Holiday

Thaisa Galvão

11 de setembro de 2017 às 11:39

MPF: Procuradora Caroline Maciel determina apuração do ‘BBB da STTU’ [4] Comentários | Deixe seu comentário.

A procuradora da República no Rio Grande do Norte, Caroline Maciel, determinou na sexta-feira, a autuação de procedimento administrativo para apurar o uso de câmeras com infravermelho, pela Prefeitura de Natal, em cruzamentos da cidade já controlados por radares.

O uso da câmera com infravermelho vem sendo questionado em outras capitais por invadir a privacidade dos motoristas, já que tem um alcance, com nitidez de imagem, de 500 metros.

Tipo…

Se o operador da câmera desconfiar que o motorista está usando celular ou sem cinto de segurança, a imagem vai captar a roupa que está usando…

Se for mulher e estiver de minissaia, a câmera detecta até a cor da calcinha.

Se estiver com o botão da blusa aberto – na privacidade do interior do carro – a imagem vai mostrar.

Há duas semanas, no Jornal da Noite da 95FM, entrevistamos o adjunto da STTU, Walter Pedro, e levantamos essas hipóteses da invasão de privacidade.

Ele disse que os operadores das câmeras seriam orientados a não dar zoom para não invadir o espaço privado de ninguém.

Santa inocência.

Só a STTU acredita nisso e mais ninguém.

O Ministério Público do Ceará já entrou com ação contra o BBB da secretaria de trânsito local.

E aqui a procuradora Caroline Maciel tomou a iniciativa.

A autuação que deverá ocorrer hoje no MPF, será distribuída para um dos procuradores do núcleo de Cidadania.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


*