações a encontros com o ex-presidente Lula ao longo de 2014, a maioria delas na sede do Instituto Lula, onde Pinheiro também se reuniu 19 vezes com Paulo Okamotto. Há registros de seis encontros entre o empreiteiro e o ex-tesoureiro petista João Vaccari.

15 de Maio de 2017 às 22:56

Julgamento da chapa Dilma/Temer no TSE depende de Gilmar Mendes [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Cabe ao presidente do TSE, ministro Gilmar Mendes, retomar o julgamento do processo que pede a cassação da chapa Dilma/Temer em 2014.

 

O caso começou a ser julgado no dia 4 de abril e foi suspenso para abrir mais prazo às defesas da ex-presidente Dilma Rousseff e do presidente Michel Temer.

 

Relator do processo, o ministro Herman Benjamin, do TSE, liberou para a pauta da Corte

 

Mendes está na Rússia e retorna ao Brasil no dia 18.

15 de Maio de 2017 às 22:38

Governador Robinson Faria afinado com projeto de vereadores apresentado pelo presidente da Câmara Raniere Barbosa [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Uma visita técnica…com um toque de política…

Aonde poderá estar Raniere Barbosa nas eleições do próximo ano?
O presidente da Câmara Municipal de Natal e da Federação das Câmaras (Fecam), Raniere Barbosa (PDT), em visita ao governador Robinson Faria (PSD) nesta segunda-feira, recebeu do chefe do Executivo o apoio do Governo às atividades do projeto “Câmara Cidadã”.
O projeto da Fecam vai levar, na próxima semana, atividades legislativas, de esporte e de assistência à zona Norte de Natal. 

“Os vereadores vieram tratar de duas parcerias e nós aceitamos por entender que será salutar para a população. Já temos expertise nas atividades itinerantes de assistência, cidadania e saúde com o projeto Vila Cidadã. Quando a gente promove essas ações, ajuda no combate à violência. Além disso, com a Escola de Governo vamos ajudar a levar capacitação para os pólos regionais da Fecam, beneficiando vereadores, servidores e a população que terá mais qualidade nos serviços oferecidos pelas câmaras”, disse o governador.
“Ficamos felizes pelo governador ter recebido a todos nós vereadores porque estamos diariamente lidando com os problemas da população e sendo cobrados e também ressaltar o trabalho que o vereador Raniere está promovendo em tornar esse encontro possível, firmando as parcerias e descentralizando a gestão da Fecam”, disse a presidente da Câmara de Mossoró, Isabel Montenegro (PMDB).

“Manter essa comunicação dos vereadores com o governador e outros representantes dos poderes e entidades demonstra que as Câmaras estão conquistando mais espaço, maior credibilidade e fortalecimento institucional. O governo estará conosco no Câmara Cidadã quando um misto de serviços serão oferecidos à população todos os meses, aproximando o poder legislativo do cidadão. Com a Escola de Governo temos a garantia que as Câmaras receberão qualificação para melhor servir à população”, explicou Raniere Barbosa.
Fotos Marcelo Barroso


15 de Maio de 2017 às 22:17

Medidas Provisórias: Polícia Federal indicia Lula e mais 12 [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A Polícia Federal indiciou hoje o ex-presidente Lula, por corrupção passiva em um novo inquérito da Operação Zelotes, que investiga suposta compra de medidas provisórias.

Além de Lula foram indiciadas mais 12 pessoas , entre elas os ex-ministros Gilberto Carvalho e Erenice Guerra e os empresários Carlos Alberto de Oliveira Andrade, da empresa Caoa, e Paulo Ferraz, ex-presidente da Mitsubishi.

 

A investigação apontou indícios de que a edição da MP 471 envolveu pagamento de 6 milhões de reais ao PT.

 

Todos negam as acusações.

15 de Maio de 2017 às 19:11

Depoimentos de marqueteiros podem cassar chapa Dilma/Temer e tornar ex-presidente inelegível [0] Comentários | Deixe seu comentário.

De Andrea Sadi, no blog do G1:
MPE pede cassação de chapa e inelegibilidade de Dilma por 8 anos

O Ministério Público Eleitoral pediu na última sexta-feira (12) ao Tribunal Superior Eleitoral que a Corte casse a chapa que elegeu em 2014, Dilma Rousseff e Michel Temer. 
Além disso, pediu a inelegibilidade de Dilma por oito anos.
O Ministério Público Eleitoral atua como fiscal da lei na ação que pede a cassação da chapa Dilma-Temer . O documento, sob sigilo, foi obtido pela GloboNews e reitera o pedido feito na primeira fase do julgamento no TSE, que começou no dia 4 de abril. 
O julgamento, no entanto, foi interrompido. 

A manifestação final do MP é uma das peças que serão levadas para julgamento. 

E não antecipa a posição do ministro relator, Herman Benjamin.

Também entregaram alegações finais PT, PMDB e PSDB, partes no processo.

Na nova manifestação, o vice-procurador-geral eleitoral, Nicolao Dino, incluiu os depoimentos dos marqueteiros João Santana e Monica Moura, que foram ouvidos no dia 24 de abril no processo. 
No documento, o vice-procurador destaca que Santana e Monica afirmaram ‘’textualmente’’ que a representada (Dilma) tinha consciência de que uma parte do pagamentos por seus serviços era oriunda de caixa 2, de responsabilidade da Odebrecht’’. Dino incluiu o seguinte trecho do depoimento de João Santana: 
“Ela sabia que os pagamentos estavam sendo feitos, uma parte do pagamento era feita lá fora. Isso aí, sabia’’. 
Sobre o depoimento de Monica Moura, o vice procurador reproduziu um trecho em que a marqueteira disse que “a presidente sabia, sabia, sem sombra de dúvida’’. 

Para o Ministério Público, é ‘’possível concluir que a representada tinha conhecimento da forma como a Odebrecht estava financiando sua campanha eleitoral, dos ilícitos praticados em benefício da sua candidatura, com eles anuindo. 
Tendo ciência dos acontecimentos, bastava à representada coibir ou censurar a prática de tais condutas. Omitiu-se, porém. 

Nada fazendo, chamou a si a responsabilidade direta pelos fatos’’. Por isso, o MP pede a inelegibilidade de Dilma por oito anos. 
Sobre Temer, Dino escreveu que “há que se registrar que ele não foi mencionado nos depoimentos dos executivos da Odebrecht’’. 

Ele incluiu trecho do depoimento de João Santana afirmando que, com Temer, o único assunto tratado relacionado à campanha eleitoral foi o de um convite formulado pelo presidente para que o marqueteiro fizesse uma campanha no Haiti.“Assim, não há elementos nos autos que liguem o representado Michel Temer aos fatos narrados pelos executivos da Odebrecht, referentes ao financiamento ilícito da campanha dos representados ..(..) 
Sem responsabilidade pessoal do segundo representado, não há o que se falar em inelegibilidade’’. Separação de chapa

Para o Ministério Público Eleitoral, é ‘’inviável’’ a tese de separação da chapa, como quer a defesa de Temer.
Dino registra, no novo documento, a sessão realizada no dia 4 de maio no TSE, que cassou os diplomas do governador e do vice-governador do Amazonas, por abuso de poder imputado ao primeiro titular da chapa. “Corroborando, assim, a jurisprudência da Corte’’.

O julgamento no TSE ainda não tem data para ser retomado, mas a expectativa é que ele seja marcado para junho.

15 de Maio de 2017 às 18:57

Para permanecerem no partido, vereadores do Solidariedade vão ter que deixar bancada do prefeito Carlos Eduardo [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Os vereadores do Solidariedade em Natal vão ter que optar.

Ou entram na linha de oposição ao prefeito Carlos Eduardo (PDT) ou vão ter que deixar o partido.

Dos 3 parlamentares – Paulinho Freire, Eudiane Macedo e Klaus Araújo – pelo menos um já definiu que seguirá a linha do partido nas eleições municipais: de oposição ao prefeito, quando teve como candidato majoritário, o presidente da legenda, deputado Kelps Lima.
O deputado deu prazo de até o fim do mês para os vereadores tomarem uma decisão.

A partir desta data o partido que elegeu 3 vereadores sem precisar de coligação, vai começar a fechar questão nas votações da Câmara.
Quem não acatar a posição do Solidariedade vai ter o aval do presidente da legenda para se desfiliar e buscar outro partido.
Apesar da oposição na campanha, o Solidariedade – na Câmara – se acomodou muito bem obrigada no grupo do prefeito, indicando, inclusive, a Secretaria de Esportes.
O deputado Kelps Lima tem como missão agora, segundo aliado municipal, provar para o eleitorado que o Solidariedade é independente.

Nem faz parte da bancada do prefeito de Natal nem do governador do RN.

15 de Maio de 2017 às 18:41

Ruy Gaspar apresenta números positivos do Turismo do RN [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Do secretário de Turismo do Estado, Ruy Pereira Gaspar, sobre o crescimento do setor.


 

15 de Maio de 2017 às 17:10

Projeto que resgata autoestima de mulheres vítimas de câncer tem apoio da Câmara [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Com o objetivo de resgatar a autoestima de mulheres que venceram o câncer, mas que ainda sofrem com as sequelas estéticas deixadas pela doença foi lançado, na manhã desta segunda-feira (15), na Escola do Legislativo Miguel Arraes, o projeto “Thalita Melo Reviver”.

O projeto, que tem o apoio da Câmara Municipal de Natal, é idealizado pela micropigmentadora Thalita Melo, em parceria com o grupo Reviver Natal, realiza tratamentos estéticos em mulheres que passaram pelo tratamento do câncer.

“O tratamento contra o câncer é bastante severo e muitas mulheres ficam com seqüelas e o projeto do grupo Reviver vem com essa proposta de resgatar essa autoestima através da micropigmentação de sobrancelhas, cílios, auréola do seio. Nosso mandato conversou com o Presidente Raniere Barbosa (PDT) que abraçou o projeto para divulgar através da Câmara Municipal de Natal. É um projeto que precisa de visibilidade, as mulheres precisam saber que ele existe para poderem participar”, afirmou a vereadora Eudiane Macedo (SD).

15 de Maio de 2017 às 15:10

Por causa do dia do Gari coleta de lixo é suspensa na 3ª feira em Natal [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Os serviços de limpeza e coleta de lixo em Natal serão suspensos nesta terça-feira.

A decisão da Urbana se dá em função do Dia do Gari, instituído pela Lei Municipal n° 5.781 de abril de 2007. 

Os serviços de limpeza serão retomados normalmente na quarta-feira.

A Urbana solicita que usuários que botam o lixo para coleta na terça, não o façam para evitar que os sacos sejam rasgados e os detritos espalhados na rua.

15 de Maio de 2017 às 14:37

No hospital, Wilma recebe visita de filhos e netos no domingo das Mães [1] Comentários | Deixe seu comentário.

A ex governadora Wilma de Faria voltou para o hospital.

No domingo dia das Mães, ela recebeu visita dos filhos e netos.

Em tratamento de câncer, Wilma está licenciada da Câmara Municipal de Natal, onde exerce mandato de vereadora.

 

15 de Maio de 2017 às 5:14

Prefeito de Parnamirim sanciona lei que cria Dia Municipal da adoção [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O prefeito RosanoTaveira sancionou no dia 11, a lei ordinária 1.814, que dispõe sobre a criação do Dia Municipal da adoção no âmbito do município de Parnamirim.

Com a nova lei fica instituído o dia 20 de maio – o Dia Municipal da Adoção  no município e durante a semana que antecede este dia deverão ocorrer ações de divulgação em escolas, órgãos públicos, espaços públicos, através de palestras, ações sociais, divulgação de materiais gráficos educativos como folders, cartazes e panfletos.