Thaisa Galvão

31 de maio de 2017 às 18:52

Prefeitura de Parnamirim paga salários de maio [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A Prefeitura de Parnamirim depositou hoje os salários dos servidores referentes ao mês de maio.

O valor total da folha foi de R$ 15,7 milhões.

E como acordado anteriormente entre o prefeito Rosano Taveira e os professores, a administração está efetuando o pagamento da jornada dupla dos meses de março e abril, além de 1/6 de férias de 2016.

 

Em virtude da mudança no sistema (programa) da folha de pagamento a Prefeitura verificou a necessidade de alguns ajustes e com isso os servidores que não receberam os vencimentos deverão ter a situação regularizada no próximo dia 10 de junho.

31 de maio de 2017 às 17:38

Agripino Maia recebe prefeitos e deputado em Brasília [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Do senador José Agripino Maia (DEM), em Brasília:

31 de maio de 2017 às 16:35

Novo ministro da Justiça não confirma permanência do chefe da Polícia Federal no cargo [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O ministro da Justiça, Torquato Jardim, em entrevista coletiva, silenciou sobre possibilidade de trocar ou não o comando da Polícia Federal.

Ele afirmou ter apreço pela presunção de inocência. 
“Adotarei o mesmo cuidado, a mesma serenidade que adotei no Ministério da Transparência. Passei dois meses estudando o ministério”, disse Torquato Jardim, complementando que as mudanças “foram mínimas”.
Segundo ele, no Ministério da Justiça, “vai levar mais tempo, talvez, porque é um ministério oito vezes maior”.
Para Torquato Jardim, o fato de o diretor-geral da Polícia Federal, Leandro Daiello, estar no cargo desde 2011 não influenciará a decisão sobre a continuidade dele na função. Segundo o ministro, a antiguidade “não é fato relevante na análise que vamos fazer”.
Ele disse que garantirá o funcionamento da PF, mas não garantiu a permanência do seu comandante.
Mas, para Torquato, ‘a Lava Jato não depende de pessoas, é institucional’, disse, garantindo que na sua gestão a operação não será enfraquecida.
O novo ministro da Justiça afirmou que a democracia só se constrói no conflito, e citou Nelson Rodrigues: “toda unanimidade é burra”. 
Ainda brincou com o fato de Rodrigues ser torcedor do Fluminense. 

Jardim disse não ter dificuldade em conviver com conflitos. “Conflito gera criatividade.”

31 de maio de 2017 às 12:26

Advogados de Temer só querem que ele responda à justiça após perícia de gravação [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A defesa de Michel Temer solicitou hoje ao STF que o depoimento por escrito do presidente, no inquérito aberto a partir das delações dos executivos do grupo J&F, só ocorra após conclusão da perícia no áudio da conversa de Temer com o Friboi Joesley Batista.

Conversa gravada por Joesley no Palácio do Jaburu em março passado.

Os advogados de Temer também pediram hoje ao relator da Lava Jato que, na hipótese de ele negar o adiamento do interrogatório, determine que a Polícia Federal não questione o presidente sobre a gravação que faz parte da delação premiada dos dirigentes da holding J&F.

31 de maio de 2017 às 12:07

Cerimonialista carioca ministrará curso em Natal [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Chefe do Cerimonial da Câmara Municipal de Natal, Joãozinho Batista, da JB Cerimonial, promoverá no dia 5 de junho, o Curso de Cerimonial Social no Espaço Maria Helena – Valéria Calazans.

O curso será comandado pela cerimonialista carioca Fátima Ziegler, que ministra treinamentos no Brasil e no exterior, e apresentará novas abordagens sobre cerimonial de casamentos, debutantes, etiqueta social e o perfil do profissional.

31 de maio de 2017 às 11:00

Delegado da PF que investigava morte do relator da lava jato é assassinado [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Dois delegados da Polícia Federal foram assassinados na madrugada de hoje em Florianópolis. Elias Escobar, 60 anos, e Adriano Antônio Soares, 47 anos, estavam em uma casa noturna quando houve um desentendimento e os tiros foram disparados.

Coincidência ou não, Adriano era o responsável por investigar as circunstâncias da queda do avião que matou o ministro do STF, Teori Zavascki.

O ministro era o relator da Lava Jato no Supremo Tribunal Federal.

O delegado Adriano Soares era chefe da Polícia Federal de Angra dos Reis desde 2009, e havia sido designado para investigar o caso.