Thaisa Galvão

9 de fevereiro de 2019 às 8:42

Governo comprova que não tem sobras em caixa e Justiça derruba liminar do Solidariedade que obrigava Estado pagar salários atrasados [2] Comentários | Deixe seu comentário.

O juiz Francisco Seráphico da Nóbrega Coutinho, da 6ª Vara da Fazenda Pública, negou liminar do Solidariedade, assinada pelo advogado e ex-vice-governador Fábio Dantas, que obrigava o Governo do Estado a usar metade do saldo da arrecadação de janeiro para pagar salários em atraso, obedecendo a ordem cronológica da folha.

O Governo comprovou que não havia o saldo anunciado pelo partido.

O Solidariedade vai recorrer.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*