Thaisa Galvão

26 de dezembro de 2017 às 21:56

Governo federal tenta saída para salvar finanças do RN [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Do G1 – Brasília

Fazenda e Banco Mundial estudam plano para ajudar o RN, diz Tesouro

Secretária Ana Paula Vescovi afirmou que ajuda não envolverá recursos da União, mas, sim, um empréstimo do Banco Mundial ao estado. Ministério da Fazenda negou ajuda de R$ 600 milhões

Por Laís Lis

A secretária do Tesouro Nacional, Ana Paula Vescovi, afirmou nesta terça-feira (26) que está em estudo no Ministério da Fazenda e no Banco Mundial um plano para ajudar o Rio Grande do Norte.

Com os salários dos servidores atrasados, o estado tinha o objetivo de receber R$ 600 milhões da União, por meio de uma medida provisória. Mas o Ministério da Fazenda negou o repasse após recomendação do Ministério Público de Contas.

Segundo Ana Paula Vescovi, o plano em análise deve incluir uma operação de crédito do Banco Mundial ao estado para dar alívio temporário às contas públicas, além de um programa de controle de gastos.

A secretária também afirmou que a União não repassará valores ao Rio Grande do Norte.

O plano, acrescentou Ana Paula, poderá servir de parâmetros para outros estados que a exemplo do Rio Grande do Norte tenham baixo índice de endividamento, mas enfrentam dificuldades financeiras.

Tratatamento igual

Ao comentar o assunto nesta terça, Ana Paula Vescovi disse também que a decisão do Ministério da Fazenda de vetar a ajuda foi tomada porque o governo tem uma preocupação com relação ao tratamento igualitário entre os estados.

Segundo a secretária, qualquer ajuda orçamentária ao Rio Grande do Norte e a outros estados neste momento estão descartadas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*