Thaisa Galvão

7 de outubro de 2019 às 8:43

No twitter, Henrique Alves chama Rodrigo Janot de mentiroso ao se referir a citações a seu nome no livro do ex-chefe do Ministério Público Federal [1] Comentários | Deixe seu comentário.

O ex-deputado Henrique Alves, citado em dois capítulos do livro do ex-procurador-geral da República, Rodrigo Janot, chamou o ex-chefe do Ministério Público Federal, que o denunciou, inclusive, de mentiroso.

Ele se referiu às citações ao seu nome.

Para o leitor lembrar o que o ex-deputado escreveu em seu twitter, CLIQUE AQUI para ler um capítulo, e AQUI para ler o outro.

Depois de reler o que disse Rodrigo Janot sobre Henrique, fica a pergunta:

O que é mentira nos escritos de Janot?

1- Que Henrique e o então vice-presidente Michel Temer receberam o procurador-geral da República Rodrigo Janot no Palácio do Jaburu?

2- Que Henrique pediu para o procurador-geral não investigar Eduardo Cunha?

3- Que num outro contato ele chorou ao receber um envelope pardo com documento que não continha seu nome numa das ‘listas de Janot’, o retirando de um dos procesoss por falta de elementos?

4- Que Henrique mandou uma garrafa de cachaça de presente para o chefe do Ministério Público?

5- Que ele enviou a Janot uma carta?

6- Que nesta carta Henrique sugeria que poderia voltar à política e apoiar os projetos futuros de Rodrigo Janot?

7- Que nesta carta Henrique chamou Janot de correto, ético e ‘sobretudo’ justo?

8- Que ele (Henrique) foi vítima de um episódio ‘distorcido e calunioso’?

9- Que Janot escreveu que o nome de Henrique surgiu em várias delações, em uma delas como destinatário de propinas em contas no exterior num esquema do ex-deputado Eduardo Cunha?

Pelas citações variadas a Henrique, ficou vago entender o que Henrique chama de mentira do ex-procurador-geral da República.

Será tudo mentira?

Será Rodrigo Janot um exímio mentiroso?

Não seria então a hora de Henrique dar o troco?

Denunciar Rodrigo Janot, processá-lo e fazê-lo pagar pena com uma indenização milionária?

#ficaadica

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*