#JornalismoSemFakeNews

24 de novembro de 2009 às 15:04

Ministros garantem à sede potiguar, mais recursos do que todas as outras capitais

[0] Comentários | Deixe seu comentário.

A prefeita Micarla de Sousa e o vice-governadorável Iberê Ferreira de Souza almoçaram juntos, agora há pouco, no restaurante Dudu Camargo, em Brasília.
Eles comemoraram o resultado da reunião sobre Copa de 2014, ocorrida durante a manhã, onde ficou garantido que Natal será a sede de jogos da Copa que receberá mais dinheiro para obras de Mobilidade Urbana.
O anúncio foi feito pelos ministros Paulo Bernardo (Planejamento), Márcio Fortes (Cidades) e Orlando Silva (Esportes), além da secretária do Gabinete Civil e coordenadora do PAC, Miriam Belchior.
Foram garantidos para a sede potiguar, financiamento de 390 milhões de reais.
Do total, 290 milhões serão para obras de responsabilidade da Prefeitura, e 100 milhões para obras estaduais, de responsabilidade do governo.
Tanto Município quanto Estado entrarão com uma contrapartida de 5% sobre o valor destinado às suas obras.
Os recursos – 5 bilhões para as 12 sedes – serão da Caixa Econômica Federal, através do FGTS, com carência de 48 meses e amortização de 20 anos.
Também caberá a Município e Estado, os investimentos para desapropriações necessárias aos projetos.
Além dos ministros, de Micarla e de Iberê – que representou a governadora Wilma de Faria, participaram da reunião, realizada no Centro Cultural Banco do Brasil, os secretários municipais Augusto Carlos Viveiros (Planejamento) e Kelps Lima (Mobilidade Urbana), e estaduais Dâmocles Trinta (Infraestrutura), Fernando Fernandes (Turismo) e Nélson Tavares (Planejamento).
“Os recursos já estão garantidos para a nossa cidade e, agora, nós vamos começar o processo de definição dos projetos e contratação das empresas. A reunião foi muito positiva”, disse a prefeita após o encontro.
"Conseguimos a garantia de recursos para esta importante obra que vai melhorar substancialmente o trânsito da capital.Ao contrário dos que dizem a Copa vai deixar um legado para o Rio Grande do Norte, que é a melhoria do trânsito na capital, com grandes obras na área de infra-estrutura", declarou Iberê.

Fotos: Eugênio Bezerra                                  Reunião aconteceu no Centro Cultural Banco do Brasil, sede provisória do governo federal

                                Miriam Belchior, Iberê Ferreira, Paulo Bernando, Micarla de Sousa, Orlando Dias e Márcio Fortes

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.