SELECT * FROM `wp_bannerize_b` WHERE `trash` = '0' AND (`maximpressions` = 0 OR `impressions` < `maximpressions`) AND ( (`start_date` < NOW() OR `start_date` = '0000-00-00 00:00:00' ) AND (`end_date` > NOW() OR `end_date` = '0000-00-00 00:00:00') ) AND `group` = 'anuncio lateral3(240x200)'ORDER BY RAND() LIMIT 0,1;
  • Ippon
  • julho 2014
    S T Q Q S S D
    « jun    
     123456
    78910111213
    14151617181920
    21222324252627
    28293031  
  • SELECT * FROM `wp_bannerize_b` WHERE `trash` = '0' AND (`maximpressions` = 0 OR `impressions` < `maximpressions`) AND ( (`start_date` < NOW() OR `start_date` = '0000-00-00 00:00:00' ) AND (`end_date` > NOW() OR `end_date` = '0000-00-00 00:00:00') ) AND `group` = 'anuncio lateral(240x200)'ORDER BY RAND() LIMIT 0,1;
  • @thaisagalvao

    • SELECT * FROM `wp_bannerize_b` WHERE `trash` = '0' AND (`maximpressions` = 0 OR `impressions` < `maximpressions`) AND ( (`start_date` < NOW() OR `start_date` = '0000-00-00 00:00:00' ) AND (`end_date` > NOW() OR `end_date` = '0000-00-00 00:00:00') ) AND `group` = 'anuncio lateral2(240x200)'ORDER BY RAND() LIMIT 0,1;

      O presidenciável Eduardo Campos (PSB) minimizou agora, na entrevista coletiva com a imprensa de Natal, o chilique que sua vice, Marina Silva (PSB) deu através de uma nota oficial postada em suas redes sociais, contra a aliança do PSB com o PMDB, e especificamente com o deputado-presidente da Câmara, Henrique Alves ( PMDB), candidato a governador do Rio Grande do Norte.
      Campos declarou que o povo não pergunta nada a ele sobre palanques.
      “Só nas entrevistas se fala nisso”, afirmou Eduardo Campos, dizendo que o povo só está interessado em como o presidente vai solucionar problemas como saúde, educação, segurança.
      Justificou ainda o chilique de Marina com Henrique como uma coisa natural, lembrando que os municípios também tem seus problemas em relação aos palanques majoritários.
      Foto Thaisa Galvao

      20140711-115638-42998014.jpg

      SELECT * FROM `wp_bannerize_b` WHERE `trash` = '0' AND (`maximpressions` = 0 OR `impressions` < `maximpressions`) AND ( (`start_date` < NOW() OR `start_date` = '0000-00-00 00:00:00' ) AND (`end_date` > NOW() OR `end_date` = '0000-00-00 00:00:00') ) AND `group` = 'anuncio meio(630x90)' ORDER BY `sorter` ASC LIMIT 0,1;

      Com a ajuda do Exército, a Defesa Civil e a Guarda Municipal entregaram há pouco, em Mãe Luíza, kits-domitórios para famílias atingidas pelos deslizamentos de terra ocorridos de um mês para cá.
      O secretário de Defesa, Paulo César Ferreira, acompanhou a distribuição dos 505 kits domitórios e 200 cestas básicas às famílias cadastradas.

      Fotos Anderson Almeida

      20140711-113940-41980177.jpg

      SELECT * FROM `wp_bannerize_b` WHERE `trash` = '0' AND (`maximpressions` = 0 OR `impressions` < `maximpressions`) AND ( (`start_date` < NOW() OR `start_date` = '0000-00-00 00:00:00' ) AND (`end_date` > NOW() OR `end_date` = '0000-00-00 00:00:00') ) AND `group` = 'anuncio meio(630x90)' ORDER BY `sorter` ASC LIMIT 1,1;
      • DNA Center

      Candidato a governador do Rio Grande do Norte, o ex-diretor do Procon Estadual, Araken Farias (PSL), foi abordado hoje cedo, quando tomava café na padaria Mercatto, por um anônimo que passava ao lado de sua mesa.

      "Muito bem, vá para a disputa para tirar esses que estão aí".

      O Blog testemunhou.

      Segundo Araken, são demonstrações como essa que fazem seguir firme na campanha e não ter aceitado propostas dos candidatos Henrique Alves (PMDB) e Robinson Faria (PSD), que sugeriram que ele fosse candidato a deputado para ajudar a engordar a nominata de ambos.

      Ao Blog, Araken disse que tem certeza que tem chance de se eleger governador.

      SELECT * FROM `wp_bannerize_b` WHERE `trash` = '0' AND (`maximpressions` = 0 OR `impressions` < `maximpressions`) AND ( (`start_date` < NOW() OR `start_date` = '0000-00-00 00:00:00' ) AND (`end_date` > NOW() OR `end_date` = '0000-00-00 00:00:00') ) AND `group` = 'anuncio meio(630x90)' ORDER BY `sorter` ASC LIMIT 2,1;

      O ex-deputado federal e ex-senador João Faustino será homenageado no livro de poemas do professor Nivaldo Ferreira da Silva.

      Amigo de João, Nivaldo lançará  "Viver Brincando"na terça-feira (15), a partir das 18 horas, na Academia Norte Rio-Grandense de Letras.

      Dividido em seis partes, o livro dedica a primeira delas ao ex-parlamentar, começando pelo prefácio escrito por Sônia Faustino Ferreira, viúva do ex-deputado.

      Também compõem o capítulo, um texto de autoria do professor Laércio Segundo de Oliveira e um poema recitado pelo próprio Nivaldo durante o funeral de João Faustino.

       

       

      20140711-095417-35657111.jpg

      SELECT * FROM `wp_bannerize_b` WHERE `trash` = '0' AND (`maximpressions` = 0 OR `impressions` < `maximpressions`) AND ( (`start_date` < NOW() OR `start_date` = '0000-00-00 00:00:00' ) AND (`end_date` > NOW() OR `end_date` = '0000-00-00 00:00:00') ) AND `group` = 'anuncio meio(630x90)' ORDER BY `sorter` ASC LIMIT 3,1;

      Do presidenciável Eduardo Campos, hoje cedo na 94FM, em Natal:

       

      CHAPA HENRIQUE/WILMA

      -Do ponto de vista administrativo e político que o Rio Grande do Norte chegou, precisou se criar uma frente ampla para enfrentar o caos. Meu partido no RN convenceu o diretório nacional de que precisava participar deste momento de união pelo bem do Estado. A governadora Wilma será uma grande senadora e fará uma excelente atuação para ajudar o governo do Estado, e também nossa base de governo.

      -Essa frente acontece como nas nossas famílias, quando temos que nos ajudar. Eles entenderam que é hora de todo muito se unir para melhorar o Rio Grande do Norte.

       

      SEGURANÇA PÚBLICA

      -Pernambuco era um dos estados mais violentos do país. Estudei todas as experiências que tiveram êxito no Brasil e mundo e fizemos um programa observando a prevenção e repressão. Todo o aparelho do Estado se reunia e fazia um balanço semanal, com nossa presença, observando área a área, para que tomássemos providências. Essa experiência que quero levar para o Brasil.

       

      PROGRAMAS SOCIAIS

      -Fazem terorrismo político porque sabem que temos condições de melhorar o Brasil e mostrar isso às pessoas. Temos o compromisso de ampliar e manter esses programas sociais (Minha Casa Minha Vida, Bolsa Família, Prouni). O que quero acabar mesmo é essa política econômica ruim, a corrupção. Dilma teve chance e quem deu fomos nós do Nordeste. Mas, infelizmente, o Brasil parou de melhorar. Ela é a primeira presidente que entregará o país pior do que recebeu. Hoje é pior do que no tempo de Lula.

       

      NORDESTE
      -Sou o único candidato nordestino. A nossa candidata a vice, Marina Silva, é da região Norte, e todos do país conhecem seus compromissos com as causas sociais. Enfrentaremos a agenda social que o povo quer que seja tocada.

      SELECT * FROM `wp_bannerize_b` WHERE `trash` = '0' AND (`maximpressions` = 0 OR `impressions` < `maximpressions`) AND ( (`start_date` < NOW() OR `start_date` = '0000-00-00 00:00:00' ) AND (`end_date` > NOW() OR `end_date` = '0000-00-00 00:00:00') ) AND `group` = 'anuncio meio(630x90)' ORDER BY `sorter` ASC LIMIT 4,1;

      O presidente da Federação dos Trabalhadores na Agricultura (Fetarn), Manoel Cândido, recebeu nesta quinta-feira, os dois principais candidatos a governador, o deputado Henrique Alves (PMDB) e o vice-governador Robinson Faria (PSD).

      Cândido entregou a cada um, o plano de ação para Agricultura Familiar para o quadriênio 2015/2018.

      Os candidatos prometeram assumir as propostas da Federação.

      O evento foi realizado no hotel Monza, em Candelária

       

       

      20140710-234752-85672464.jpg

      20140710-234808-85688004.jpg

      SELECT * FROM `wp_bannerize_b` WHERE `trash` = '0' AND (`maximpressions` = 0 OR `impressions` < `maximpressions`) AND ( (`start_date` < NOW() OR `start_date` = '0000-00-00 00:00:00' ) AND (`end_date` > NOW() OR `end_date` = '0000-00-00 00:00:00') ) AND `group` = 'anuncio meio(630x90)' ORDER BY `sorter` ASC LIMIT 0,1;
      TABOLEIRO GRANDE

      A prefeita de Taboleiro Grande, Clébia Bessa, do PSD do governadorável Robinson Faria, vai votar no governadorável Henrique Alves (PMDB).

      Clébia faz parte dos muitos políticos que não se encaixaram às rearrumações da disputa eleitoral deste ano no Rio Grande do Norte.

      Hoje a prefeita foi ao diretório do PMDB anunciar o apoio a Henrique para o Governo e Wilma para o Senado, numa reunião que contou também com a presença do vice da chapa, deputado João Maia.

      Além do apoio da prefeita, Henrique recebeu aliados como o prefeito de Lajes Pintada, Nivaldo Alves (PR), acompanhado de vereadores.

      O candidato também recebeu as aliadas de Pureza, presidnente da Câmara Patrícia Brito (PTB) e a vice-prefeita, Edilma Lima (PTB).

      Henrique também conversou com lideranças de partidos aliados dos municípios de Serrinha, Serra Caiada, Santo Antonio, xtremoz, Pedro Avelino e Caiçara do Norte.

       

      20140710-231656-83816641.jpg

      SELECT * FROM `wp_bannerize_b` WHERE `trash` = '0' AND (`maximpressions` = 0 OR `impressions` < `maximpressions`) AND ( (`start_date` < NOW() OR `start_date` = '0000-00-00 00:00:00' ) AND (`end_date` > NOW() OR `end_date` = '0000-00-00 00:00:00') ) AND `group` = 'anuncio meio(630x90)' ORDER BY `sorter` ASC LIMIT 1,1;
      • DNA Center

      Sorte tem quem acredita nela.

      Sorte tem os amigos Gabriel Duarte, 18 anos, e Marcos Felipe Barros, 17.

      Os dois são grandes amigos, moram no mesmo condomínio e irão juntos à final da Copa do Mundo, no Maracanã.

      E sabem quando eles pagaram por isso?

      Nada.

      A irmã de Gabriel, que usa lentes de contato da marca Johnson, chegou em casa e mostrou ao irmão a promoção da Johnson & Johnson.

      "Tinha que fazer um cadastro e ela não estava a fim, aí me deu", disse Gabriel, que cadastrou para participar do sorteio para assistir à final da Copa no Maracanã.

      Um mês depois, após uma seleção, Marcos recebeu ligação da Johnson pedindo que ele informasse dados de um acompanhante, pois, caso fosse sorteado, teria direito a levar um acompanhante.

      Foi aí que entrou em cena o amigo Marcos Felipe.

      Gabriel passou os dados do amigo.

      "Eu achei que não ia ganhar aí dei o nome dele", disse Gabriel, justificando que, se o presente tivesse chegado em casa, certamente ele levaria alguém da família como acompanhante. O pai, por exemplo.

      "Mas é claro que o divertimento é maior com um amigo", disse Gabriel, que cursa a faculdade de Educação Física.

      "Foi a maior felicidade quando saiu o resultado, mas sinceramente eu esperava o Brasil na final, mas fazer o quê?", disse o menino sortudo que não tem muito o que reclamar.

      "Não tinha a menor ideia que ganharia, fiquei muito feliz", disse Marcos Felipe, estudante do pré-vestibular no colégio Marista e atleta de basquete. 

      Antes do último jogo do Brasil, Marcos fazia planos para assistir à final com Brasil e Argentina em campo.

      Vai encontrar só a Argentina.

      No sábado, Gabriel Duarte e Marcos Felipe embarcam com passagens aéreas pagas, ao chegarem ao Rio serão levados para um hotel 5 estrelas, de lá irão para o Maracanã e assistirão à final, com pompas e ciscunstâncias no camarote da Johnson & Johnson, retornando a Natal na segunda-feira.

       

       

       


      20140710-220420-79460051.jpg Gabriel e Marcos: rumo à final

       

      SELECT * FROM `wp_bannerize_b` WHERE `trash` = '0' AND (`maximpressions` = 0 OR `impressions` < `maximpressions`) AND ( (`start_date` < NOW() OR `start_date` = '0000-00-00 00:00:00' ) AND (`end_date` > NOW() OR `end_date` = '0000-00-00 00:00:00') ) AND `group` = 'anuncio meio(630x90)' ORDER BY `sorter` ASC LIMIT 2,1;

      Terminada a sessão que aprovou o projeto de reajuste de salários para a Polícia Civil, e diante dos protestos do Sinpol, acusando os delegados de terem elaborado a proposta em parceria com o Govrno, mas à revelia dos agentes e escrivães, a presidente da Associação dos Delegados, Ana Cláudia Saraiva, emitiu nota de esclarecimento em nome da Adepol.

      Na nota a Adepol diz que abriu diálogo com o Governo desde abril do ano passado, a fim de rever os salários pagos aos delegados a partir de uma revisão anual, assegurada pela Constituição Federal.

      "Em respeito à autonomia e independência das demais entidades classistas (Associação dos Escrivães – ASSESP/RN e SINPOL/RN) não tivemos qualquer interferência no que concerne à negociação em torno do reajuste dessas respectivas categorias. Defendemos, sim, que fosse dado o mesmo percentual de aumento às três categorias que integram a nossa Instituição, o que foi feito pelo Governo do Estado, haja vista o percentual de 35,19% ter sido dado a todos. Dessa forma, a reposição salarial É ISONÔMICA SIM, embora alguns insistam em distorcer a realidade, não se sabe com que interesses", diz a nota, informando que os 166 delegados associados não tinham reajuste salarial desde 2008.

      A nota diz ainda que, de acordo com o Art. 90, §2º, da Constituição Estadual, “Os vencimentos dos Delegados de Polícia são fixados com diferença, não superior a dez por cento (10%), de uma para outra classe da carreira”, e dessa forma, o aumento foi dado "em consonância com a previsão constitucional, pois aplicou-se o percentual de 35,19% sobre a classe de Delegado Especial, e consequentemente aplicou-se essa diferença de 10%, entre as demais classes, até a classe de delegado substituto", explica a nota da Adepol, explicando que "esses mesmos 35,19% foram concedidos aos cargos de Agente e Escrivão. Entretanto, estas categorias são escalonadas em 05 (cinco) classes, com 05 (cinco) níveis cada uma, totalizando 25 (vinte cinco) graus dentro de uma mesma categoria, nos termos da Lei Complementar nº. 417/2010, lei esta que foi negociada e aprovada pelas entidades de classe das citadas categorias. Este elevado número de níveis acarreta uma grande diferença entre os salários da primeira e última classe".

      A nota também diz que o parcelamento do aumento, em quatro prestações, foi aplicado de forma igualitária para Agentes, Delegados e Escrivães.

      SELECT * FROM `wp_bannerize_b` WHERE `trash` = '0' AND (`maximpressions` = 0 OR `impressions` < `maximpressions`) AND ( (`start_date` < NOW() OR `start_date` = '0000-00-00 00:00:00' ) AND (`end_date` > NOW() OR `end_date` = '0000-00-00 00:00:00') ) AND `group` = 'anuncio meio(630x90)' ORDER BY `sorter` ASC LIMIT 3,1;

      Agentes e escrivães da Polícia Civil protestaram hoje na Assembleia Legislativa durante votacão do projeto so Executivo que reajusta os salários da categoria.

      O protesto, como informou ontem ao Blog o presidente do Sinpol, Djair Oliveira, se dá pelo fato do projeto elaborado pelo governo, sem sequer o conhecimento do secretário de Segurança, como diz Djair, reajusta em quase 65% os salários dos delegados, nos próximos dois anos, e não passa de 35% o aumento sobre os salários de agentes e escrivães, o que, para o Sinpol, significa apenas a reposição das perdas salariais dos últimos 5 anos.

      Não representa reajuste salarial, reafirmou o presidente do Sinpol, que hoje, após a aprovação do projeto pela Assembleia Legislativa, emitiu nota de repúdio demostrando a "desaprovação e aversão" dos policiais ao "projetoconstruído com a negociação do Executivo exclusivamente com os Delegados, deixando de fora os Escrivães e Agentes de Polícia".

      "Fomos todos tomados de espanto e surpresa quando à revelia da Entidade representativa dos Agentes e Escrivães, e até mesmo do Secretário de Segurança que informou não ter sido sequer informado do fato, quando constatamos o irremediável: toda uma luta por melhoria das condições de trabalho, aumento de efetivo, retirada de presos das delegacias do interior e fortalecimento de todos os cargos que compõe a carreira policial Civil foi trocada por alguns mil reais para alguns, deixando de lado aqueles que labutam oferecendo suas vidas nas ruas e tantos outros que adquiriram enfermidades permanentes devido ao escravizador trabalho cartorário", diz a nota, que continua afirmando a insatisfação dos servidores.

       

      "Não estamos construindo uma polícia melhor. Uma Polícia forte não se faz presenteando um grupo que não se reconhece como policiais civis, e sim da “carreira jurídica”. Polícia forte se faz com efetivo suficiente, se faz com estrutura adequada, se faz com gestores que se portem como exemplo a seguir, se faz com motivação e valorização de todos os seus operadores", continua a nota que ainda repudia "o ato covarde do Governo do Estado em oferecer um salário de LUXO aos Delegados de Polícia e de miséria aos Agentes e Escrivães, também servidores de nível superior".

      20140710-184057-67257651.jpg

      SELECT * FROM `wp_bannerize_b` WHERE `trash` = '0' AND (`maximpressions` = 0 OR `impressions` < `maximpressions`) AND ( (`start_date` < NOW() OR `start_date` = '0000-00-00 00:00:00' ) AND (`end_date` > NOW() OR `end_date` = '0000-00-00 00:00:00') ) AND `group` = 'anuncio meio(630x90)' ORDER BY `sorter` ASC LIMIT 4,1;
      PROCURADO

      Com os milhões apurados com a venda de ingressos da Fifa, claro que o inglês Ray Whalen não iria ficar esticado numa cama do Copacabana Palace esperando a polícia ir lhe prender.

      Claro que ele fugiu.

      Santa inocência.

      E agora, além de 'CEO da Match', empresa responsável pela logística da Copa, é também um 'foragido'.

      As buscas por Whelan foram iniciadas depois que a Justiça do Rio aceitou a denúncia e decretou a prisão preventiva de 11 acusados nesta quinta-feira (10).

      Apenas o advogado José Massih não teve a prisão preventiva decretada por estar colaborando com as investigações.

      A prisão temporária dele vence à 0h desta sexta (11).

      A decisão é da juíza Joana Cardia Jardim Corte, do Juizado Especial do Torcedor.

      SELECT * FROM `wp_bannerize_b` WHERE `trash` = '0' AND (`maximpressions` = 0 OR `impressions` < `maximpressions`) AND ( (`start_date` < NOW() OR `start_date` = '0000-00-00 00:00:00' ) AND (`end_date` > NOW() OR `end_date` = '0000-00-00 00:00:00') ) AND `group` = 'anuncio meio(630x90)' ORDER BY `sorter` ASC LIMIT 0,1;

      Candidata à deputada estadual, a ex-candidata à prefeita de Caicó, Francielle Lopes (PPS) fará dobradinha no Seridó com o candidato a federal Rogério Marinho (PSDB).

      Francielle é candidata na coligação G7, que apóia a candidatura a governador de Henrique Alves (PMDB), mas ela recebeu sinal verde do grupo para apoiar a candidatura a governador de Robinson Faria (PSD).

      Rogério apóia Henrique.

       

      20140710-180056-64856090.jpg

      SELECT * FROM `wp_bannerize_b` WHERE `trash` = '0' AND (`maximpressions` = 0 OR `impressions` < `maximpressions`) AND ( (`start_date` < NOW() OR `start_date` = '0000-00-00 00:00:00' ) AND (`end_date` > NOW() OR `end_date` = '0000-00-00 00:00:00') ) AND `group` = 'anuncio meio(630x90)' ORDER BY `sorter` ASC LIMIT 1,1;
      • DNA Center

      O corregedor do Tribunal Regional Eleitoral, desembargador João Rebouças, assinou Provimento hoje regulamentando poder de polícia a ser exercido pelos juízes eleitorais em todo o Rio Grande do Norte, nas Eleições 2014, de modo que os procedimentos relativos à fiscalização da propaganda eleitoral estejam amparados em condutas padronizadas e acessíveis a todas às unidades da Justiça Eleitoral.



      O TRE encaminhará às zonas eleitorais de todo o Estado, quase 30 modelos de documentos, dentre os quais mandados, notificações, termos, despachos e decisões, o que facilitará aos servidores trabalhar com o procedimento administrativo referente ao Poder de Polícia nas Eleições 2014, bem como a auxiliar os juízes eleitorais.

      Com modelos e fluxogramas, os servidores poderão ter mais segurança, agilizando sensivelmente o fluxo desse tipo de procedimento.

       

      SELECT * FROM `wp_bannerize_b` WHERE `trash` = '0' AND (`maximpressions` = 0 OR `impressions` < `maximpressions`) AND ( (`start_date` < NOW() OR `start_date` = '0000-00-00 00:00:00' ) AND (`end_date` > NOW() OR `end_date` = '0000-00-00 00:00:00') ) AND `group` = 'anuncio meio(630x90)' ORDER BY `sorter` ASC LIMIT 2,1;

      Do G1 – RJ

      A Justiça do Rio aceitou a denúncia e decretou a prisão preventiva de 11 envolvidos na máfia da venda ilegal de ingressos da Copa do Mundo nesta quinta-feira (10), como antecipou a GloboNews. Segundo o Tribunal de Justiça do Rio (TJ-RJ), a decisão vale para Raymond Whelan, CEO da Match Services, única empresa autorizada a vender ingressos pela Fifa. Os 11 denunciados vão responder pelos crimes de cambismo, organização criminosa, desvio de ingresso e corrupção ativa.

      Equipes da Polícia Civil deixaram a 18ª Delegacia de Polícia, na Praça da Bandeira, para prender o executivo novamente. Às 16h, dois carros estavam na porta do Copacabana Palace, na Zona Sul, onde Whelan está hospedado e foi preso pela primeira vez, na segunda-feira (9). Ele foi solto na terça (8), devido a um habeas corpus concedido pelo Tribunal de Justiça do Rio (TJ-RJ), e é o único que permanece em liberdade.

      Os outros 10, incluindo o argelino Mohamed Lamíne Fofana, apontado como chefe da quadrilha, estão no Complexo Peniténciário de Gericinó, em Bangu, na Zona Oeste, e terão a prisão temporária transformada em preventiva. Fofana teve o habeas corpus negado na noite de terça-feira.

      O único dos 12 presos e indiciados na operação Jules Rimet, deflagrada em 1º de julho, que não teve a prisão preventiva pedida nem foi denunciado foi o advogado José Massih, por estar colaborando com as investigações. O prazo de cinco para a prisão temporária dele termina à 0h de sexta-feira (11).

      Inquérito no MP

      O inquérito foi entregue pelo delegado Fábio Barucke ao Ministério Público nesta quarta (9). Até as 16h30 desta quinta, a assessoria de imprensa do MP dizia que o promotor Marcos Kac não havia encaminhado o documento à Justiça, apesar de a juíza Joana Cardia Jardim Cortes, do Juizado Especial do Torcedor, ter dito à assessoria de imprensa do TJ que a denúncia estava com ela e foi aceita. Ainda de acordo com o MP, o caso corre em segredo de Justiça.

      Whelan vai se descredenciar

      Em nota divulgada nesta quarta, a Match Services informou que Whelan vai se descredenciar de forma voluntária da Copa e que, ao fazer isso, reafirma seu compromisso com a proteção dos interesses da empresa, da Fifa e do evento. Segundo a nota, o executivo reitera que toma esta decisão mesmo não tendo cometido qualquer ato ilegal e diz ainda que permanecerá colaborando com as investigações com a certeza de que será inocentado.

      A Match Services voltou a criticar a forma como a investigação policial está sendo conduzida e afirmou que não há nada de inapropriado ou ilegal na conduta de Raymond Whelan.

      O esquema

      Deflagrada no dia 1º de julho, a operação da 18ª DP (Praça da Bandeira) no Rio de Janeiro prendeu 12 pessoas. No dia 1º, 11 suspeitos foram detidos no Rio e em São Paulo, entre eles o apontado como operador do esquema, o argelino Mohamed Lamíne Fofana. Na segunda (7), Raymond foi preso por suspeita de ser o facilitador da obtenção dos ingressos.

      Com a listagem de celulares da Fifa em mãos, um dos agentes policiais digitou no aparelho celular apreendido do argelino Lamíne Fofana o prefixo 96201, que precedem os telefones da entidade. Apareceu, então, o nome "Ray Brazil", para qual havia 900 registros entre telefonemas e mensagens. Ao todo, a operação está lendo e escutando 50 mil registros telefônicos, dos quais mais de 50% já foram apurados.

      Segundo as investigações, três empresas de turismo localizadas em Copacabana, interditadas pela polícia, faziam contato com agências de turismo que traziam turistas ao país e vendiam ingressos acima do preço.

      Eram ingressos VIPs, fornecidos como cortesia a patrocinadores, a Organizações Não Governamentais (ONGs) e também destinados à comissão técnica da Seleção Brasileira – desde bilhetes de camarotes até entradas de assentos superiores. Uma entrada para a final da Copa no Maracanã chegava a custar R$ 35 mil e a quadrilha faturava mais de R$ 1 milhão por jogo.

      Segundo a polícia, Fofana também conseguia entradas vendidas pelos agentes oficiais da categoria "hospitalidade", pacotes de luxo, controlados pela Match Hospitality. Até carro forte foi usado para abastecer a quadrilha que vendia entradas para todos os jogos da abertura à final do torneio.



      Segundo o delegado Fábio Barucke, responsável pelo caso, os presos já atuaram em pelo menos quatro mundiais e estimativas apontam que a quadrilha poderia movimentar cerca de R$ 200 milhões por Copa do Mundo.

      Presos

      Além de Fofana, estão presos o policial militar reformado Oséas do Nascimento; Alexandre Marino Vieira; Antônio Henrique de Paula Jorge, um dos contatos de Fofana no Brasil (antes de ser preso, Henrique tentou retirar de um banco R$ 177 mil em dinheiro vivo); Marcelo Pavão da Costa Carvalho; Sérgio Antônio de Lima, que teria tentado subornar um dos agentes; Ernane Alves da Rocha Júnior; Júlio Soares da Costa filho e Fernanda Carrione Paulucci. Alexandre da Silva Borges e o advogado José Massih foram presos em São Paulo

      SELECT * FROM `wp_bannerize_b` WHERE `trash` = '0' AND (`maximpressions` = 0 OR `impressions` < `maximpressions`) AND ( (`start_date` < NOW() OR `start_date` = '0000-00-00 00:00:00' ) AND (`end_date` > NOW() OR `end_date` = '0000-00-00 00:00:00') ) AND `group` = 'anuncio meio(630x90)' ORDER BY `sorter` ASC LIMIT 3,1;
      10
      jul

      Areia Preta: trânsito liberado

      10 de julho de 2014 às 14:51 — Comente aqui

      Finalmente…
      Quase um mês depois de interditada por causa dos sucessivos deslizamentos de terra em Mãe Luíza, a avenida Sílvio Pedrosa, em Areia Preta, começa a ser liberada para tráfego de automóveis.
      Mas tudo ainda sob o controle dos guardas da Semob.

      Foto Tácio Cavalcanti

      20140710-144932-53372113.jpg

      SELECT * FROM `wp_bannerize_b` WHERE `trash` = '0' AND (`maximpressions` = 0 OR `impressions` < `maximpressions`) AND ( (`start_date` < NOW() OR `start_date` = '0000-00-00 00:00:00' ) AND (`end_date` > NOW() OR `end_date` = '0000-00-00 00:00:00') ) AND `group` = 'anuncio meio(630x90)' ORDER BY `sorter` ASC LIMIT 4,1;

      A Câmara Municipal de Parnamirim aprovou nesta quarta-feira projeto de lei complementar de autoria do Executivo dispondo sobre a criação de vagas na estrutura da Secretaria de Educação.

      A aprovação foi o primeiro passo para a Prefeitura realizar novo concurso público para atender à demanda do ensino básico, que hoje tem cerca de 30 mil alunos distribuídos em 46 escolas do ensino fundamental e 19 centros infantis.

       

      São 175 vagas de professor nível superior, 102 de agente administrativo, 12 de intérprete de libras e oito de instrutor de libras.

      Para professor, intérprete e instrutor a jornada de trabalho é de 30 horas semanais; a de agente, de 40 horas.

       

      Este será o segundo concurso para a Educação na gestão do prefeito Maurício Marques.

      O primeiro foi em 2009 para substituir estagiários e temporários nas escolas da rede municipal.

      O piso salarial de professor com 30 horas semanais é de R$ 1,8 mil, mais vantagens previstas no Plano de Cargos implantado em 2012 atendendo a uma antiga reivindicação da categoria.

       

      Além de permitir a inclusão mais eficiente de alunos com deficiência auditiva (libras) no sistema municipal de ensino, outra novidade do concurso é a criação do cargo de professor regente de laboratório de informática, que terá como principal atribuição atuar como parceiro dos professores, transformando o laboratório em espaço extensivo da sala de aula.

       

      Parnamirim tem hoje 300 alunos com necessidades especiais.

      Eles recebem atenção, acolhida e assistência especiais do município. A cidade conta com 13 salas multifuncionais, distribuídas em diferentes escolas, funcionando como polos de atendimento nos bairros. Nessas salas são trabalhadas as potencialidades dos alunos  especiais.

      O concurso será realizado pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN). O lançamento do edital estava na dependência da aprovação dos cargos pela Câmara, mas o calendário provisório prevê a publicação até o final de julho e as provas aplicadas em outubro.

       

      Entre 2009 e 2012, a prefeitura  aplicou 261,1 milhões na Educação Municipal, que tem Ideb 4,1 e a melhor escola pública do ensino fundamental  - Nossa Senhora da Apresentação – do Rio Grande do Norte.

      No final de maio Parnamirim recebeu o Troféu Município Leitor, entregue no Sexto Fórum Nacional Extraordinário dos Dirigentes Municipais da Educação (Undime), em Brasília.

      SELECT * FROM `wp_bannerize_b` WHERE `trash` = '0' AND (`maximpressions` = 0 OR `impressions` < `maximpressions`) AND ( (`start_date` < NOW() OR `start_date` = '0000-00-00 00:00:00' ) AND (`end_date` > NOW() OR `end_date` = '0000-00-00 00:00:00') ) AND `group` = 'anuncio meio(630x90)' ORDER BY `sorter` ASC LIMIT 0,1;

      Prefeito de Angicos, Júnior Batista vai coordenar a campanha do candidato a governador, Robinson Faria (PSD), na região Central do Estado.

      Batista é do DEM e se elegeu prefeito em 2012 reclamando que o senador José Agripino não teria ido ao município levar apoio, atendendo pedido do deputado Henrique Alves (PMDB), que queria, mas não conseguiu, eleger o primo Sossô Alves (PMDB).

      Hoje Júnior Batista se diz livre para tomar suas decisões.

      Tem como aliado, o deputado Betinho Rosado (PP).

      Como coordenador da campanha de Robinson na região, o prefeito terá um desafio pela frente: acabar com o estigma de que, em eleição estadual, em Angicos, 'os Alves' nunca perderam uma.

      Angicos, para o leitor que não sabe, é a cidade-berço da família Alves.

      SELECT * FROM `wp_bannerize_b` WHERE `trash` = '0' AND (`maximpressions` = 0 OR `impressions` < `maximpressions`) AND ( (`start_date` < NOW() OR `start_date` = '0000-00-00 00:00:00' ) AND (`end_date` > NOW() OR `end_date` = '0000-00-00 00:00:00') ) AND `group` = 'anuncio meio(630x90)' ORDER BY `sorter` ASC LIMIT 1,1;
      • DNA Center

      Cancelada a ida do presidenciável Eduardo Campos (PSB) a Mossoró nesta sexta-feira.

      A agenda apertada antes no Maranhão tornou inviável Mossoró e Natal no mesmo dia.

      Ficou acertado então que Campos chega amanhã a Natal e vai direto para a entrevista coletiva no Arituba Hotel, marcada para às 10h30.

      Depois, entrevista na TV Ponta Negra, visita ao arcebispo Dom Jaime Vieira, caminhada com a candidata ao Senado, Wilma de Faria, e com os candidatos do PSB, na Cidade Alta.

      Mossoró pode ainda entrar na agenda de Educardo Campos deste mês. Ou do outro.

      SELECT * FROM `wp_bannerize_b` WHERE `trash` = '0' AND (`maximpressions` = 0 OR `impressions` < `maximpressions`) AND ( (`start_date` < NOW() OR `start_date` = '0000-00-00 00:00:00' ) AND (`end_date` > NOW() OR `end_date` = '0000-00-00 00:00:00') ) AND `group` = 'anuncio meio(630x90)' ORDER BY `sorter` ASC LIMIT 2,1;

      O deputado Getúlio Rêgo, do DEM que não separa o agripinismo do rosalbismo, continua resistindo ao palanque do PMDB em Pau dos Ferros, sua maior base eleitoral no Oeste.

      Há quase um mês Getúlio reuniu seus aliados de vários municípios da região na fazenda do prefeito de Umarizal, Mano Targino, democrata como o deputado.

      A intenção era discutir o possível apoio do DEM ao candidato a governador Henrique Alves, do PMDB.

      A reunião foi tensa e até um copo descartável verde bacurau, cor do PMDB, foi amassado, jogado no chão e pisado em cima.

      O clima…é esse.

      Getúlio não tem tentado mudar a opinião de seus aliados em relação ao PMDB.

      Tem ouvido. E respeitado.

      São muitas as queixas de um grupo que diz não ter tendência a suicídio.

       

      Prefeita de Riacho da Cruz, Bernadete Rêgo foi surpreendida em agosto do ano passado, com a chegada de Henrique no seu município, levando com ele e com o deputado Gustavo Fernandes (PMDB), a diretoria do DNOCS.

      Com direito a carreata na cidade, o DNOCS assinou uma ordem de serviço para construção de uma passagem molhada.

      Passagem esta que a prefeita, em nota oficial emitida, disse que já existia.

      Na nota, a prefeita demonstrou insatisfação por sequer ter sido convidada para o evento administrativo.

      "A Prefeitura não foi informada da realização de tal cerimônia", dizia a nota de quase um ano atrás.

       

      São mágoas como essa, difíceis de apagar na política de cada município, que tem dado dor de cabeça ao candidato a governador, Henrique Alves, que contava com o apoio de todo o DEM, depois de concretizada a impossibilidade da governadora Rosalba Ciarlini ser candidata à reeleição.

      A impressão que se tem, é que a saída de Rosalba do páreo, que poderia ser um facilitador para Henrique, tem sido, na verdade, a maior dificuldade do momento.

       

      Os problemas existem no Alto Oeste, mas os municípios de Riacho da Cruz, Pau dos Ferros e Portalegre são mais complicados de resolver.

      Em Pau dos Ferros mesmo, onde Getúlio e o filho, ex-prefeito Leonardo Rêgo se dizem indefinidos e ouvindo as bases, o atual prefeito, Fabrício Torquato, também do DEM, já se definiu pelo palanque do candidato a governador Robinson Faria (PSD).

      Em outros municípios da região, há quem acredite que os palanques locais do DEM poderão se unir a Henrique, mas nesses 3 citados, a dificuldade é latente.

       

      Terça-feira passada o deputado Getúlio Rêgo conversou com o candidato Henrique Alves.

      Falou da dificuldade. E mostrou que ajuda até o limite do respeito à opinião dos aliados, que fazem a política local, e sabem que a campanha estadual passa e logo depois vem a municipal, sujeita a desgastes de todo tamanho se partido A resolver, agora, se uniar ao adversário partido B.

      Ficou acertado que Getúlio vai promover uma reunião dos líderes desses municípios com Henrique.

      Maaasss….antes, a equipe precursora do próprio Getúlio vai ouvir esse povo. Vai sentr esse povo.

      Porque se o clima não for favorável a Henrique, Getúlio já disse, não leva à frente a ideia da reunião.

       

      SELECT * FROM `wp_bannerize_b` WHERE `trash` = '0' AND (`maximpressions` = 0 OR `impressions` < `maximpressions`) AND ( (`start_date` < NOW() OR `start_date` = '0000-00-00 00:00:00' ) AND (`end_date` > NOW() OR `end_date` = '0000-00-00 00:00:00') ) AND `group` = 'anuncio meio(630x90)' ORDER BY `sorter` ASC LIMIT 3,1;

      Assembleia Legislativa movimentada.
      Delegados de um lado comemoram que o projeto que reajusta seus salários em quase 65% nos próximos dois anos será votado na sessão de hoje..
      Agentes e escrivães do outro reagem se sentindo traídos pelo Governo e pelos delegados.
      É que, como disse ao Blog o presidente do Sinpol, Djair Oliveira, o aumento concedido a eles chegará a 35% nos próximos dois anos, não representando nenhum reajuste.
      “Isso significa apenas a reposição das perdas salariais”, reagiu.

      O clima na Assembleia não é dos melhores.

      Fotos Márlio Forte

      20140710-103901-38341545.jpg

      SELECT * FROM `wp_bannerize_b` WHERE `trash` = '0' AND (`maximpressions` = 0 OR `impressions` < `maximpressions`) AND ( (`start_date` < NOW() OR `start_date` = '0000-00-00 00:00:00' ) AND (`end_date` > NOW() OR `end_date` = '0000-00-00 00:00:00') ) AND `group` = 'anuncio meio(630x90)' ORDER BY `sorter` ASC LIMIT 4,1;
      Carregar mais...