Thaisa Galvão

17 de janeiro de 2020 às 17:12

Preso sob acusação de contrabando, Tenente Coronel Fernandes estudava candidatura em Macau ou Natal no próximo ano [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Preso na operação Níquel, apontado como líder em esquema de contrabando de cigarros e outros produtos estrangeiros, o Coronel Fernandes, que já disputou mandato de prefeito de Macau e de deputado estadual… se preparava para mais uma investida política.

Ele havia voltado a discutir possibilidade de disputar mais uma vez a Prefeitura de Macau, viabilizando uma nominata grande com candidatos a vereador.

Outra possibilidade de Fernandes: ser candifato a vereador em Natal.

Coronel Fernandes, preso em Natal, foi transferido para o presídio de segurança máxima de Mossoró.

17 de janeiro de 2020 às 16:59

João Maia 100% presente [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Do PL nacional, fazendo as contas da participação de sua bancada no Congresso.

O deputado potiguar João Maia teve 100% de presenças em sessões da Câmara.

17 de janeiro de 2020 às 12:55

Notas do Enem 2019 caíram e provas com ‘zero’ na Redação aumentaram em mais de 27 mil [0] Comentários | Deixe seu comentário.

As notas médias do Enem caíram.

As notas de 2019 em relação ao ano anterior, segundo o Inep, foram mais baixas em todas as áreas objetivas.

A nota média de Redação foi de 592,9.

O número de candidatos com nota Mil caiu de 55 para 53 em relação ao ano passado.

O número de redações nota zero aumentou de 112.559 para 143.736. Em 56 mil casos, o motivo da nota zero foi porque o participante entregou a prova em branco.

Mais de 27 mil zeros a mais…

As notas individuais do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2019 foram divulgadas nesta sexta-feira e podem ser acessadas por meio de CPF e senha na Página do Participante (https://enem.inep.gov.br/participante/) e pelo aplicativo do Enem.

Quem não lembra da senha para acessar os dados pode recuperá-la ou mesmo resetá-la e fazer uma nova.

 

Quando se inscrever no Sisu 2020?

O Sistema de Seleção Unificada (Sisu) é o sistema do MEC que reúne centenas de milhares de vagas de graduação em universidades públicas brasileiras.

Para participar do Sisu em 2020, é preciso ter feito o Enem 2019 e não ter tirado nota zero na prova de redação.

O prazo começa na próxima terça (21) e encerra às 23h59, na sexta-feira (24).

A inscrição é feita pelo site do programa: http://sisu.mec.gov.br/.

17 de janeiro de 2020 às 12:43

Presidente demite secretário de Cultura mas continua poupando auxiliares envolvidos em denúncias de corrupção [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O estilo nazista de impor um novo modelo de arte no Brasil, rendeu demissão ao secretário de Cultura, Roberto Alvim.

O presidente Jair Bolsonaro decidiu demitir.

Mas…

Não tomou a mesma medida com o chefe da Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República (Secom), Fábio Wajngarten, denunciado por receber dinheiro de empresas contratadas pela própria Secretaria, por meio de uma empresa da qual é sócio.

Mesmo após assumir o cargo no Planalto, o publicitário continua como principal sócio da FW Comunicação e Marketing, que tem contratos com pelo menos cinco empresas que recebem verbas do governo, como as emissoras Band e Record.

A demissão de Roberto Alvim vai mudar o foco das denúncias contra Wajngarten.

Entendeu?

Bolsonaro também não demitiu o ministro do Turismo ´Marcelo Álvaro Antônio, indiciado pela Polícia Federal em investigação de esquema de laranjas do PSL.

A investigação policial concluiu que o ministro comandou esquema de desvio de recursos públicos por meio de candidaturas femininas de fachada nas últimas eleições.

Mas Bolsonaro continua com Marcelo Álvaro Antônio.

Avisou, inclusive, a ele, que vai demitir Roberto Alvim.

Mas Marcelo fica.

O presidente Jair Bolsonaro também não substituiu o líder do Governo no Senado.

O atual, senador Fernando Bezerra Coelho, foi alvo de busca e apreensão em setembro passado.

Ele é alvo de denúncias sobre irregularidades em obras no Nordeste, como a transposição do Rio São Francisco, no período em que Bezerra foi ministro da Integração Nacional, no governo da ex-presidente Dilma Rousseff (PT).

Mas…continua líder do Governo Bolsonaro.

As denúncias que envolvem o filho senador Flávio Bolsonaro – caso da rachadinha – e os que incluem o nome do filho Carlos Bolsonaro – caso Marielle – são rechaçados pelo presidente.

Então…

A frase do secretário rendeu demissão.

Mas as denúncias contra os ministros…vão sendo guardadas debaixo do travesseiro do presidente que se elegeu garantindo acabar com a corrupção no Brasil.

17 de janeiro de 2020 às 12:25

Queda de Roberto Alvim: Não é pena de morte mas é demissão [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Não foi pena de morte, como sugeriu Olavo de Carvalho, mas foi demissão.

E o presidente Jair Bolsonaro decidiu demitir o secretário nazista Roberto Alvim da Secretaria de Cultura.

O ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, a quem a Secretaria de Cultura é ligada, já foi comunicado.

17 de janeiro de 2020 às 12:18

Olavo de Carvalho defende pena de morte para auxiliares do governo…e para quem mais? [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O ideólogo do governo Bolsonaro, Olavo de Carvalho, quer pena de morte para auxiliares do governo Bolsonaro.

(…quando a gente pensa que o estilo Hitler do secretário de Cultura era o fim da picada…)

Ele deixa bem claro no tuíte postado nesta sexta-feira.

Olavo de Carvalho disse que o Brasil só tomará jeito quando “erros de gramática”, “inabilidades estilísticas” e “incapacidade de distinguir entre gracejos e afirmações literais”, forem punidos com pena de morte.

Erros gramaticais ele se refere, claro, ao ministro da Educação, que não consegue escrever um texto longo sem vários erros de português.

O “paralisação” com Z virou a piada pronta.

Inabilidades estilísticas, ao hitleriano secretário de Cultura, que tenta criar arte bem no estilo dele.

Que estilo?

E a incapacidade de distinguir entre gracinhas e afirmações literais…me vem a maior dúvida.

Olavo se refere aí a ele mesmo? Ou ao presidente Jair Bolsonaro?

#ficaadica ou #ficaadúvida

17 de janeiro de 2020 às 12:08

Secretário de Cultura do governo Bolsonaro recorre a Hitler e tenta comprar por 20 milhões um novo modelo de arte no Brasil [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Medo!

Não do novo modelo de cultura que o ‘hitleriano’ secretário da Cultura do governo Bolsonaro, Roberto Alvim, deseja implantar no Brasil lançando um concurso com premiação de 20 milhões de reais.

Valor que para o novo governo, vale a cultura.

Mas, do estilo ‘hitleriano’ do auxiliar do governo.

Ridículo?

É pouco.

Mas Roberto Alvim, ao anunciar um novo formato para a arte nacional – ah, coitxado – foi rechaçado até pelo questionável Olavo de Carvalho, que disse que ‘Roberto Alvim talvez não esteja muito bem da cabeça’.

E pensar que se acha isso de Olavo de Carvalho.

Pois…

Ao tentar comprar por 20 milhões um novo modelo de cultura, Roberto Alvim, no vídeo que divulgou, citou trechos de uma fala do ministro da Propaganda de Hitler, Joseph Goebbels:

“A arte brasileira da próxima década será heroica e será nacional, será dotada de grande capacidade de envolvimento emocional, e será igualmente imperativa, posto que profundamente vinculada às aspirações urgentes do nosso povo – ou então não será nada”.

Quem foi que disse que a arte brasileira vai mudar?

Que os artistas vão rezar na cartilha do novo Hitler?

Quem um concurso vai mudar a genialidade das pessoas?

Quem vai deixar de ser artista, de produzir arte, porque não se inscreveu no concurso lançado por Roberto Alvim?

A fala de Alvim nesse vídeo postado, que virou o assunto mais comentado nas redes sociais, tem semelhança com um discurso de Goebbels feito em 8 de maio de de 1933, no hotel Kaiserhof, em Berlim (Alemanha), para diretores de teatro.

“A arte alemã da próxima década será heroica, será ferreamente romântica, será objetiva e livre de sentimentalismo, será nacional com grande páthos [potência emocional] e igualmente imperativa e vinculante, ou então não será nada”, disse Goebbels, segundo o livro “Joseph Goebbels: Uma biografia” (Ed. Objetiva), de 2014, escrito pelo historiador alemão Peter Longerich.

Veja o vídeo e chore.

Ou ria.

Como queira.

16 de janeiro de 2020 às 14:31

Apoio da Prefeitura de Natal poderá prorrogar charter da Holanda para o RN por mais um ano [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Acompanhado do presidente da ABIH-RN, José Odécio e do secretário municipal de Turismo, Fernando Fernandes, o prefeito de Natal Álvaro Dias recebeu hoje, em Amsterdam, na Holanda, o diretor da Operadora Corendon, Sjoerd de Kort.

Álvaro ratificou a participação da Prefeitura na captação de voos charters para Natal, mantendo o compromisso financeiro do município com o grupo holandês.

O prefeito foi informado sobre a satisfação do turista holandês que tem visitado Natal.

Os s voos que começaram em novembro passado seguem até abril próximo, podendo ser renovados diante do interesse da Prefeitura e da participação direta do prefeito e dos empresários do turismo.

Durante evento promovido pela Corendon para convidados na noite de hoje, o prefeito Álvaro Dias será recebido pelo presidente.

16 de janeiro de 2020 às 8:34

Governadora Fátima vai pagar salário ao ex Robinson Faria [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Quando o Estado fizer o repasse do restante da folha de pagamento referente ao mês de novembro de 2018 que não foi paga nem dentro do mês nem dentro da gestão, apesar de muito prometida, alguns servidores de fora da folha do atual Governo vão botar um dinheirinho no bolso.

Entre eles o ex-governador Robinson Faria, o ex-vice-governador Fábio Dantas, além de secretários, adjuntos e outros jabutis do governo passado.

Em novembro de 2018 só foram pagos os salários até 3 mil reais.

Os demais deixaram o governo chupando o dedo.

Esse mesmo quadro de ex-servidores e ex-gestores recebeu em maio passado, já na gestão da governadora Fátima Bezerra, o décimo terceiro de 2017 que também não tinha sido pago apesar de prometido.

Quando pagar novembro de 2018 no dia 15 de fevereiro, Fátima estará pagando dois salários de governador ao ex Robinson Faria.

16 de janeiro de 2020 às 8:22

Calendário de pagamento dos salários de 2020 será anunciado na próxima quarta-feira [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Na reunião de representantes do Governo com o Forum de Servidores nesta quarta-feira, começou a ser discutida a criação de um calendário de pagamentos para todo o ano de 2020.

O secretário da Casa Civil, Raimundo Alves disse que as datas de pagamento serão anunciadas na próxima quarta-feira (22) em nova reunião com os servidores.

Na ocasião será determinado o teto salarial para que possam ser estabelecidas as datas e a forma de pagamento, isto é, quem receberá o salário integral no dia 15 e quem receberá fracionado (30% no dia 15 e o restante no final do mês).

16 de janeiro de 2020 às 8:10

Novembro/2018: Salário do servidor estadual atrasado há um ano e três meses será pago em fevereiro [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Durante reunião com o Fórum dos Servidores do Estado, nesta quarta-feira, o secretário de Finanças, Aldemir Freire, anunciou que o pagamento de novembro de 2018, que não foi pago pela gestão anterior, será pago no dia 15 de fevereiro.

O Governo programou quitar 15 folhas em 2019, porém, a frustração dos recursos da sessão onerosa, anunciados pelo governo federal como sendo mais de 400 milhões de reais, só chegou ao RN no valor de 150 milhões, frustrando também a promessa do Governo de pagar dentro do mês.

Mas o atraso foi de apenas 15 dias.

Pouco ou quase nada para quem viu atrasar o décimo terceiro de 2017, o salário de novembro de 2018, o salário de dezembro de 2018 e o décimo terceiro de 2018.

O mês de novembro de 2018, que o atual Governo atrasa em 15 dias, chega, na realidade, ao bolso do servidor público, com um atraso de um ano e 3 meses.

“Nós estamos finalizando as negociações com o Banco Daycoval a acerca do empréstimo no valor de R$ 180 milhões”, disse Aldemir, referindo-se à negociação que tem como garantia os royalties de petróleo e gás que serão recebidos entre os meses de janeiro e setembro.

15 de janeiro de 2020 às 11:32

Diferente dos últimos 40 anos, Codern começa o ano com as contas em dia [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A diretoria da Codern está se congratulando com todos os funcionários ressaltando que pela primeira vez nas últimas quatro décadas, a Companhia inicia o ano com resultado financeiro positivo.

O choque implantado pela atual gestão, incluindo governança em todos os setores da Companhia, foi o que permitiu reverter o resultado negativo mensal em torno de R$ 500.000.

A expectativa é que se mantenha o mesmo quadro em 2020, transformando o equilíbrio em superávit.

15 de janeiro de 2020 às 11:07

Rádio Tribuna FM vai integrar grade nacional da Jovem Pan News à sua programação [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Depois de não ter se acertado com a Band News, a Rádio Tribuna, sociedade do empresário Flávio Azevedo com o ex-deputado Henrique Alves, fecha uma nova grade nacional.

Nos próximos dias sai da fase experimental e entra no ar integrada à grade nacional da Jovem Pan News.

A Pan News pertence à Rede Jovem Pan, que em Natal opera no dial 89.9, do mesmo grupo da 98FM.

A Jovem Pan News vai operar no dial 93.5 da Tribuna FM.

15 de janeiro de 2020 às 10:58

RN na lista dos estados que poderão ter surto de dengue a partir de março [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O Rio Grande do Norte poderá ter surto de dengue agora em 2020. A previsão é do Ministério da Saúde, que aponta os 9 estados do Nordeste, além do Espírito Santo e Rio de Janeiro, como passíveis do problema a partir de março.

O Brasil registrou 1.544.987 casos de dengue no ano passado, com 782 mortes.

O aumento registrado foi de 488% em relação a 2018, um ano considerado atípico pelo Ministério.

15 de janeiro de 2020 às 9:14

Números positivos marcaram a temporada turística no RN em 2019 [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A Secretaria de Turismo do Estado e a Emprotur divulgaram números positivos do setor no Rio Grande do Norte, referentes ao ano de 2019.

A redução do QAv incrementou a malha aérea e entre agosto e novembro a média de crescimento foi de 14%.

Entre as empresas aéreas a Latam apresentou um crescimento de 21%, a Gol de 10% e a Azul de 13,2%.

A perspectiva para este ano é na alta estação receber voos de novos destinos como Goiânia, e a partir de fevereiro incrementar a entrada internacional com o voo da TAP diário entre Lisboa e Natal.

A entrada de turistas internacionais no RN cresceu 12% em média e só em dezembro o crescimento foi de 29%.

A ocupação hoteleira de dezembro em Natal se manteve na média histórica de 65%.

Em São Miguel do Gostoso foram mais 52%; em Tibau do Sul, Mossoró e Serra de São Bento, 60%.

Durante o réveillon Natal registrou 90% de ocupação, São Miguel do Gostoso 100%, Tibau do Sul 98%, Mossoró 70% e Serra de São Bento 100% de ocupação.

“Apesar da grande visibilidade sobre o problema o cenário que observamos é positivo para o turismo. Levando em conta todas as adversidades, consideramos que o Rio Grande do Norte teve um desempenho positivo no ano de 2019 e estamos trabalhando para potencializar os números em 2020”, disse a titular do Turismo, Ana Costa.

15 de janeiro de 2020 às 8:47

Salário mínimo sobe mais 6 reais a partir de fevereiro [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O salário mínimo sobe duas vezes em um mês.

O valor de R$ 1.039 em vigor a partir de primeiro de janeiro, passa a valer R$ 1.045 a partir de primeiro de fevereiro.

Seis reais a mais.

O anúncio foi feito pelo presidente Jair Bolsonaro nesta terça-feira e será feito via medida provisória com força de lei a ser cumprida imediatamente.

14 de janeiro de 2020 às 23:47

Fátima Bezerra, Rogério Marinho e Garibaldi Filho: potiguares no filme que concorre ao Oscar [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Três personagens potiguares no filme-documentário “Democracia e Vertigem” que concorre ao Oscar: a governadora Fátima Bezerra (PT), o ex-deputado e secretário de Trabalho e Previdência, Rogério Marinho (PSDB) e o ex-senador Garibaldi Filho (MDB).

Fátima aparece na posse do primeiro mandato do presidente Lula.

Rogério na parte do filme que diz que o então senador Aécio Neves levantou no Congresso o tema do impechman da presidente Dilma Rousseff (PT), inconformado por ter perdido a eleição para ela.

E Garibaldi aparece na posse do presidente Michel Temer.

Democracia em Vertigem, com direção da cineasta Petra Costa, testemunha a ascensão e queda de um grupo político e a polarização do Brasil, e concorre ao Oscar de Melhor Documentário de Longa-Metragem.

A diretora Petra Costa, narradora do documentário, nasceu em Belo Horizonte em 1983.

Filha de militantes no PCdoB durante a ditadura, o pai Manoel Manoel Costa Júnior depois foi deputado federal pelo MDB e a mãe Marília Andrade, que também participa do filme, é socióloga e jornalista.

O avô materno de Petra é Gabriel Donato de Andrade, um dos fundadores da Andrade Gutierrez, uma das maiores construtoras do Brasil e envilvida na lava-jato.

A história da família de Petra é parte essencial de “Democracia em vertigem”.

14 de janeiro de 2020 às 23:14

Auditoria no Detran cancelou contrato de 90 mil por mês pelo aluguel de uma tenda [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Das informações do controlador geral do Estado, Pedro Lopes, na entrevista que nos concedeu nesta terça-feira no Jornal da Noite, na 95MaisFM, a que causou espanto:

O Detran, que foi auditado a pedido do próprio órgão no início da gestão, pagava 90 mil reais por mês pelo aluguel de uma tenda…

Tenda que já foi comprada pelo Departamento de Trânsito para ser utilizada quando necessário, e que custou 55 mil reais.

Um pagamento só de 55 mil evitou o desembolso mensal de 90 mil, anual de 1 milhão e 80 mil, e somando uma gestão de 4 anos, 4 milhões, 320 mil reais.

O contrato de aluguel era para uso quando necessário, pagamento por diária.

Que em comum acordo da empresa contratada com o órgão, definiu que a tenda ficaria montada para sempre, ficando o Estado obrigado a pagar por 30 diárias por mês, o que somava 90 mil.

Uma tenda…bem carinha.

Pelo que o Blog foi informado, a do Detran não é ou era a tenda mais cara do Rio Grande do Norte.

Tem mais.

14 de janeiro de 2020 às 23:03

Sonegação também foi constatada em contratos do programa de transporte popular [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O controlador geral do Estado, Pedro Lopes, informou nesta terça-feira, na entrevista que nos concedeu no Jornal da Noite, na 95MaisFM, que o esquema de sonegação fiscal não foi encontrado só nos contratos para fornecimento de refeições aos restaurantes populares.

Empresas contratadas pelo programa de transporte popular, que transportava pessoas da grande Natal para atendimento médico na capital, também sonegaram, de acordo com a auditoria feita pela Controladoria do Estado e Secretaria Estadual de Tributação.

14 de janeiro de 2020 às 21:46

Em entrevista, controlador do Estado contou como empresas fornecedoras de restaurantes populares ‘lucravam’ sonegando impostos [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Nosso entrevistado no Jornal da Noite desta terça-feira, o controlador geral do Estado, Pedro Lopes, falou sobre a auditoria que constatou fraude fiscal no programa de restaurantes populares em 2018.

Lopes informou que só foi possível detectar o crime fiscal a partir do termo de cooperação firmado no atual governo pela Control com a Secretaria de Tributação.

Sem a investigação conjunta, a sonegação passaria batida aos olhos do poder público.

Ele explicou que a auditoria começou focada em outra irregularidade: o Governo pagava por uma quantia X de refeições e as empresas contratadas entregavam menos, lucrando pelo que não forneceram.

Porém, a grande quantidade de notas fiscais “devolvidas” chamou atenção e a irregularidade maior foi revelada.

As empresas emitiam nota fiscal, recebiam o dinheiro do Governo e depois devolviam a nota como se não tivesse, nem prestado o serviço nem recebido o dinheiro.

Com isso impostos como o ICMS não eram pagos e o valor referente ao imposto caía como “lucro fácil” na conta do fornecedor.

Segundo o controlador Pedro Lopes, a auditoria foi feita com base em contratos que somavam 16 milhões em 2018, o que pode ter significado quade 3 milhões em impostos sonegados.

O controlador afirmou que algumas empresas já foram notificadas, vez que a auditoria já confirmou a sonegação de cerca de 1 milhão e 800 mil reais, e uma das empresas, inclusive, já se adiantou e devolveu 500 mil reais ao Estado, se eximindo assim do crime, como rege a legislação tributária.

Mesmo tendo sonegado e “lucrado” indevidamente, a empresa se mantém limpa e apta a operar com o poder público.

Repito: como rege a legislação tributária.

O controlador Pedro Lopes disse que a Control tem carta branca da governadora Fátima Bezerra para auditar este ou os governos passados.

E no caso dos restaurantes populares, a auditoria vai continuar investigando tudo o que ainda não prescreveu, ou seja, as irregularidades de 5 anos atrás.

14 de janeiro de 2020 às 16:55

Juiz federal aponta PM como líder no esquema de contrabando e diz que carregamentos de cigarros chegavam de barcos aportados em Macau [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Da assessoria da Justiça Federal sobre a operação realizada em Natal para desarticular esquema de contrabando de cigarros e outros produtos estrangeiros:

O Juiz Federal Walter Nunes da Silva Júnior, titular da 2ª Vara Federal, decretou a prisão de seis pessoas no âmbito da operação Níquel, deflagrada hoje e que recai sobre uma quadrilha especializada em contrabando de cigarros. Foram determinadas as prisões de Aldenir Garcia da Silva, conhecido como “Careca”, André Luís Fernandes da Fonseca, Assaf Elias Assaf, Sildaire Gregório da Silva, conhecido como “Sid”, Leonardo Aparecido do Vale, Julierme Rodrigues de Souza e Thiago Bruno de Queiroz. Além disso, foram determinadas buscas e apreensões e ainda o bloqueio de valores somando R$ 16.185.368,00. Os valores envolvem os bens dos que tiveram a prisão determinada e ainda de José Raimundo Correia Moraes, Luciana de Souza Araújo Silva, Tony Edson Ramos Agostinho Silva, Jardson da Silva, JS Transportadora e Rameca do Nascimento Silva. 

No caso de André Luís, que é tenente coronel da Polícia Militar do Rio Grande do Norte, o magistrado destacou que ele exercia função de liderança na organização. “O Tenente-Coronel da Polícia Militar ANDRÉ LUIS FERNANDES DA FONSECA exerce função de liderança na organização investigada, possuindo domínio sobre as atividades operacionais e financeiras, bem como desempenha comando sobre os demais integrantes do grupo. Ademais, foram trazidos à investigação dados de que ANDRÉ LUIS FERNANDES comanda ações para a garantia da continuidade das operações do grupo, como blindagem de eventuais intervenções policiais, havendo suspeitas, inclusive, de que ele conta com a ajuda de integrante da Polícia Rodoviária Federal lotado neste Estado para viabilizar o escoamento do produto, tamanha a facilidade no transporte das mercadorias”, escreveu o Juiz Federal Walter Nunes.

A decisão trouxe ainda medidas cautelares para Luciana de Souza Araújo Silva, Jardson da Silva e Rameca do Nascimento Silva, que deverão comparecer mensalmente à Secretaria da 2 Vara. O Juiz Federal Walter Nunes indeferiu os pedidos de prisão feitos pelo Ministério Público Federal contra José Raimundo Correia Moraes, Tony Edson Ramos Agostinho Silva.

A Justiça Federal determinou ainda a expedição de ofício para o Departamento de Recuperação de Ativos e Cooperação Jurídica Internacional do Ministério da Justiça, solicitando auxílio direto com a República do Paraguai, com o objetivo de realizar busca e apreensão no endereço de propriedade de Assaf Elias Assaf, em Ciudad del Leste. 

Na sua decisão, o Juiz Federal Walter Nunes observou que os dados até então colhidos indicam que os cigarros de origem estrangeira ingressam no território nacional através da costa marítima deste Estado, especificamente na região de Macau/RN, através de embarcações, seguindo o produto, depois de aportado, através de veículos, geralmente caminhões, para armazenamento em galpões, localizados em diversos pontos na região metropolitana desta Capital. Os elementos de prova ainda sinalizam que o transporte é realizado por integrantes do grupo, geralmente armados, contando ainda com informações privilegiadas sobre possíveis abordagens policiais, inclusive da Polícia Rodoviária Federal.