Holiday

Thaisa Galvão

23 de Maio de 2017 às 12:54

MP explica operação decorrente de investigações no Idema [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Do portal do MPRN:
Capuleto: MPRN cumpre mandados e apura crimes com recursos públicos



O Ministério Público do Rio Grande do Norte, através das Promotorias de Justiça de Defesa do Patrimônio Público da Comarca de Natal e do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (GAECO), com o apoio da Polícia Militar, deflagrou, nas primeiras horas da manhã desta terça-feira (23), a operação Capuleto.
Foram expedidos, pelo juíz da 6ª Vara Criminal da Comarca de Natal, sete mandados de busca e apreensão, todos cumpridos na cidade de Natal. 

A investigação, decorrente da Operação “Candeeiro”, apura a prática dos crimes de peculato, organização criminosa e lavagem de dinheiro, decorrentes da malversação de recursos públicos oriundos de convênio firmado entre o IDEMA/RN e a FUNDEP – Fundação para o Desenvolvimento Sustentável da Terra Potiguar, para cuja execução foi contratada a empresa Plana Edificações LTDA, e tem por objeto a reforma do Ecocentro, com recursos oriundos da compensação ambiental da empresa Brasventos Eolo Geradora de Energia S/A.
Além disso, também é investigado o pagamento de vantagens indevidas a agentes públicos para renovação do contrato do IDEMA/RN com a mesma Fundação de Desenvolvimento Sustentável da Terra Potiguar – FUNDEP, referente ao Projeto Barco-Escola Chama-Maré, que realiza passeios ecológicos no Rio Potengi.
Foram alvos da operação: Verona Veículos LTDA ME; Pedro Gomes Júnior , conhecido como Júnior Verona; Fundação para o Desenvolvimento Sustentável da Terra Potiguar – FUNDEP; Plana Edificações LTDA ME; Francisco das Chagas Abreu Rodrigues, conhecido como Macau; Filipe Abbott Galvão Rodrigues e Manoel Jamir Fernandes Júnior.
O Ministério Público esclarece que a divulgação só agora foi feita em razão da decisão judicial ter condicionado a publicização da operação ao término da diligência. 
O nome da operação é uma alusão à história de Romeu e Julieta, que se passa na cidade de Verona, na Itália. Capuleto era o nome da família de Romeu, um dos personagens.

23 de Maio de 2017 às 9:20

Mala de 500 mil é devolvida e PF deverá confirmar se são as mesmas cédulas entregues por Joesley a Rocha Loures [0] Comentários | Deixe seu comentário.

No mínimo, estranho.

A mala com 500 mil reais que foi entregue por Joesley Safadão ao deputado Rocha Loures, ganhou ares de personagem de filme…

Primeiro foi dito que todas as cédulas de 50 reais estavam identificadas e chipadas, portanto, fácil de serem localizadas.
Depois só se falava no sumiço da mala e se perguntava: aonde está?

Se tinha chip, já era para ter sido encontrada.
Aí vem a história de que ninguém achava a mala porque ela não tinha chip…

Como assim?
Aí agora o deputado Rocha Loures, da mais “estrita confiança” do presidente Michel Temer, como o próprio Temer falou, manda a mala para a Polícia Federal.

Foi ontem à noite e não foi confirmado até agora se ele entregou a mala pessoalmente ou se mandou alguém fazê-lo.

Resta agora à Polícia Federal, que diz que guardou a numeração das cédulas, conferir se são mesmo as cédulas entregues a Loures pelo grupo JBS.

23 de Maio de 2017 às 8:42

MP cumpre mandados de busca em casa de condomínio e loja de carros de Natal [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O Ministério Público e a Polícia Militar cumprem neste momento mandados de busca e apreensão em pelo menos dois endereços de Natal:

Em uma casa no condomínio West Park Boulevard, na rua Raimundo Chaves, e na loja de carros Verona, na Prudente de Morais.
Das fotos que circulam em grupos de whats:

23 de Maio de 2017 às 8:28

As desculpas esfarrapadas de Michel Temer [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Da Folha:
Em entrevista, Temer erra ao menos 4 vezes ao comentar gravações da JBS
Da Agência Lupa
A Agência Lupa checou a veracidade de vários trechos da entrevista de Michel Temer à Folha, publicada na segunda-feira (22). 
Confira a seguir:

*

“Quando [Joesley Batista] tentou muitas vezes falar comigo, achei que fosse por questão da [Operação] Carne Fraca”

FALSO
A Operação Carne Fraca, realizada pela Polícia Federal para investigar um suposto esquema de corrupção na fiscalização de carnes pelo país, foi deflagrada em 17 de março deste ano, dez dias depois da reunião que o presidente Michel Temer teve com o empresário da JBS. 

Em nota, o Palácio do Planalto reconhece que o presidente “se enganou”.

*

“Ele falou que tinha [comprado] dois juízes e um procurador (…) E logo depois ele diz que estava mentindo”

VERDADEIRO
, MAS Quando entregou a gravação de sua conversa com o presidente Michel Temer à Procuradoria-Geral da República, o empresário Joesley Batista de fato disse que essa afirmação havia sido uma bravata. No último sábado (20), no pronunciamento que fez à nação, Temer ressaltou esse recuo do empresário. 

Mas, já no dia 27 de abril, Joesley havia feito um complemento em seu primeiro depoimento à PGR e contou como tinha feito para pagar R$ 50 mil por mês ao procurador Ângelo Vilella, preso na última quinta-feira (18), para receber informações sobre a Operação Greenfield, que investiga a Eldorado Celulose, outra empresa da holding J&F, que controla a JBS. 

“Hoje, eu tenho um conjunto de evidências de que não era bravata”, afirmou o empresário.

*

“[Conheci] Quando ele era deputado, portanto, há uns dez anos”

VERDADEIRO
A biografia do deputado Rocha Loures (PMDB-PR) na página da Câmara informa que ele tomou posse como deputado federal em 1º de fevereiro de 2007 para cumprir seu primeiro mandato. 

Na época, o presidente Michel Temer também estava na Casa, como deputado federal.

*

“Daí ele [Joesley] me disse que tinha contato com [o ex-ministro] Geddel. Falou do Rodrigo [Rocha Loures], e eu falei: 

‘Fale com o Rodrigo quando quiser, para não falar toda hora comigo'”

FALSO
Na gravação feita por Joesley Batista, quem menciona o nome do deputado Rodrigo Rocha Loures (PMDB-PR) é Temer –não o dono da JBS. 

Além disso, é o empresário que pede instruções ao presidente sobre como não incomodá-lo –e não o contrário. Joesley pergunta: 

“Eu queria falar sobre isso, falar como é que é pra mim falar contigo, qual a melhor maneira. 

Porque eu vinha falando através do Geddel. 

Eu não quero lhe incomodar” 

E, logo em seguida, Temer indica Rodrigo: 

“É da minha mais estrita confiança”. A informação também consta da petição da Procuradoria Geral da República, enviada ao STF.

*

“Não tenho uma relação, a não ser uma relação institucional [com o deputado federal Rodrigo Rocha Loures]”

CONTRADITÓRIO
Nos últimos dois anos, Rocha Loures (PMDB-PR) foi assessor direto de Temer em duas ocasiões. 

Entre 23 de janeiro e 29 de abril de 2015, foi chefe da assessoria parlamentar da Vice-Presidência da República, então ocupada por Temer.

Em setembro do ano passado, depois do impeachment de Dilma Rousseff, foi nomeado assessor especial do gabinete pessoal da Presidência. 

Ainda vale destacar que, na gravação que Joesley Batista entregou à PGR, o presidente afirma que Rocha Loures é da sua “mais estrita confiança”; e que, em 2014, Temer gravou um depoimento para a campanha do deputado, elogiando a ajuda que prestou a seu gabinete e dizendo que Rocha Loures era uma das “belíssimas figuras da vida pública brasileira”.

*

“Eu nem sabia que ele [Joesley] estava sendo investigado”

CONTRADITÓRIO
Em julho de 2016, o empresário Joesley Batista foi um dos alvos da operação Sépsis, da Polícia Federal -um desdobramento da Lava Jato. 

Em setembro, a PF deflagrou a operação Greenfield, e a Justiça bloqueou os bens do empresário. Em 31 de março, Joesley foi afastado das atividades empresariais do grupo depois de a Justiça acatar pedido do Ministério Público do Distrito Federal nesse sentido. 

No mesmo mês, a operação Carne Fraca investigou vários frigoríficos no país. Na lista da PF, apareceram 50 empresas, entre elas duas subsidiárias da JBS: a Seara e a Big Frango. Temer comentou publicamente a operação Carne Fraca. 

Disse, entre outros pontos, que não era para “causar um terror que está-se imaginando”. 

Um dia depois, minimizou o número de frigoríficos investigados.

*

“Não é ilegal [deixar de registrar um compromisso na agenda]”

FALSO
A lei 12.813/13 determina que o presidente da República é obrigado a “divulgar, diariamente, por meio da rede mundial de computadores-internet, sua agenda de compromissos públicos”. 

A Controladoria Geral da União (CGU) informa, por meio de nota, que compete à Comissão de Ética Pública, instituída no âmbito do Poder Executivo federal, fiscalizar a divulgação da agenda de compromissos públicos do presidente e de outros cargos públicos do país.

*
“O PSB eu não perdi agora, foi antes, em razão da Previdência”

FALSO Em abril, o PSB foi contra as reformas trabalhistas e previdenciárias propostas pelo governo Temer. 

A Comissão Executiva chegou a aprovar um posicionamento oficial contrário a elas. 

Mas a saída do PSB só ocorreu mesmo no último sábado (20), quando a direção do partido anunciou que passaria à oposição.
*
“Meirelles [ministro da Fazenda] me contou que, se não tivesse acontecido aquele episódio na quarta [dia da divulgação do caso], ele teria um encontro com 200 empresários”

DE OLHO A agenda pública do ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, para a última quarta, quinta e sexta-feira (dias 17, 18 e 19 de maio) não previa reuniões com empresários.
*
OUTRO LADO
Procurado, o Planalto disse que não comentará a fala do presidente. 

A Fazenda afirmou que o ministro participaria na sexta (19), em São Paulo, de um encontro para discutir perspectivas econômicas e que a reunião foi adiada.

23 de Maio de 2017 às 6:37

Amigos do presidente Temer trabalham para evitar que ele seja preso [1] Comentários | Deixe seu comentário.

Lendo o texto abaixo, a impressão – ou certeza – que dá, é que eles não querem de jeito nenhum largar o osso e trabalham para deixar pelo menos o caldinho…

Também fica claro que essa galera aí tem certeza que o presidente Michel Temer tem muito mais culpa no cartório, e como investigado, o lamaçal do chefe tende a aparecer de forma que a cadeia seria seu caminho mais certo…

Pelo que pensam Sarney, FHC, Jucá e Renan, o colega que está presidente é mais sujo do que pau de galinheiro.
Do Globo de hoje:

Aí um presidente escolhido por eles…já viu né?

Vai mudar o quê?

23 de Maio de 2017 às 2:51

Para OAB, polêmica da edição não tira culpa do presidente Temer [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Teve edição ou não teve edição?

A montagem mudou o tom das palavras do presidente Michel Temer na conversa que teve com o empresário Friboi Joesley Batista?
A perícia contratada pelo jornal Folha de S. Paulo fala em edição…

Houve controvérsia e o presidente que agora não governa para cuidar de sua defesa, contratou o especialista Ricardo Molina para fazer uma nova análise do áudio.
Temer indicou que pediria a suspensão do inquérito aberto contra ele alegando que o áudio não era confiávelz

Mas desistiu e decidiu aguardar o resultado do inquérito.
Contratado por Temer, o perito Ricardo Molina disse que áudio não pode ser usado como prova, alegando que o gravador usado pelo empresário da JBS é “vagabundo” e “não é possível” garantir que a gravação seja “autêntica”.
O técnico, inclusive, fez críticas ao Ministério Público.
“O que tem no laudo [da PGR sobre a gravação] é coisa de gente que não sabe mexer em áudio. Não vou citar nomes, mas conheço quem assina [o documento da PGR] e, se colocarem eles aqui na minha frente, vão começar a gaguejar”.

Huuumm
Porém…
Independentemente de edições ou não, a OAB afirma que o presidente Temer cometeu crime.

23 de Maio de 2017 às 2:19

Vídeo: Presidente da Fiern conversa com jornalistas sobre o momento atual do Brasil [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Como se comporta a indústria em meio ao turbilhão de problemas que enfrentam o Brasil?

Crise de identidade, de personalidade, de credibilidade e muitas “dades” mais, terminam obrigando as instituições a se pronunciarem.

A OAB, por exemplo, protocolou pedido de impeachment do presidente Lula.

Sobre o assunto o presidente da Fiern, Amaro Sales, concedeu entrevista coletiva nesta segunda-feira, dando início à programação da Semana da Indústria.

No vídeo abaixo, o bate-papo de Amaro Sales com os jornalistas que foi transmitido ao vivo pelo storie do instagram do Blog, o @blogthaisagalvao

23 de Maio de 2017 às 2:02

Programa Câmara Cidadã se instala na zona Norte de Natal de hoje até quinta-feira [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A Câmara Municipal de Natal abre nesta terça-feira, no Conjunto Santa Catarina, zona Norte, o programa Câmara Cidadã.
O programa vai oferecer serviços gratuitos à população até 5ª feira.
“Muitas vezes a distância e a burocracia impedem as pessoas de resolver seus problemas ou mesmo de proporcionar lazer a seus familiares. Portanto, nossa ação social quer levar oportunidades à população de todos os bairros e regiões da capital potiguar”, justificou o presidente da Câmara, Raniere Barbosa (PDT).

Em sua primeira edição, o Câmara Cidadã conta a parceria da Prefeitura, do Governo do Estado e da Fecomercio.
Confira a agenda de atividades:


Terça-feira

8h – Pelada dos vereadores e assessores no Campo do Piabão

9h – Aula de Funcional na Praça de Convivência

14h – Abertura Oficial na Praça de Convivência

15h – Sessão Ordinária no Plenário

15h – Programação Infantil

16h – Apresentação do Ballet Infantil da Casa do bem no palco

17h – Anúncio da Promoção “A Casa dos Seus Sonhos”, no palco

18h – Início do Torneio de Dança

19h – Show Musical


Quarta-feira

8h30 – Torneio de Futebol Mirim no campo de areia

9h – Audiência Pública no Plenário

10h – Projeto AMANA Flauta Doce

14h – Sessão ordinária no Plenário

14h – Roda de Capoeira

15h – Programação infantil

17h – Apresentação de artes marciais

18h – Continuação do Torneio de Dança

19h – Show do Grupo Tornados do Samba e Luciano Viannah


Quinta-feira

9h – Aula de Funcional

9h – Roda de conversa com Gestores das Escolas Municipais e CMEIS no Plenário

14h – Sessão ordinária

15h – Curso para gestantes

15h – Programa infantil

17h – Apresentação do Pastoril da NAT

18h – Final do Torneio de Dança

19h – Entrega do Prêmio “A Casa dos Sonhos”

19h30 – Grupo de Zumba Projeto Mulheres Ativas

20h – Encerramento com o show do vereador Luiz Almir, no palco

23 de Maio de 2017 às 1:16

Presidentes da Assembleia e da Câmara de Natal prestigiam procissão de Santa Rita de Cássia [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O deputado Tomba Farias (PSB) e a prefeita Fernanda Costa (PMDB) receberam políticos nesta segunda-feira em Santa Cruz, na procissão de encerramento da festa da padroeira, Santa Rita de Cássia.
Presentes os presidentes da Assembleia Legislativa, Ezequiel Galvão Ferreira de Souza (PSDB) e da Câmara de Natal, Raniere Barbosa (PDT), além do líder do Governo na AL, deputado Dison Lisboa (PSD) e do ex-deputado Ezequiel Ferreira de Souza.
E ainda os vereadores de Natal, Ubaldo Fernandes (PMDB), Nina Souza (PEN) e Robson Carvalho (PMB).

A festa de Santa Rita, que se encerra hoje, reuniu milhares de pessoas do Rio Grande do Norte e de outros estados nessas duas últimas semanas.