#JornalismoSemFakeNews

17 de fevereiro de 2010 às 14:52

Roberto Germano: “Álvaro me disse na sexta-feira que era candidato a deputado estadual”

[0] Comentários | Deixe seu comentário.

Pronto.
Acabo de falar com o ex-prefeito de Caicó, Roberto Germano (PCdoB).
Queria uma posição dele sobre a decisão do deputado Álvaro Dias (PDT) ser vice do governadorável Carlos Eduardo (PDT), deixando Roberto entre a cruz e a espada, vez que, como filiado ao PCdoB, é aliado do PDT, mas tem andado como aliado da democrata Rosalba Ciarlini.
Roberto Germano justifica: Não retornou a ligação do Blog porque estava brincando carnaval.
“Fui visitar minha mãe e quando cheguei fui direto pro bloco do Magão, e aí você sabe como é. Eu sou folião número 1, estava brincando carnaval”.
Perguntei ao ex-prefeito como ele estava vendo o lançamento da chapa puro-sangue –Carlos Eduardo/Álvaro Dias- e que decisão ele irá tomar.
Roberto Germano – Por enquanto eu não digo nada. Ninguém conversou comigo e eu não conversei com ninguém.
Thaisa GalvãoÁlvaro não lhe disse nada?
Roberto
– A última vez que estive com Álvaro foi sexta-feira, nos camarotes, na Ilha de Santana. Ele me dizendo que era candidato a deputado estadual. Aí do domingo pra segunda vem essa reviravolta toda. Eu vou fazer como o outro: vou aguardar o desenrolar.
Thaisa Você é tido hoje como aliado da senadora Rosalba.
Roberto
– Eu tinha dito que ia votar em Rosalba, porque o que se sabia era que o PCdoB, meu partido, ou ia ficar com Iberê ou com Rosalba. Com Iberê eu não ia ficar porque ele é o candidato da governadora e no candidato da governadora eu não voto. Por isso eu disse que votaria em Rosalba.
Thaisa – Você vê dificuldade em apoiar a candidatura de Carlos Eduardo?
Roberto
– Não. Vamos primeiro conversar com as bases. Eu gosto de ouvir.
ThaisaVocê vê dificuldades em ter que deixar de apoiar Rosalba?
Roberto
– Não. Tudo é uma questão de conversar. Porque tem essa questão de eu ser candidato a deputado estadual, como sou do PCdoB, do lado de Rosalba não poderia.
ThaisaE você quer ser candidato a deputado?
Roberto
– Não tem nada definido.
Thaisa Você vai procurar Álvaro ou Carlos Eduardo para conversar ou vai esperar ser procurado?
Roberto
– Vou aguardar. To quieto no meu canto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.