Thaisa Galvão

5 de janeiro de 2018 às 20:03

Fiern emite nota de apoio às medidas do governo para equilibrar contas [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A Federação das Indústrias do Rio Grande do Norte emitiu nota de apoio às medidas anunciadas pelo governador Robinson Faria para tirar o Estado da dramática crise que atravessa.

Eis a nota assinada pelo presidente, Amaro Sales de Araújo:

Nota

O Governo do Estado está propondo medidas, embora com atraso, que objetivam equilibrar as finanças públicas de contenção e otimização de gastos.

Ações corajosas que nos tornam otimistas porque são indispensáveis ao futuro do Rio Grande do Norte. Sem a adoção de providências mais ousadas, o equilíbrio necessário não será alcançado.

Por sua vez, o contexto atual, com os serviços públicos fragilizados pela crise que se abateu no estado e no país, pune fortemente a grande maioria da população.

As medidas agora anunciadas reforçam a importância do trabalho realizado pelo Sistema Fiern e anunciado em 2014 quando, através de cuidadoso e aprofundado estudo, consolidado no Mais RN, antecipava a urgência da adoção de ações voltadas para o desenvolvimento.

Permaneceremos, como sempre, atentos aos acontecimentos.

A Fiern, mais uma vez, coloca à disposição do Governo a sua equipe técnica e o seu acervo de informações sobre a economia estadual.

A iniciativa do Governo do Estado merece, portanto, o impositivo apoio de todos, especialmente dos demais Poderes e em particular, da Assembleia Legislativa, para respaldar as ações que efetivamente sejam soluções ao momento dramático que atravessamos.

Mais do que nunca, é preciso um pacto para salvar o Rio Grande do Norte. Somos todos responsáveis pela efetividade do interesse público.

Amaro Sales de Araújo

Presidente do Sistema Fiern

5 de janeiro de 2018 às 17:49

Carro do deputado Rafael Motta é rastreado e localizado após ser levado por bandidos [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Tomado de assalto hoje na hora do almoço, na avenida Engenheiro Roberto Freire, o carro do deputado federal Rafael Motta (PSB) foi recuperado como informou a assessoria do parlamentar em seu twitter.

5 de janeiro de 2018 às 17:00

Nova campanha do Detran chama atenção para a maléfica mistura de direção e bebida [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Infrator ou vítima?

Quem é você quando bebida e direção se misturam?

A nova companha do DETRAN-RN traz uma nova abordagem sobre os malefícios da mistura álcool e direção.

O novo filme publicitário acompanha duas histórias carregadas de significados e consequências que, ao final, se cruzam.

Criativa e inovadora, a campanha da Lei Seca do Detran-RN, emociona, choca e nos faz refletir sobre o nosso papel no trânsito.

Confira:

5 de janeiro de 2018 às 14:35

Exército não intimida e bandidos tomam de assalto carro de deputado e trocam tiro com guarda municipal [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Pelo jeito a presença do Exército em Natal não tem sido suficiente para acabar com os assaltos.

Além do arrombamento a uma loja de baterias de automóveis na madrugada, bandidos tomaram carro de assalto agora há pouco na avenida Engenheiro Roberto Freire, como informou em seu twitter o deputado estadual Carlos Augusto Maia (PSD), que teve o carro ameaçado de ser levado.

Já o carro do deputado federal Rafael Motta (PSB) foi tomado de assalto.

5 de janeiro de 2018 às 13:05

Policiais não acatam proposta do governo e continuarão em greve [1] Comentários | Deixe seu comentário.

A promessa de pagar em janeiro os salários de dezembro dos servidores da segurança pública não foi suficiente para que a polícia militar e o corpo de bombeiros voltem à normalidade no trabalho.

Ontem as associações que representam policias militares e bombeiros, em greve desde o dia 19 de dezembro, se reuniram com a secretária de Segurança Sheila Freitas, e hoje a categoria se reuniu em assembleia para discutir o que foi conversado ontem.

Ficou definido que a greve continua porque a questão das condições de trabalho não foram levadas em consideração.

Vídeo: InterTV Cabugi

5 de janeiro de 2018 às 12:46

Seturn quer reajustar de 3,35 para 3,66 a passagem de ônibus em Natal [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Sem cumprir com as promessas feitas nos reajustes aprovados pela Prefeitura de Natal – o último foi em abril passado – os empresários de ônibus de Natal já discutem mais um aumento nos preços das tarifas.

O Seturn quer reajustar a passagem dos atuais R$ 3,35 para R$ 3,66, representando um aumento de 31 centavos.

Um complicador para o prefeito Carlos Eduardo que poderá autorizar o reajuste no ano em que trabalha para disputar o Governo do Estado.

5 de janeiro de 2018 às 12:07

Governo tenta minimizar crise anunciando para janeiro o pagamento do mês de dezembro aos servidores da segurança [1] Comentários | Deixe seu comentário.

Para tentar pôr fim à crise nas polícias, o governo do Estado anuncia o pagamento dos salários de dezembro aos servidores da segurança.

Os servidores do setor receberão o mês de dezembro no dia 12 de janeiro.

O pagamento do 13º salário ainda não tem data para ser repassado.

5 de janeiro de 2018 às 11:27

Senador José Agripino declara apoio ao Estado e aos servidores e diz que medidas encaminhadas à AL dependerão dos deputados estaduais [1] Comentários | Deixe seu comentário.

O senador José Agripino Maia, que participou da reunião da bancada federal com o governador Robinson Faria, garantiu o apoio às medidas para reequilibrar as contas do Estado mas adiantou: o que precisar da aprovação da Assembleia Legislativa será de responsabilidade dos deputados estaduais.

Agripino contou como já vinha atuando junto ao Ministério da Defesa e ao Palácio do Planalto para garantir a segurança no Rio Grande do Norte durante paralisação de policiais, a partir da presença das tropas federais no Estado.

Veja, na íntegra, a entrevista que o senador, pré-candidato à reeleição, como ele confirmou, nos concedeu no Jornal da Noite, da 95FM, logo depois da reunião.

5 de janeiro de 2018 às 10:19

No Globo de hoje, o poço de problemas cavado no RN pelos últimos governos [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Do Globo de hoje:

5 de janeiro de 2018 às 10:01

PMDB foi representado na reunião da bancada pelo senador Garibaldi Filho e o deputado Walter Alves [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O PMDB foi representado na reunião da bancada com o governo do RN pelo senador Garibaldi Filho e o deputado Walter Alves.

“A bancada federal se comprometeu em buscar o apoio solicitado. O Governo do Estado terá que apresentar um pacote de medidas de ajustes de contas e vamos buscar o Governo Federal para liberar o quanto antes esses recursos. O programa de ajustes precisa ficar bem claro e esclarecido, sob pena de não liberação dos recursos. Contudo, confiamos que o governador fará todo o possível para, entre outras coisas, colocar os pagamentos em dia”, disse Garibaldi.

5 de janeiro de 2018 às 9:51

Deputada Zenaide Maia disse que apoia qualquer medida que venha a tirar o RN do ‘caos’ [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Na reunião da bancada federal com o governo do Estado, a deputada federal Zenaide Maia garantiu total apoio às medidas apresentadas e discutidas, desde que seja para ajudar o Rio Grande do Norte a sair do ‘caos’.

“Eu apoio qualquer decisão que for boa para ajudar os servidores, e que ajude o Estado a sair desse caos que se encontra”, disse Zenaide.

5 de janeiro de 2018 às 9:46

Deputado Beto Rosado ressalta dificuldade de administrar um estado com déficit mensal acima de 100 milhões [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Comentando a reunião da bancada federal com o governo do Estado, o deputado Beto Rosado (PP) ressaltou a dificuldade de administrar um estado com um déficit mensal nas contas.

http://www.thaisagalvao.com.br/wp/wp-content/uploads/2018/01/img_2646.trim_.mov

5 de janeiro de 2018 às 9:37

Governador Robinson Faria pediu apoio da bancada federal para equilibrar as contas do Estado [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Depois de reuniões com as áreas econômica e jurídica do Governo, e com os representantes dos Poderes, o governador Robinson Faria discutiu a crise do Estado e apresentou possíveis soluções aos deputados e senadores da bancada federal do Rio Grande do Norte.

Robinson solicitou o apoio dos parlamentares para que seja cumprida uma agenda conjunta de ações junto ao governo federal em busca do reequilíbrio financeiro do Estado e da regularização, o mais rápido possível, do pagamento do servidor público Estadual.

O governador solicitou ainda que a bancada apoie, junto aos deputados estaduais, a aprovação das medidas de austeridade que precisam ser votadas na Assembleia Legislativa.

Ele fez um histórico do trabalho realizado em Brasília para a captação de recursos federais e lembrou que o Rio Grande do Norte não foi beneficiado pela renegociação da dívida dos Estados com a União porque é uma das unidades da federação com menor dívida.

Por outro lado, busca apoio federal para reestabelecer o fluxo de caixa.

“Só salvaremos o Rio Grande do Norte juntos. Não quero ser o protagonista, acredito que todos nós temos um papel a cumprir”, afirmou o governador, ao agradecer a presença dos senadores José Agripino Maia (DEM), Garibaldi Filho (PMDB) e Fátima Bezerra (PT), e dos deputados Antônio Jácome (Podemos), Beto Rosado (PP), Fábio Faria (PSD), Rafael Motta (PSB), Rogério Marinho (PSDB), Walter Alves (PMDB) e Zenaide Maia (PR).

“Essa união é muito importante para que o governo alcance nosso maior objetivo que é colocar o pagamento dos servidores em dia”.

O governador pediu o apoio da bancada ao pleito feito à União de que o Rio Grande do Norte possa aplicar um montante do Fundeb que o Estado ganhou em ação judicial, no valor de R$ 1,7 bilhão, no pagamento de inativos da Educação. O uso em salários precisaria de uma liberação federal.

Fotos Demis Roussos

5 de janeiro de 2018 às 9:18

Folha do Estado tem mais inativos e pensionistas do que funcionários ativos [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Na reunião do governo com a bancada federal do Rio Grande do Norte, o secretário de Planejamento, Gustavo Nogueira, apresentou números das finanças estaduais e expôs que as receitas de 2017 foram 1,57% menores do que as de 2016, com números atualizados pelo IPCA.

Em relação a 2014, as receitas diminuíram 5,25%.

Menor nas receitas próprias, em -1,87%; e menor nas transferências da união em 10,45%.

Já a folha de pessoal do Estado cresceu 23,45% de janeiro de 2015 para cá, sendo que, no mesmo período, a folha de inativos cresceu 78,6% enquanto que a folha de ativos diminuiu – 6,75%.

Hoje, o valor da folha de inativos e pensionistas é maior do que a de ativos, o que causa um desequilíbrio na previdência.

Pelos dados apresentados pelo secretário, o Estado tem 1,05 servidor ativo para cada inativo. Entre os inativos e pensionistas, 17,14% contribuem para a previdência.

Segundo o secretário, com essa situação é necessário o aporte mensal de cerca de R$ 132 milhões para cobrir o déficit da previdência e completar o pagamento de aposentados.

Gustavo Nogueira ressaltou a necessidade urgente de se aprovar, na Assembleia Legislativa, o reajuste da alíquota da previdência e o regime de previdência complementar para conseguir chegar ao reequilíbrio das finanças.

Também lresente à reunião, o secretário de Administração, Cristiano Feitosa, apresentou o que já foi feito pelo Estado para reduzir despesas e custeio.

Ele apresentou uma planilha com a redução de 30% em telefonia, de 12% no valor de combustíveis, 80% de custo com estagiários e 25% de redução de servidores terceirizados.

Durante a atual gestão também foram reduzidas despesas com pessoal, por meio do censo, que retirou 1.500 servidores da folha por irregularidades.

E foi criado um setor de auditoria permanente da folha, para prevenção de possíveis erros, além de realizada uma auditoria com empresa contratada que já resultou em economia de R$ 90 milhões por ano.

No que se refere a ações em curso para o incremento de receita, está um processo de compensação previdenciária com expectativa de aportar ao Fundo Financeiro do Ipern.

Outras iniciativas são a negociação da folha de servidores com os bancos por licitação e o Fundo de Compensações de Variações Salariais (FCVS).

Foto Demis Roussos

5 de janeiro de 2018 às 9:09

Governo vai demitir comissionados e servidores não concursados e com acúmulo de cargos [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Entre as providências a serem adotadas pelo governo do Estado, para se adequar aos limites da Lei de Responsabilidade Fiscal, estão a demissão de servidores com acúmulo de cargos, redução de cargos comissionados, demissão de celetistas aposentados e cumprimento de decisão judicial do STF que obriga a demitir servidores não-concursados.

E ainda, edição de decreto para suspender a concessão de licenças-prêmio, atualização da avaliação de imóveis do Fundo Garantidor das PPP’s do Estado para posterior avaliação e a extinção de celulares funcionais e redução de carros oficiais.

Entre as medidas que dependem da aprovação da Assembleia Legislativa estão a extinção de órgãos da administração.

Serão votadas a venda de ações da Potigás; venda de ativos imobiliários como o Centro de Convenções, Centro de  Turismo, Ceasa, DER e outros.

O secretário Vagner Araújo apresentou à bancada algumas ações que o governo vem efetivando na área de gestão e obras que vem sendo realizadas pelo Governo com recursos que não podem ser utilizados para pagamento de salários.

A próxima reunião do governador Robinson Faria, na próxima semana, será com a bancada de deputados estaduais, para que eles acompanhem a mesma exposição e conheçam os projetos antes de serem encaminhados à Assembleia.

Foto Demis Roussos

5 de janeiro de 2018 às 8:51

Na reunião da bancada com o governo, Fátima criticou discriminação da gestão Temer com o RN [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Para a senadora Fátima Bezerra (PT), a reunião da bancada federal com o governador Robinson Fatia foi propositiva.

“A bancada recebeu os esclarecimentos sobre a atual situação financeira do estado e decidimos que nós, parlamentares federais, somaremos esforços para ajudar o Rio Grande do Norte a enfrentar a crise, sobretudo no âmbito das demandas em Brasília”, afirmou a senadora.

“O Executivo nos apresentou as medidas fiscais que pretende adotar no Estado, entre elas a que aumenta a alíquota previdenciária cabível ao funcionalismo. Deixei claro que nem eu nem o meu partido pactuamos com ações que joguem no colo do servidor já fragilizado todo o ônus da crise”, argumentou Fátima, sobre a matéria que já foi encaminhada à Assembleia e até pautada para votação, mas terminou deixada de lado pelo legislativo estadual.

“Mostrei ainda minha indignação com o governo Temer, que acudiu os estados mais ricos da nação quando estes pediram socorro e vira as costas para o Rio Grande do Norte”, criticou a senadora, reforçando que o momento é de somar esforços, independente de diferenças partidárias.

“Mas vamos dar a César o que é de César: nós, representantes do RN, junto com o governo estadual – e em nome do respeito aos servidores e à populaçao do RN – devemos exigir da União a ajuda financeira para que o estado possa pagar o seu funcionalismo, que padece com essa situação. O governo de Michel Temer precisa rever a decisão que deixou de transferir o repasse emergencial que ajudaria sobremaneira a equacionar a situação da folha. A conta não pode ir para o colo do servidor”, reforçou a pré-candidata ao governo do Estado.