Holiday

Thaisa Galvão

4 de outubro de 2007 às 23:31

Revista Flash chama atenção do diretor do Senado [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Diretor geral do Senado, o potiguar Agaciel Maia passou um bom tempo, por volta das 19h30 desta quarta-feira, lendo uma revista.

Leu tudo o que a ele interessava, mas não comprou.

Foi na banca do supermercado Nordestão, da Engenheiro Roberto Freire.

 

Era a nova revista Flash que está nas bancas e traz, como tema da reportagem de capa, a traição.

Ilustrando, uma super foto do presidente do Senado, Renan Calheiros.

Com a ex-musa, Mônica Velloso.

 

4 de outubro de 2007 às 22:58

Ministros não chegam a um acordo sobre o que votaram [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Terminou a votação no STF.

E os ministros não se entendem.

Uns falam em 8 votos a favor dos infiéis….outros falam em 7…

Há uma crise de interpretação neste momento no plenário do STF.

Eles falaram, falaram disseram palavras difíceis….

Alucinaram os neurônios dos pobres mortais…

E agora, nem eles mesmos sabem o que fizeram.

Pode????

4 de outubro de 2007 às 22:51

Oito ministros votam pela cassação de quem trocou de partido a partir de 27 de março [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O ministro Marco Aurélio Mello, acompanhou os sete votos.

E declarou-se a favor dos infiéis, mas punindo quem trocou de partido a partir de 27 de março deste ano.

4 de outubro de 2007 às 22:28

TRE julgará necessidade de nova eleição em Lagoa de Velhos [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Foi o juiz Jarbas Bezerra, do Tribunal Regional Eleitoral, quem decidiu pela volta de Dão à prefeitura de Lagoa de Velhos.

S decisão foi para que, em 30 dias, o TRE julgue o mérito da questão.

Para definir se Dão será realmente afastado.

E se, em vez do segundo colocado, será empossado o presidente da Câmara.

Para que haja uma nova eleição no município.

O engenheiro Nildo Galdino, segundo colocado, não tomará posse como decidiu sentença anterior, da Promotoria de Justiça da comarca de São Tomé.

4 de outubro de 2007 às 22:05

Sete ministros votam a favor de infiéis; um vota pela perda de mandatos [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Os deputados que deixaram suas siglas antes de entendimento do TSE (Tribunal Superior Eleitoral) sobre a fidelidade partidária conseguem nesta quinta-feira (4/10) votos favoráveis de sete ministros do STF (Supremo Tribunal Federal) e um contra. Carlos Ayres Britto votou pela devolução dos cargos aos partidos. A Corte julga mandados de segurança de três siglas que tentam reaver os mandatos de deputados que migraram de legenda após as eleições de 2006.

Até o momento, os três relatores dos pedidos do PSDB, DEM e PPS votaram para manter os cargos dos deputados que deixaram as legendas antes de 27 de março deste ano, quando o TSE se manifestou sobre a fidelidade partidária.

Se a interpretação for mantida, apenas a deputada Jusmari de Oliveira (BA) correria o risco de perder o cargo. Segundo os ministros, para garantir sua ampla defesa, a decisão final caberia ao TSE.

Seguindo o entendimento dos relatores, votaram nesse sentido os ministros Carlos Alberto Direito, Celso de Mello, Cármen Lucia e Cesar Peluzo. Eros Grau e Ricardo Lewandowski negaram integralmente todos os mandados.

Joaquim Barbosa também negou os pedidos e afirmou: caso sejam concedidos, acolhe a interpretação do procurador-geral da República, Antonio Fernando de Souza, de que a Constituição não autoriza a perda do mandato por infidelidade partidária.

Por Rosanne D’Agostino
Do site Última Instância
www.ultimainstancia.uol.com.br

4 de outubro de 2007 às 21:25

Carlos Eduardo não vai à filiação da secretária Justina Iva [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Nem o prefeito Carlos Eduardo, nem o secretário Raniere Barbosa, presidentes do PSB e PRB, respectivamente, estão na Assembléia Legislativa neste momento, onde acontece a solenidade de filiação da secretária de Educação, Justina Iva, ao PCdoB.

Mas não há o que estranhar nesse fato.

O prefeito ta,bem faltou à solenidade de filiação de Raniere Barbosa ao PRB.

Neste momento, discursa o presidente do PCdoB, Antenor Roberto.

Do Partido Verde, presente o vereador Edivan Martins.

4 de outubro de 2007 às 21:21

Assessora de ministro acredita que reunião do Conselho da Codern acontecerá em duas semanas [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Acabei de falar com a jonalista Andrezza Barros.

Ela é assessora de imprensa do ministro dos Portos, Pedro Brito.

E está em Natal, desde o começo da tarde de hoje.

Ela confirmou que o ministro não vem mais, como o Blog informou.

Confirmou que a reunião do Conselho de Administração da Codern, que iria referendar os nomes dos novos diretores da Companhia, foi cancelada.

Mas não soube informar, precisamente, o motivo do cancelamento da viagem.

Andrezza ainda aguarda uma ligação do ministro.

Segundo a assessora do ministro, só faltam ser concretizadas as mudanças nas Companhias Docas do Rio Grande do Norte e do Ceará.

Ela acredita que, no máximo, em duas semanas, os nomes serão anunciados e os diretores serão empossados.

Por enquanto, Renato Fernandes e Hanna Safieh vão se mantendo no comando da Codern.

4 de outubro de 2007 às 21:02

Nomeações na Codern podem ter retornado à estaca zero [0] Comentários | Deixe seu comentário.

É grande o mistério que ronda a Codern.

É grande o mistério que existe por trás do cancelamento da vinda do ministro dos Portos, Pedro Brito, a Natal.

O que poderá acontecer daqui pra frente….sabe Deus.

O que foi autorizado, pode não estar autorizado.

O que se dá como certo, pode não estar nada certo.

De certo….a posse da nova diretoria – que nova diretoria? – não será mais nesta sexta-feira.

4 de outubro de 2007 às 19:37

Carlos Alberto Direito diz que mandatos pertencem aos partidos [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O ministro Carlos Alberto Menezes Direito entende que não pode haver a vacância imediata dos cargos, mas que os processos devem ser reenviados ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) para que os parlamentares possam se defender.

Direito concorda que os mandatos pertencem aos partidos políticos e que a perda dos mandatos só poderá ocorrer para quem trocar de partido após a decisão do TSE.

4 de outubro de 2007 às 18:50

Cai o sinal da TV Justiça [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Caiu o sinal da TV Justiça para quem está assistindo ela Cabo TV.

Mas se você tiver SKY na sua casa, é só ligar no canal 117.\E continuar assistindo à sessão do STF.

Lá o sinal não caiu.

4 de outubro de 2007 às 18:38

Ministra Carmem Lúcia vota pela cassação de quem trocou de partido após decisão do TSE [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Saiu o terceiro voto.

Para a ministra Carmem Lúcia, o candidato deve ter direito a ampla defesa.

Ela acompanhou o ministro Celso de Mello e considerou que, só quem trocou de partido depois de dia 27 de março deste ano, deverá perder o cargo.

4 de outubro de 2007 às 18:24

Codern deverá ser comandada por Émerson Júnior e Hanna Safieh [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Está dando chabu lá pras bandas da Codern.

O PT não engoliu em seco a demissão de Hanna Safieh da diretoria técnica da Companhia.

Alega que, além de competente para a função, Hanna é amigo pessoal de Lula.

Hospedava o petista em sua casa, nos tempos em que ele era um eterno candidato a presidente da República.

Pois bem.

Já conseguiram até barrar a vinda do ministro Pedro Brito a Natal.

E o que se sabe disso tudo, é que a nomeação do engenheiro Emerson Daniel Fernandes Júnior já foi autorizada.

A de Josenilson Dantas…não.

A diretoria técnica poderá continuar comandada por Hanna Safieh.

O imexível!

Mas muita água ainda vai rolar.

E a posse não será mais amanhã.

4 de outubro de 2007 às 17:43

Cancelada reunião que iria referendar nova diretoria da Codern [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Bomba!

Acaba de ser cancelada a reunião do Conselho de Administração da Codern, marcada para às 9h30 de amanhã, e que iria referendar os nomes dos novos diretores da Companhia.

O ministro Pedro Brito não vem mais a Natal.

A governadora Wilma de Faria ainda nem foi informada.

Ixe….

4 de outubro de 2007 às 17:23

Ministro Eros Grau não vota pela cassação [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Saiu o segundo voto.

E se depender do ministro Eros Grau, quem trocou de partido não será cassado.

Justificou que está interpretando a Constituição.

O placar está 1 X 1

4 de outubro de 2007 às 17:14

Marco Aurélio Mello deu sinal que votará pela cassação [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O ministro Marco Aurélio de Mello ainda não votou.

Mas fez uma interferência, durante o pronunciamento do voto do ministro Eros Grau, deixando bem claro.

Vai votar pela cassação.

4 de outubro de 2007 às 17:02

Técia Batalha não vai deixar o PMDB [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Como seguro morreu de velho, a vereadora Técia Batalha, presidente da Câmara Municipal de Pau dos Ferros, não vai trocar de partido.

Independente do resultado da sessão do STF, ela permanecerá no PMDB.

Técia vem sendo assediada para ser a vice de Nilton Figueiredo, que disputará a Prefeitura da cidade.

Como o PMDB, na campanha passada, fez oposição ao grupo de Nilton, Técia teria que trocar de legenda.

Pois não vai trocar.

Também não deverá ser vice.

4 de outubro de 2007 às 16:54

Justiça manda Dão retornar à Prefeitura de Lagoa de Velhos [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A justiça acatou recurso impetrado pelo advogado Mauro Gusmão.

E determinou a volta de Dão à Prefeitura de Lagoa de Velhos.

Segundo colocado nas eleições passadas, o engenheiro Nildo Galdino já havia sido diplomado para assumir o cargo.

Só não tinha ainda tomado posse.

4 de outubro de 2007 às 16:43

Ministro Celso Mello vota pela cassação de mandatos [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Saiu o primeiro voto.

E se depender do ministro Celso Mello, quem trocou de partido de 27 de março para cá, será cassado.

Quem mudou antes, fica como está.

Os ministros do STF pediram uma trégua.

E daqui a pouco voltam com a sessão que julga a fidelidade partidária.

4 de outubro de 2007 às 15:28

Eliana Lima divulga em primeira mão nome do novo presidente da Codern [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O furo é da coluna de Eliana Lima, no Jornal de Hoje que começa a ir para as bancas.

O futuro presidente da Codern, que tomará posse amanhã, é o engenheiro Émerson Daniel Fernandes Júnior.

Ocupará a vaga de Renato Fernandes, que inicialmente seria destinada ao engenheiro Josenilson Dantas.

Que na verdade, ficará no lugar de Hanna Safieh, do PT, no cargo de diretor técnico.

4 de outubro de 2007 às 15:28

Emerson Júnior é funcionário da Codern há 28 anos [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Telefonei para Emerson Fernandes perguntando quando seria a posse dele.

Comedido, ele se fez que tomou um susto.

E disse que nada sabia sobre o assunto.

Emerson é funcionário da Codern há 28 anos.
Três a mais do que Josenilson.