Thaisa Galvão

18 de setembro de 2019 às 22:15

Detran: Pesquisa comprova eficiência de campanhas educativas e aceitação popular de operações como lei seca e combate ao uso do celular [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Uma pesquisa feita pelo instituto Seta confirmou a eficiência das campanhas educativas de trânsito do Governo do Estado.

As campanhas do Detran são aprovadas por 89,5% das pessoas entrevistadas.

Somente 4,6% desaprovam as campanhas educativas.

No total, 94,1% são impactadas pelas campanhas e apenas 5,9% não sabem ou não quiseram responder.

As 1.300 entrevistas foram aplicadas entre os dias 13 a 15 de setembro, em 12 cidades do Rio Grande do Norte.

A ‘Lei Seca’ e o ‘perigo do uso do telefone celular ao volante’, foram as campanhas com maiores índices de aceitação.

A população, segundo a pesquisa, concorda com a realização de blitzem.

“Os números ratificam a importância das campanhas educativas de trânsito do Governo do Estado, criadas pela agência Executiva e coordenadas pelo Detran-RN, mostrando que o direcionamento, a abordagem da forma criativa e ousada vem agradando a população do Rio Grande do Norte”, disse a secretária de Comunicação do Estado, Maria da Guia Dantas.

18 de setembro de 2019 às 20:47

Patu: Focos de incêndio que ainda não haviam sido debelados aparecem mais no escuro da noite e bombeiros foram distribuídos pela área [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O prefeito de Patu Rivelino Câmara disse ao Blog agora há pouco, que o Comando do Corpo de Bombeiros, instalado no gabinete de crise, na Serra do Lima, distribuiu equipes para permanecerem trabalhando no combate aos focos de incêndio que ainda não haviam sido controlados.

Hoje pela manhã Rivelino afirmou que o fogo estava controlado, o Santuário livre da ameaça, porém alguns focos ainda continuavam queimando.

Com o anoitecer esses focos apareceram e os bombeiros deverão passar a noite tentando debelar o fogo como fizeram de ontem para hoje.

18 de setembro de 2019 às 15:08

Deputado Ezequiel Ferreira promove sessão solene para homenagear nutricionistas [1] Comentários | Deixe seu comentário.

Em sessão solene proposta pelo presidente da Assembleia, Ezequiel Ferreira, 24 nutricionistas foram homenageados nesta quarta-feira.

Foram homenageados Maria de Fátima Nunes Duarte, Maria Amélia Marques Dantas, Yasmim Brena Moreira de Lima, Igor Guedes de Medeiros, Crislâini Sayonara da Silva Leal, Leilane Heloise Carvalho de Freitas, Vitória Karoline Silva de Sousa, Fabiana de Queiroz Medeiros Telles, Caroline Lira da Nóbrega, Josefa Girlene Ferreira de Morais, Lilian Lins de Moraes Drummond, Rarynna Pricylla Silva da Fônseca, Anna Paula dos Santos Medeiros, Rossana Barbalho Melo de Carvalho, Joyce Samara Marques de Oliveira Araújo, Maria Celia Barbosa de Farias, Cláudia Elenna Galvão Veríssimo Bezerra, Elizângela Maria Costa, Patrícia Borja Florentino, Daniella Ruth Simões de Medeiros, Célia Márcia Medeiros de Morais, Alexandre da Silva Baeta Neves, Rosenaide Paulino de Oliveira, Adriana de Queiroz Xavier, Rosane Maria Diógenes de Abreu.

 

Fotos Eduardo Maia

18 de setembro de 2019 às 14:40

Prefeito Rivelino: “Graças a Deus no momento o fogo está controlado” [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Do prefeito de Patu, Rivelino Câmara, ao Blog, depois de se reunir com o Comando do Corpo de Bombeiros:

“Graças a Deus no momento o fogo está controlado, ainda há algumas focos mas os bombeiros estão monitorando”, disse Rivelino.

“O reforço de ontem , foi importante, eles passaram a noite trabalhando”, disse o prefeito.

18 de setembro de 2019 às 14:36

Comando do Corpo de Bombeiros faz reunião em Patu para definir estratégias para debelar de vez focos de incêndio na Serra do Lima [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Do Comando do Corpo de Bombeiros do Rio Grande do Norte sobre o incêndio já controlado em Patu.

18 de setembro de 2019 às 14:27

Interino da PGR toma posse enquanto CCJ do Senado lê processo de indicação de Augusto Aras e marca sabatina [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Com o fim do mandato da procuradora Raquel Dodge na Procuradoria Geral da República, e o nome do indicado do presidente Bolsonaro, o vice-presidente do Conselho Superior do Ministério Público Federal (CSMPF), Alcides Martins, assumiu hoje, interinamente, a chefia da PGR.

O cargo foi transmitido por Raquel Dodge, no mesmo dia em que o relatório do senador Eduardo Braga (MDB-AM) favorável à indicação do subprocurador Augusto Aras para o cargo de procurador-geral da República, foi lido na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado.

Aras será sabatinado na próxima semana.

18 de setembro de 2019 às 14:25

Procuradores da lava jato voltam após convocação de interino da PGR [0] Comentários | Deixe seu comentário.

E hoje, assim que assumiu a Procuradoria Geral da República como interino, o subprocurador Alcides Martins anunciou o retorno, “em nome da continuidade”, dos procuradores da Lava Jato que haviam deixado a força-tarefa.

Ficou claro que eles deixaram para não saírem no desgaste com Raquel Dodge.

Saíram, respiraram, se valorizaram…e voltam.

Resta saber se o grupo será mantido por Augusto Aras.

18 de setembro de 2019 às 13:57

Ex-presidente do setor de propina da Odebrecht é encontrado morto [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Da Veja:

 

Corpo de Henrique Valladares foi encontrado em seu apartamento no Leblon; morte foi registrada como ‘causa indeterminada’ e será investigada pela polícia

 

A Polícia do Rio investiga a morte do ex-presidente da Odebrecht Infraestrutura Henrique Serrano do Prado Valladares, delator da Operação Lava Jato que revelou supostas propinas para o deputado federal Aécio Neves (PSDB-MG) e para o ex-senador Edison Lobão (MDB-MA), ex-ministro dos governos Lula e Dilma.

O registro oficial da 14ª Delegacia, no Leblon, aponta “causa indeterminada”. O corpo foi encontrado nesta terça-feira 17 no apartamento onde o delator morava. A polícia abriu uma guia de remoção para que os Bombeiros levassem o corpo ao Instituto Médico Legal (IML).

As primeiras investigações indicam que não havia sinais de arrombamento no apartamento, nem evidências de luta.

O corpo já passou por necropsia e foi liberado para a família. Valladares foi apontado por outros delatores da empreiteira como um dos negociadores de 30 milhões de reais de propina para Aécio atuar a favor dos projetos do Rio Madeira (Usinas Hidrelétricas de Santo Antônio e Jirau, em Rondônia) e, assim, atender interesses da empreiteira e também da Andrade Gutierrez.

Valladares contou que a empreiteira pagava prestações de 1 milhão a 2 milhões de reais, repassados pelo Setor de Operações Estruturadas, o departamento de propinas do grupo, para “Mineirinho”, codinome atribuído a Aécio.

O delator também dedicou parte de suas revelações a Lobão, ou “Esquálido”, como o ex-ministro e ex-senador era rotulado nas planilhas de propinas da empreiteira.

Segundo Valladares, o ex-ministro recebeu 5,5 milhões de reais para rever o leilão da usina de Jirau e a Odebrecht assumisse o empreendimento.

O delator contou que “Esquálido” teria cobrado uma “contrapartida” após reunião com os executivos da empreiteira. “Ele sinalizava que iria nos ajudar. E que precisava de nossa ajuda, de propina”, declarou Valladares.

 

18 de setembro de 2019 às 13:53

Deputado George Soares vai integrar Academia de Ciências Contábeis do RN [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O deputado estadual George Soares (PL), que é contador profissional, teve o nome aprovado para ser sócio efetivo da Academia Norte-rio-grandense de Ciências Contábeis.

George ocupará a cadeira de número 32 que tem como patrono Emanoel Rivadavia Pessoa da Silva, e cujo primeiro ocupante foi Pedro Américo do Nascimento.

O deputado-contador tomará posse em sessão solene realizada no Cine Teatro Pedro Amorim, em Assu, no dia 10 de outubro.

18 de setembro de 2019 às 13:33

Presidente Bolsonaro sanciona lei do deputado Rafael Motta [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O deputado federal Rafael Motta (PSB) teve sua primeira lei sancionada.

O presidente Jair Bolsonaro sancionou o projeto do deputado potiguar e da deputada do PSDB de Roraima, Mariana Carvalho.

Tão logo a lei seja regulamentada, os agressores deverão ressarcir o Sistema Único de Saúde (SUS) pelos custos com o atendimento de vítimas de violência doméstica e familiar.

Também terão que pagar pelo uso de dispositivos de monitoramento.

A modificação da Lei Maria da Penha prevê a punição do agressor que, por ação ou omissão, causar lesão, violência física, sexual ou psicológica e dano moral ou patrimonial à mulher. A medida entra em vigor em 45 dias.

“É uma grande alegria ter como primeiro projeto transformado em lei uma medida tão significativa no combate à violência contra a mulher. É uma vitória de todas as mulheres do Brasil e do SUS. Os agressores terão que arcar com todos os prejuízos que a sua covardia causar”, afirmou o deputado Rafael Motta.

18 de setembro de 2019 às 13:25

Senadora Zenaide Maia participa em SP de ato ‘em defesa da soberania e contra privatizações’ [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Presidente da Frente Nacional em Defesa da Soberania Nacional, a senadora potiguar Zenaide Maia (Pros) vai participar nesta quinta-feira (19), do ato de defesa da Soberania Nacional e Contra as Privatizações, que acontecerá na Assembleia Legislativa de São Paulo.

A privatização de 17 empresas públicas como Petrobras, Correios, Porto de Santos, Ceagesp e Dataprev, além de Caixa Econômica Federal, Banco do Brasil e Casa da Moeda, anunciados pela Presidência da República, estarão em pauta.

A Frente foi lançada com apoio de 248 deputados federais e em São Paulo recebeu a adesão de parlamentares estaduais de 16 partidos.

O ato será das 9h às 12h.

18 de setembro de 2019 às 12:42

CNJ mantém suspensa a lista tríplice para escolha de desembargador do TRT-RN [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Dos 15 ministros com direito a voto no Conselho Nacional de Justiça (CNJ), 9 votaram por manter suspensa a lista tríplice para escolha do desembargador federal do TRT-RN, pelo Quinto Constitucional por indicação da classe advocatícia.

No dia 26 de agosto passado, atendendo denúncia do advogado Eduardo Rocha, o CNJ expediu liminar proibindo o Tribunal Regional do Trabalho da 21ª Região, no RN, de enviar à Presidência da República a lista tríplice para definição do novo desembargador federal.

Na sessão desta quarta-feira, a maioria dos ministros decidiu por manter a liminar.

Com isso, a lista tríplice contendo os nomes dos advogados Marcelo Barros, Marisa Almeida e Augusto Maranhão Filho não pode ser encaminhada à Presidência da República para escolha do desembargador pelo presidente Jair Bolsonaro.

A ação de Eduardo Rocha chamava atenção para a atuação do presidente do TRT-RN, Bento Herculano, que não alegou suspeição, e num voto de minerva incluiu na lista tríplice sua ex-esposa e mãe da sua filha, a advogada Marisa Almeida.

Os nomes da lista tríplice polêmica e suspensa pelo CNJ, eram pela ordem de votos, Marcelo Barros, Eduardo Rocha, Marisa Almeida, Augusto Maranhão, Lúcia Jales e Eduardo Gurgel.

18 de setembro de 2019 às 10:00

Presidente Paulinho Freire convoca representante da Prefeitura para explicar sobre Plano Diretor de Natal [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O presidente da Câmara de Natal, Paulinho Freire (PSDB), convocou uma sessão extraordinária para esta quinta-feira (19), a partir das 13h45.

Na pauta, explicações da Prefeitura da capital sobre o processo de elaboração do novo Plano Diretor de Natal.

“Vamos debater com a Prefeitura e a Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Urbanismo sobre o andamento do Plano Diretor, que ainda não chegou à Casa. Sabemos que o Executivo tem que cumprir várias etapas até que o Grupo Gestor possa finalizar a redação e enviar o Plano ao Legislativo, mas queremos discutir e informar à sociedade sobre como anda todo o processo”, explicou Paulinho.

“Desta forma, convidamos os natalenses a participarem da sessão extraordinária, bem como do fórum de debates que vamos abrir a partir do mês de outubro com profissionais renomados da cidade, autoridades e demais atores sociais que querem contribuir para a elaboração do Plano Diretor de Natal”, concluiu.

18 de setembro de 2019 às 9:13

Morre ex-prefeito de Jardim de Angicos [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Um infarto matou na madrugada desta quarta-feira, o ex-prefeito de Jardim de Angicos, Paulo Amaro.

Atualmente filiado ao PTB, ele administrou o município por dois mandatos: de 1977 a 1982 e de 1993 a 1996.

Ele é sogro da atual prefeita Suely Fonsêca (MDB).

Paulo Amaro morreu em Natal mas será sepultado em Jardim de Angicos.

Foto: Blog do Jadson Nascimento

18 de setembro de 2019 às 8:54

Venezuelanos pedem ajuda nas ruas de Natal [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Tem venezuelanos chegando a Natal.

Nas ruas, pedem ajuda à população.

Fotos Thaisa Galvão

18 de setembro de 2019 às 8:09

Bombeiros e voluntários trabaham toda a madrugada em Patu e conseguem debelar a maior parte dos focos de incêndio e savar o Santuário do Lima [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Mais de 100 pessoas entre bombeiros e voluntários trabalharam durante toda a madrugada e conseguiram combater quase todos os focos de incêndio na Serra do Lima, em Patu.

Pelo menos, segundo informações do próprio Corpo de Bombeiros, eles conseguiram savar o Santuário do Lima.

18 de setembro de 2019 às 5:30

Minuto da Câmara: Prestando contas [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A Câmara conta agora com a Frente Parlamentar em Defesa das Pessoas em Situação de Rua. A iniciativa do vereador Maurício Gurgel (PSOL) foi aprovada em sessão ordinária.

Essa e outras notícias no Minuto da Câmara, um resumo do trabalho do legislativo municipal de Natal.

Acompanhe:

18 de setembro de 2019 às 0:58

Para evitar ação judicial por publicar consultas privadas com nora de Bolsonaro, Grupo Globo pede desculpas e cúpula da revista Época se demite [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A diretora de redação da revista Época, Daniela Pinheiro; o redator-chefe, Plínio Fraga; e o editor Marcelo Coppola, se demitiram da revista.

Eles foram responsáveis pela publicação da matéria do repórter João Saconi, que se passou por gay e fez, durante um mês, aulas de coaching online com a psicóloga Heloísa Bolsonaro, nora do presidente da República, publicando depois todas as conversas dos dois nas páginas da revista Época.

Ameaçado de ser alvo de ação judicial, o Grupo Globo, detentor da revista, emitiu nota tratando a reportagem como “erro”, e pediu desculpas à nora de Bolsonaro.

Pouco tempo depois de divulgada a nota foi noticiada a demissão da cúpula da redação da Época.

Eis a nota do Grupo Globo:

Como toda atividade humana, o jornalismo não é imune a erros. Os controles existem, são eficientes na maior parte das vezes, mas há casos em que uma sucessão de eventos na cadeia que vai da pauta à publicação de uma reportagem produz um equívoco.

Foi o que aconteceu com a reportagem “O coaching on-line de Heloisa Bolsonaro: as lições que podem ajudar Eduardo a ser embaixador”, publicada na última sexta-feira. ÉPOCA se norteia pelos Princípios Editoriais do Grupo Globo, de conhecimento dos leitores e de suas fontes desde 2011. Mas, ao decidir publicar a reportagem, a revista errou, sem dolo, na interpretação de uma série deles.

É certo que em sua seção II, item 2, letra “h”, está dito: “A privacidade das pessoas será respeitada, especialmente em seu lar e em seu lugar de trabalho. A menos que esteja agindo contra a lei, ninguém será obrigado a participar de reportagens”. A letra “i” da mesma seção abre a seguinte exceção: “Pessoas públicas – celebridades, artistas, políticos, autoridades religiosas, servidores públicos em cargos de direção, atletas e líderes empresariais, entre outros – por definição abdicam em larga medida de seu direito à privacidade. Além disso, aspectos de suas vidas privadas podem ser relevantes para o julgamento de suas vidas públicas e para a definição de suas personalidades e estilos de vida e, por isso, merecem atenção. Cada caso é um caso, e a decisão a respeito, como sempre, deve ser tomada após reflexão, de preferência que envolva o maior número possível de pessoas.

O erro da revista foi tomar Heloisa Bolsonaro como pessoa pública ao participar de seu coaching on-line. Heloisa leva, porém, uma vida discreta, não participa de atividades públicas e desempenha sua profissão de acordo com a lei. Não pode, portanto, ser considerada uma figura pública. Foi um erro de interpretação que só com a repercussão negativa da reportagem se tornou evidente para a revista.

Em sua seção 1, item 1, letra “r”, os Princípios Editoriais do Grupo Globo determinam: “Quando uma decisão editorial provocar questionamentos relevantes, abrangentes e legítimos, os motivos que levaram a tal decisão devem ser esclarecidos”. E o preâmbulo da mesma seção estabelece com clareza: “Não há fórmula, e nem jamais haverá, que torne o jornalismo imune a erros. Quando eles acontecem, é obrigação do veículo corrigi-los de maneira transparente”.

É ao que visa esta Carta aos Leitores. Explicar o que levou à decisão editorial equivocada, reconhecer publicamente o erro e pedir desculpas a Heloisa Bolsonaro e aos leitores de ÉPOCA.

Nesta terça-feira (17), a cúpula da redação da revista Época decidiu pedir demissão após uma nota publicada pelo grupo Globo se desculpando por uma reportagem com a nora do presidente Jair Bolsonaro. A matéria trazia o repórter tendo sessões de coaching com Heloísa Wolf Bolsonaro. A informação foi dada pelo site Portal dos Jornalistas.

A reportagem irritou o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), que chegou a criticar integrantes da revista e ameaçou entrar com um processo. O texto foi escrito pelo repórter João Saconi.

+ Internautas acusam Globo de ser traidora da pátria

+ Eduardo decide processar repórter e chefia da Época