Thaisa Galvão

1 de novembro de 2018 às 0:02

Vereadora Nina Souza diz que a ex-secretária de Saúde e Andréa Ramalho Alves foram perseguidas pelo prefeito Álvaro Dias [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O prefeito de Natal, Álvaro Dias, foi o tema da reunião convocada pela ex-primeira-dama de Natal, Andréa Ramalho Alves, na terça-feira, na sede do PDT.

Reunião para a qual foram convocadas lideranças que trabalharam na campanha.

A justificativa seria para agradecer pelo empenho, mas o tom político contra o prefeito prevaleceu, principalmente durante o discurso da vereadora Nina Souza (PDT), até bem pouco tempo líder de Álvaro na Câmara.

Nina disse que ela, a ex-secretária de Saúde do Município, Saudade Azevêdo, e Andréa, foram “perseguidas” pelo prefeito.

O clima pode pesar mais ainda para os lados de Álvaro e do ex-prefeito Carlos Eduardo Alves, candidato derrotado para o Governo.

Vale lembrar que Andréa é auxiliar da gestão Álvaro Dias na Prefeitura de Natal, como secretária municipal de políticas para as mulheres.

Resta saber se ela permanecerá no cargo.

A vereadora Nina Souza foi candidata a deputada estadual com apoio de Andréa e do marido candidato majoritário, Carlos Eduardo Alves, contrariando o que havia sido acertado com Álvaro.

O atual prefeito assumiu o cargo com a renúncia de Carlos Eduardo e se comprometeu, pelo menos até o final da campanha, a manter o quadro de pessoal nomeado pelo antecessor, que apoiaria a candidatura de Adjuto Dias, filho de Álvaro, a deputado estadual.

A candidatura de Nina quebrou o compromisso.

E no final das contas, nem Adjuto nem Nina eleito.

Mais dois para a conta de derrotados do palanque.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*