Holiday

Thaisa Galvão

9 de outubro de 2018 às 21:02

Presidente da Câmara de São Gonçalo vai exonerar cargos indicados por vereadores [1] Comentários | Deixe seu comentário.

Para cumprir a lei de responsabilidade fiscal, o presidente da Câmara Municipal de São Gonçalo do Amarante, Raimundo Mendes (PMB), tomou medida que vai desagradar os vereadores.

E nesta quarta-feira anuncia a exoneração de uma lista de cargos comissionados indicados pelos parlamentares.

O barulho já é ensurdecedor em São Gonçalo.

9 de outubro de 2018 às 15:54

Vídeo mostra briga de agente de trânsito com um popular num cruzamento de Natal [0] Comentários | Deixe seu comentário.

E no cruzamento da avenida Bernardo Vieira com a rua São José, em Natal, leitor do Blog registrou…

Uma briga entre um homem – certamente condutor de algum veículo – e um amarelinho….guarda de trânsito da STTU.

Além do vídeo, a cena abaixo, registrada na calçada da STTU, já rola nos grupos com o título “Exemplo”

9 de outubro de 2018 às 14:37

Candidatura de Nina Souza com apoio de Carlos Eduardo foi fatal para deseleger Adjuto Dias [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A candidatura da vereadora de Natal, Nina Souza, do PDT, foi fundamental para deseleger o candidato a deputado, Adjuto Dias (PDT), filho do prefeito de Natal, Álvaro Dias (MDB).

Como manteve a equipe da Prefeitura deixada por Carlos Eduardo Alves (PDT), que renunciou para ser candidato a governador, Álvaro tinha notícia a cada dia, que servidores, principalmente os cargos comissionados, eram convocados para reuniões para tratar do apoio à vereadora Nina.

E quem comandava as reuniões era a ex-primeira-dama da capital, Andrea Ramalho, que virou madrinha da candidatura de Nina Souza.

Mesmo no cargo de prefeito, Álvaro contou pouco com o apoio dos comissionados, comprometidos com a candidatura de Nina.

No dia primeiro de outubro, a seis dias das eleições, a mulher de Carlos Eduardo fez apenas uma, das tantas reuniões com servidores para pedir empenho na eleição de Nina.

Essa reunião, que contou com a presença de leitores do Blog, aconteceu no bairro de Capim Macio.

Resultado do pleito: Adjuto teve 7.939 votos em Natal e Nina 7.379.

Na soma total em todo o Estado, Adjuto teve 28.697 votos e Nina 21.355.

Sem a vereadora no meio do caminho, e o apoio do ex-prefeito de Natal, Carlos Eduardo, Adjuto certamente teria tido votos suficientes para se eleger.

Na coligação que Adjuto fazia parte, o deputado Getúlio Rêgo (DEM) foi eleito com 33.477 votos.

O que aponta a possibilidade de vitória de Adjuto, caso o combinado entre Álvaro Dias e Carlos Eduardo tivesse sido cumprido.

Não foi.

E no final das contas, nem Adjuto nem Nina Souza.

A prova de que Nina fez campanha como “a candidata de Carlos Eduardo” foi a arte impressa nos santinhos distribuídos por ela.

Com Adjuto Dias derrotado nas urnas por causa de um capricho do candidato a governador, resta saber se o prefeito de Natal se empenhará para a eleição de Carlos Eduardo Alves no segundo turno das eleições.

O clima de traição deixa a dúvida no ar…

9 de outubro de 2018 às 13:38

Vídeo: No Senado Zenaide voltará a defender a redução dos juros do cartão de crédito [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Deputada federal pelo PHS, eleita senadora, Zenaide Maia disse em entrevista que nos concedeu no Jornal da Noite, da 95MaisFM, que ao assumir o novo mandato, continuará com sua bandeira em favor das pessoas deficientes e da redução dos juros do cartão de crédito.

Zenaide defende a eleição da senadora Fátima Bezerra (PT) para o Governo do Rio Grande do Norte.

Confira a entrevista.

 

9 de outubro de 2018 às 2:38

Rosadismo aliado ao candidato Carlos Eduardo Alves em Mossoró tira do jogo os deputados Beto Rosado e Larissa Rosado [1] Comentários | Deixe seu comentário.

Mossoró terminou as eleições sem representatividade na política tradicional.

Os Rosado aguardam a eleição do candidato a governador Carlos Eduardo Alves (PDT) para eleger o único representante da família: o vice Kadu Ciarlini Rosado (PP).

Do grupo tradicional em Mossoró, não se reelegeram os deputados federal Beto Rosado (PP) e estadual Larissa Rosado (PSDB).

A vereadora Sandra Rosado (PSDB) que seria candidata a deputada federal, foi convencida a desistir do projeto para concentrar os votos em torno da candidatura de Beto.

Teria sido mais uma derrota nas urnas no clã tradicional de Mossoró.

9 de outubro de 2018 às 2:36

Novo palanque não beneficiou a deputada Larissa Rosado [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O que pode ter levado a deputada estadual Larissa Rosado (PSDB) perder a eleição neste domingo?

Larissa sempre esteve no palanque oposto ao da prefeita de Mossoró, Rosalba Ciarlini (PP).

Se uniu ao grupo nas eleições de 2016, quando Rosalba voltou ao executivo municipal.

Pela primeira vez Larissa disputou um mandato ao lado de Rosalba, de quem sempre foi adversária ferrenha, principalmente nas campanhas onde Larissa nunca conseguiu se eleger prefeita.

Larissa sempre foi derrotada por Rosalba ou por candidatos apoiados por Rosalba.

Agora…com apoio de Rosalba…Larissa não conseguiu se reeleger.

Na última eleição, em 2014, quando ficou na suplência – assumiu com a renúncia do deputado Álvaro Dias (MDB) que foi ser candidato a vice-prefeito de Natal – Larissa Rosado teve 25 mil votos somente em Mossoró, somando no total, 32.876 votos.

Esperava agora superar os 25 mil de Mossoró, com apoio de Rosalba e do candidato a governador Carlos Eduardo Alves.

Só conseguiu 17.753, cerca de 7 mil votos a menos do que na eleição passada.

No resultado final, a deputada que não se reelegeu obteve 25.909 votos, ficando na terceira suplência.

9 de outubro de 2018 às 2:35

Mossoró elege dois deputados sem apoio da família Rosado [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Mesmo sem representantes do Rosadismo, Mossoró, que ficou órfã de um mandato federal, não ficou sem representação na Assembleia Legislativa.

Foram eleitos dois deputados estaduais: Isolda Dantas, do PT, e Allyson Bezerra, do Solidariedade.

Isolda, que obteve 32.963 votos, dos quais 11.031 em Mossoró, e 9.172 em Natal, para espanto de muitos candidatos com base na capital, foi a décima terceira mais votada no total.

A petista leva o número 13 até na classificação de sua eleição.

Allyson, que obteve 20.228 votos e foi eleito com reforço da coligação, teve 13.095 em Mossoró e apenas 734 em Natal.

9 de outubro de 2018 às 2:33

Quem é Isolda, representante de Mossoró na Assembleia Legislativa do RN [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Quem é a deputada eleita, representante de Mossoró, Isolda Dantas?

Filiada ao PT, apontada por ela mesma em entrevistas como “zoadenta e atrevida”, é vereadora em primeiro mandato, e na gestão do prefeito Silveira Júnior, foi secretária de Cultura.

Feminista, defensora dos movimentos LGBT, conseguiu aprovar na Câmara Municipal de Mossoró, o Dia Municipal da Visibilidade Lésbica.

Nasceu em Patu, morou em Upanema, onde entrou para o PT através de cursos de formação do partido ministrados pelo ex-vereador de Natal Hugo Manso

Perdeu a mãe aos 9 anos de idade.

Eleita deputada estadual, Isolda pretende levar para a Assembleia, entre outros debates, o fim do desembolso mensal, pelo Governo do Estado, para pagamento da construção da Arena das Dunas.

9 de outubro de 2018 às 2:30

Quem é Allyson Bezerra, o mais jovem eleito para a Assembleia Legislativa [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Quem é o deputado eleito como representante de Mossoró, Allyson Bezerra?

Desconhecido da classe política tradicional do município, ele tem 26 anos e começou a acreditar numa vitória quando viu seu nome aparecer nas pesquisas eleitorais.

Allyson é filho de Dona Maria das Neves e Seu Américo, que no Sítio Chafariz, zona rural de Mossoró onde viveram, certamente nunca ouviram falar de oligarquias.

Mas foi se posicionando contrário as oligarquias, que o rapaz que se formou em Engenharia e é servidor público da Ufersa, se apresentou na política e de cara conquistou um mandato na Assembleia Legislativa.

Contou para isso, não apenas a sua história de vida.

Ele se filiou ao partido Solidariedade, que montou uma nominata interessante, e os votos chegaram.

Como mais votado depois do deputado reeleito e presidente do partido, Kelps Lima, Allyson herdou o complemento necessário à sua eleição.

O deputado mais jovem da próxima legislatura na Assembleia Legislativa tem especialização e mestrado na área de recursos e impactos ambientais, é aluno de Direito da UERN, e hoje é um dos líderes da Rede Nacional de Ação Política pela Sustentabilidade (RAPS), criada em São Paulo.

9 de outubro de 2018 às 2:28

O crescimento do Solidariedade [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Com dois deputados eleitos para a Assembleia Legislativa, o Solidariedade saiu da campanha maior do que entrou.

A queda na votação do principal expoente, o deputado Kelps Lima, que obteve 59.619 votos em 2014, e agora somou 33.819 votos, parece exatamente o contrário, que o partido diminuiu.

A votação caiu, mas de um deputado o Solidariedade passou para dois.

A candidata a senadora Magnólia Figueirêdo somou 114.055 votos, e o candidato a governador, Brenno Queiroga, terceiro mais votado em Natal e Mossoró, obteve 106.345, o equivalente a 6,56% dos votos válidos.

Na soma total dos votos por partido, o Solidariedade ficou na terceira colocação, perdendo apenas para o PSDB e o PSD.

Ficou mais bem colocado do que MDB, PT, PR…

9 de outubro de 2018 às 2:28

Nome da deputada eleita Eudiane Macedo surge possibilidade do PTC para a Prefeitura da capital [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O PTC, que no Rio Grande do Norte só teve visibilidade nos tempos do então candidato a prefeito de Natal, Miguel Mossoró, ganhou nova roupagem e surpreendeu nas urnas.

O partido tem hoje o deputado federal mais votado, Benes Leocádio.

E para a Assembleia, leva os vereadores de Natal, Eudiane Macedo e Ubaldo Fernandes.

Com um detalhe: o partido já começa a discutir, nas entrelinhas, a possibilidade de voltar a disputar a Prefeitura da capital.

E o nome de Eudiane surge leve como uma pluma nessas discussões.

Eudiane está no segundo mandato de vereadora, tendo cumprido um na íntegra, vai para a Assembleia…e só o eleitor vai definir se apoia a saída dela da Assembleia para disputar o executivo municipal…ou não.

9 de outubro de 2018 às 2:24

Natália ou Mineiro: o nome do PT para a Prefeitura de Natal [0] Comentários | Deixe seu comentário.

E falando em Prefeitura de Natal em 2020, um nome que surge das urnas de domingo e passa para a boca do povo, como possível candidata a prefeita:

O da vereadora e deputada federal eleita Natália Bonavides.

Mas aí o voo alto pode cair como uma puxada no tapete da segunda deputada federal mais votada do Rio Grande do Norte.

Natália não concluiu o mandato de vereadora, já que saiu da Câmara Municipal para disputar uma cadeira na Câmara Federal, e em sendo candidata não concluirá também o mandato de deputada…

O entrave, que não passa despercebido aos olhos dos eleitorado, credencia o deputado federal eleito, Fernando Mineiro, a ser novamente o nome do PT para a Prefeitura.

A menos que Mineiro se apegue à Câmara Federal e não queira de jeito nenhum entrar na disputa para ser prefeito.