Holiday
Holiday

Thaisa Galvão

3 de julho de 2017 às 17:41

Geddel é alvo da mesma operação que prendeu Henrique Alves [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Com a prisão de Geddel Vieira Lima, passam a ser cinco os presos preventivos no âmbito das investigações da Operação Sépsis Cui Bono. 
Já estão detidos os ex-presidentes da Câmara, Eduardo Cunha e Henrique Eduardo Alves, o doleiro Lúcio Funaro e André Luiz de Souza, todos apontados como integrantes da organização criminosa que agiu dentro da Caixa Econômica Federal (CEF). 
No caso de Cunha, Alves e Funaro, já existe uma ação penal em andamento. 
Os três são réus no processo que apurou o pagamento de propina em decorrência da liberação de recursos do FI-FGTS para a construção do Porto Maravilha, no Rio de Janeiro. 
Além deles, respondem à ação, Alexandre Margoto e Fábio Cleto.

3 de julho de 2017 às 17:24

Geddel Vieira Lima é preso [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Do G1
Geddel Vieira Lima é preso por suspeita de atrapalhar investigações
Ex-ministro da Secretaria de Governo de Michel Temer tentou barrar delações de Eduardo Cunha e Lúcio Funaro, segundo o MPF

Geddel Vieira Lima, ex-ministro da Secretaria de Governo de Michel Temer, foi preso preventivamente nesta segunda-feira (3). 

O Ministério Público Federal (MPF) argumenta que ele agiu para atrapalhar investigações, ao tentar barrar possíveis delações premiadas do ex-presidente da Câmara Eduardo Cunha (PMDB-RJ) e do doleiro Lúcio Funaro.

Segundo o MPF, Geddel tem atuado para garantir que Cunha e Funaro recebam vantagens indevidas e para constranger o doleiro a não fechar o acordo.
Na petição apresentada à Justiça, foram citadas mensagens enviadas recentemente (entre os meses de maio e junho) por Geddel à esposa de Lúcio Funaro. 

Para provar, tanto a existência desses contatos quanto a afirmação de que a iniciativa partiu do político, Funaro entregou à polícia cópias de diversas telas do aplicativo.
Nas mensagens, o ex-ministro, identificado pelo codinome “carainho”, sonda a mulher do doleiro sobre a disposição dele em se tornar um colaborador do MPF. Para os investigadores, os novos elementos deixam claro que Geddel continua agindo para obstruir a apuração dos crimes e ainda reforçam o perfil de alguém que reitera na prática criminosa.
A prisão se baseia em depoimentos de Funaro e nas delações premiadas do empresário Joesley Batista e do diretor jurídico do grupo J&F, Francisco de Assis e Silva.
Geddel é um dos investigados na Operação Cui Bono. 

Deflagrada no dia 13 de janeiro, a frente investigativa tem o propósito de apurar irregularidades cometidas na vice-presidência de Pessoa Jurídica da Caixa Econômica Federal, durante o período em que foi comandada por ele. 
A investigação teve origem na análise de conversas registradas em um aparelho de telefone celular apreendido na casa do então deputado Eduardo Cunha.

3 de julho de 2017 às 16:50

Parnamirim é a segunda cidade do RN com melhor mobilidade urbana [0] Comentários | Deixe seu comentário.

De acordo com o ranking Connected Smart Cities, organizado pela Urban Systems, o município de Parnamirim apresentou, em 2017, a segunda melhor avaliação de mobilidade urbana do Rio Grande do Norte, ficando atrás apenas de Natal.

No ranking nacional, Parnamirim ocupa a 31º posição com a pontuação 1,4, menos de dois pontos de diferença do primeiro lugar (São Paulo – 3,381).

A pontuação leva em consideração oito critérios: proporção entre ônibus e automóveis; idade média da frota dos meios de transporte públicos; quantidade de ônibus por habitante; variedade dos meios de transporte; extensão de ciclovias; rampas para cadeirantes (acessibilidade); número de voos semanais (conectividade com outras cidades); e transporte rodoviário.

Todos os quatro primeiros lugares do ranking repetiram as posições do ano passado: São Paulo (SP), Brasília (DF), Rio de Janeiro (RJ) e Curitiba (PR).

 

Plano de Mobilidade Urbana

A Prefeitura de Parnamirim está desde o começo do ano em uma força tarefa para a elaboração de um novo plano de mobilidade urbana para o município.

Construído em seis etapas, o plano já passou pelas fases de escuta da população, dos empresários do setor e convocou também um audiência pública para apresentar os primeiros resultados.

O prazo estipulado pela Prefeitura para início do plano é de seis meses.

Confira aqui o ranking completo.

Fonte: Exame

3 de julho de 2017 às 15:16

Campanha da Assembleia Legislativa que estimula doação de órgãos terá audiência pública na sexta-feira [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A Assembleia Legislativa vai promover na sexta-feira, por proposição do presidente Ezequiel Ferreira de Souza (PSDB), audiência pública para debater sobre doação de órgãos.

A audiência faz parte da campanha institucional “Doe órgãos. Salve vidas”, que começa a veicular peça publicotária essa semana, estimulando a doação de órgãos.
“Também é missão institucional do Poder Legislativo ações que busquem o bem estar comum através de ações para população. No Rio Grande do Norte, como em todo o Brasil, ainda predomina o desconhecimento e preconceitos sobre a doação de órgãos. Com essa mensagem, procuramos desconstruir esses empecilhos e provocar uma reflexão sobre o tema”, afirmou Ezequiel.
A nova campanha, veiculada em mídias tradicionais, digitais, móveis e fixas, como outdoors e back bus (ônibus), explica como pode ser feita a doação, quando é indicado e orienta a família com informações que ajudam a desmistificar o tema, como a mutilação e os custos para arcar com a doação, que não existem.

3 de julho de 2017 às 15:05

Deputado vai optar por uso de aparelho de monitoramento enquanto recorre a instâncias superiores [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O juiz de execuções penais, Henrique Baltazar, disse hoje que o deputado Dison Lisboa, preso desde sábado em regime semiaberto, vai poder escolher entre a prisão noturna ou a tornozeleira eletrônica.

O parlamentar, que poderá seguir exercendo seu mandato, já que ainda recorre da decisão nas instâncias superiores da Justiça e o processo não transitou em julgado, optará pelo aparelho de monitoramento.

Dison responde a processo de quando era prefeito de Goianinha.

3 de julho de 2017 às 14:55

Hospital Deoclécio Marques registrou hoje maior número de pacientes atendidos em macas [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Retrato da saúde nos hospitais do Rio Grande do Norte nesta segunda-feira:

Nos hospitais Walfredo Gurgel e Santa Catarina, em Natal, Deoclécio Marques, em Parnamirim, e Tarcísio Maia, em Mossoró, foram registrados 129 pacientes em macas.

Ou seja: um número alto de atendimentos em locais inadequados.

O Deoclécio Marques contabilizou o maior número de pacientes em situações insalubres: 53.

No Walfredo eram 48 pacientes em macas e no Santa Catarina, 14 em macas, mas sete gestantes em trabalho de parto em cadeiras por falta de leitos.

Em Mossoró eram 14 os pacientes em macas.

Além de macas, 48 pacientes foram encontrados em locais irregulares nos quatro maiores hospitais do estado.

 

Com 129 macas ocupadas, ambulâncias ficaram paradas sem atender a chamados. Por falta de macas.

3 de julho de 2017 às 14:40

Governador e secretária de Segurança apresentam números que apontam para redução de crimes letais no RN [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Apesar da violência que ainda persiste no Rio Grande do Norte, o governador Robinson Faria e a secretária de Segurança do Estado, delegada Sheila Freitas, anunciaram em Mossoró, números que indicam redução, há 3 meses, nos índices de Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLI).

Os índices apresentados são referentes à capital.

Comparando por semestre, os dados divulgados pela Coordenadoria de Informações Estatísticas e Análises Criminais (Coine) mostram que em 2016, Natal registrou 298 CVLIs no primeiro semestre, e agora registrou 293.

A queda é maior entre os meses de maio e junho de 2017, que registraram 42 e 34, respectivamente, resultando em uma redução de 19%.

A capital potiguar apresentou 11 bairros com redução média de 20% em comparação ao mesmo período de 2016.

 

Segundo a Coine, entre os meses de maio e junho de 2017, houve uma redução de 17% em todo Estado.

Os 210 CVLI’s registrados em maio, caíram para 174 em junho.

Ao todo no RN, foram 35 municípios com redução de homicídios se comparado ao ano passado, incluindo Natal e Mossoró.

 

De acordo com o coordenador da Coine, Kleber Maciel, estão sendo observados os fatores que contribuíram para essa redução, a tendência é que em julhoesse número reduza ainda mais. “Diante do aumento de operações em locais que registraram elevados números de CVLIs, e a intensificação do patrulhamento pelas análises criminais, a probabilidade de uma redução ainda maior é real”, apontou.

Os dados mostram que a ação do tráfico de drogas tem sido o principal motivador das mortes violentas no Estado, com 688 casos em 2017.

Representando 57,5% dos CVLI’s.

 

“Aumentamos a quantidade de operações nas ruas, principalmente nas manchas criminais. As policiais Militar e Civil estão trabalhando para diminuir esses números. Apesar de junho ser um mês de muitas festas, ainda conseguimos essa queda no percentual e vamos melhorar cada vez mais”, declarou a secretária Sheila Freitas.

3 de julho de 2017 às 14:35

Defensoria Pública do RN fará mutirão na zona Norte no próximo sábado [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O Núcleo de Justiça Comunitária, na zona Norte de Natal, fará um mutirão de acordos para encerrar desentendimentos familiares.

A iniciativa da Defensoria Pública do Estado do Rio Grande do Norte acontecerá no próximo sábado, das 9h às 14h, na Central do Cidadão do shopping Estação.

Foram selecionados 35 casos envolvendo questões familiares como pensão alimentícia, divórcio, guarda de filhos, separação de bens e regulação de visitas.

As partes foram notificadas pelo Núcleo e demonstraram interesse em chegar a um acordo evitando assim que o problema seja encaminhado para a justiça.

Durante a ação, a Central do Cidadão irá funcionar emitindo carteiras de trabalho.

3 de julho de 2017 às 14:32

TRT amplia horário de atendimento [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A partir de hoje a Justiça do Trabalho do Rio Grande do Norte está funcionando em novo horário: de segunda a sexta, das 7h às 17h30.

O atendimento ao público nas Varas do Trabalho e no Tribunal será das 8 às 16h.

3 de julho de 2017 às 14:29

Robinson Faria e a receptividade da população e da classe política de Mossoró [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Quem acompanhou o governador Robinson Faria nos dois dias que passou em Mossoró, garante: o governador foi bem recebido, tanto pela população quanto pela classe política.

Robinson foi a Mossoró no encerramento do Mossoró Cidade Junina, e além dos compromissos de trabalho, circulou pela cidade lotada.

Da prefeita Rosalba Ciarlini (PR), à deputada Larissa Rosado e à vereadora Sandra Rosado (PSB), ouviu discursos, digamos, de aliadas.

Aliadas futuras.

Para quem é apontado pela oposição como em pleno desgaste político, o que se viu em Mossoró foi animador para o Governo e para o governador.

3 de julho de 2017 às 14:21

De olho na sucessão estadual, prefeito Carlos Eduardo começa a andar pelo interior [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Já visando sua candidatura ao Governo do Estado, o prefeito de Natal, Carlos Eduardo Alves (PDT) começou a andar pelo interior.

E no sábado foi levado pelo seu vice, Álvaro Dias (PMDB), para Caicó.

O prefeito foi recebido na granja de Álvaro onde foi celebrada novena da peregrinação rural de padroeira e depois o tradicional leilão.

Além do prefeito de Natal estiveram presentes o prefeito de Caicó, Batata Araújo (PSDB),  o deputado federal Walter Alves (PMDB), o presidente da Câmara de Caicó, Odair Diniz, além de lideranças da região.

3 de julho de 2017 às 13:59

Temer vai atacar deputados aliados para se salvar na CGJ [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O presidente Michel Temer, que tem trocado a gestão pela salvação, vai continuar tentando se salvar.

Pelo cálculo do Palácio do Planalto, segundo a Folha de S. Paulo, hoje ele tem o apoio de 34 dos 66 deputados federais titulares da Comissão de Constituição e Justiça, que vai analisar a denúncia contra ele encaminhada pelo STF e apresentada pela Procuradoria Geral da República.

A meta é ter pelo menos 40 votos, e é atrás desses votos que faltam que o presidente vai correr, pessoalmente.

Ele quer uma margem de segurança para obter um relatório favorável.

O governo estima haver 18 deputados federais de partidos como PSDB, PSD, DEM e PR, sua base aliada, ainda na lista dos indecisos.

*

O relatório da CGJ não será definitivo.

Contra ou a favor do presidente, a matéria irá a plenário na Câmara.

3 de julho de 2017 às 13:46

Dos 8 deputados do RN, apenas Rafael Motta e Zenaide Maia se posicionam a favor de investigar Michel Temer [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Pelo menos os deputados Rafael Motta (PSB) e Zenaide Maia (PR), da bancada do Rio Grande do Norte, tem uma posição em relação à denúncia apresentada pela Procuradoria Geral da República e encaminhada à Câmara pelo STF, contra o presidente Michel Temer (PMDB).

Os dois tem se posicionado favoráveis à abertura de inquérito contra o presidente.

Há duas semanas o Blog começou a questionar os parlamentares que neste final de semana foram procurados pelos jornais Folha de S. Paulo e O Globo.

O Blog voltou a questionar a bancada.

Eis os resultados:

 

Antônio Jácome (PODE)

Folha – Não respondeu

O Globo – Não foi encontrado

Ao Blog – O deputado repetiu o que já havia declarado ao Blog: vai analisar a denúncia e se pronunciar.

 

Beto Rosado (PP)

Folha – Não falou

O Globo – Não respondeu

Ao Blog – A assessoria do deputado informou que ele vai avaliar a denúncia tecnicamente com a equipe jurídica para tomar uma decisão técnica.

 

Fábio Faria (PSD)

Folha – Não respondeu

O Globo – Não foi encontrado

Ao Blog – Não respondeu a dois questionamentos

 

Felipe Maia (DEM)

Folha – Não respondeu

O Globo – Indeciso

Ao Blog – Disse que a denúncia chegou à Câmara, foi lida na Comissão de Constituição e Justiça e ele deverá ter acesso amanhã. Há duas semanas o deputado havia informado ao Blog que até aquela data não encontrava consistência na denúncia para se posicionar favorável à abertura de inquérito.

 

Rafael Motta (PSB)

Folha – Vota pela abertura de inquérito

O Globo – Também pela abertura de inquérito contra Michel Temer

Ao Blog – “Ainda não vi o teor da denúncia, mas baseado em tudo o que já foi divulgado pela imprensa, não me esquivarei de apreciá-la. Nós do PSB já deixamos clara a nossa independência e vigilância e não será diferente neste momento”.

 

Rogério Marinho (PSDB)

Folha – Não sabe

O Globo – Não respondeu

Ao Blog – Anteriormente informou que se pronunciaria quando tomasse conhecimento da denúncia que fosse apresentada. Hoje através de sua assessoria informou que se pronunciará depois de uma reunião com a bancada do PSDB que ocorrerá essa semana.

 

Walter Alves (PMDB)

Folha – Não respondeu

O Globo – Não respondeu

Ao Blog – Não atendeu ligações

 

Zenaide Maia (PR)

Folha – Não respondeu

O Globo – Vota pela abertura de inquérito

Ao Blog – “Vejo como uma grave denúncia e que deve ser investigada, independente de quem quer que seja o acusado ou que cargo importante ele ocupe”.

3 de julho de 2017 às 11:19

Planalto aguarda denúncia contra Temer por obstrução de Justiça [0] Comentários | Deixe seu comentário.

De Andréia Sadi, no blog do G1:

 

Planalto teme nova denúncia contra Temer às vésperas da votação na CCJ

O presidente Michel Temer e seus principais ministros e auxiliares avaliam que o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, pode apresentar uma segunda denúncia contra o peemedebista em meio à discussão da primeira denúncia na Comissão da Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara.

O presidente foi denunciado por Janot por corrupção passiva, mas o Planalto já espera uma segunda, por obstrução de Justiça.

 

Em conversas reservadas no final de semana, segundo o Blog apurou com interlocutores de Temer, o presidente avalia que Janot pode apresentar a segunda denúncia às vésperas da análise de primeira na CCJ, o que prejudicaria a estratégia do governo.

O Planalto teme que, se isso ocorrer, a segunda denúncia “contamine” o ambiente e “influencie”, nas palavras de um líder governista, os membros da comissão.

A CCJ é a primeira instância da denúncia. Depois, o parecer – pela aceitação ou não – vai a voto em plenário.

Temer quer que a votação em plenário seja feita no dia seguinte à votação na CCJ.

 

PSDB

Nas conversas com ministros e deputados, Temer também pediu que eles conversem com lideranças tucanas para tentar reverter votos de deputados do PSDB na CCJ.

Pelo menos cinco dos sete parlamentares do PSDB na comissão já avisaram ao Planalto que não votarão a favor de Temer.

O presidente quer ajuda do governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, para reverter votos.