Thaisa Galvão

1 de março de 2018 às 7:25

Temer na Jovem Pan: “Ainda posso fazer cessar a intervenção e aprovar a reforma da previdência” [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O presidente Michel Temer (MDB) ainda não desistiu da reforma da previdência.

Se engana quem acha que a intervenção federal, decretada no Rio de Janeiro, vai impedir Temer de continuar sonhando com a previdência.

Em entrevista à jornalista Vera Magalhães, do programa 3 X 1, da rádio Joven Pan, nesta quarta-feira, Temer sinalizou com uma paradinha na intervenção para ir ali aprovar a reforma.

Como se tivesse força e votos suficientes.

“Ainda posso fazer cessar a intervenção e aprovar a reforma da previdência, entre outubro, novembro”, declarou o presidente.

Aí vem a questão:

O presidente trabalha para, depois do pleito den7 de outubro, conseguir os votos que não tem hoje, com um Congresso onde todos os seus membros ou já se reelegeram ou foram derrotados, portanto, sem tanto compromisso mais com a população, e com espaço para mudar de ideia e aprovar a reforma tão combatida no período pré-eleições.

A forma como o presidente fala dá a impressão que a intervenção no Rio fez parte de um esquema para fortalecer sus gestão a partir de uma decisão social acertada – a intervenção – para que ele consiga apoio necessário para aprovar a reforma no apagar das luzes de seu mandato que termina no dia 31 de dezembro.

Na entrevista o

presidente falou de segurança pública, da reunião com os governadores nesta quinta-feira, para a qual o governador Robinson Faria já confirmou presença, e declarou que não será candidato a presidente da República.

Abaixo a íntegra da entrevista, que foi suspensa por alguns minutos por problemas de sinal, mas retomada logo em seguida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*