#JornalismoSemFakeNews

27 de agosto de 2010 às 16:10

PDT trabalha para expulsar do partido o prefeito de José da Penha

[0] Comentários | Deixe seu comentário.

Eita que o governadorável Carlos Eduardo não vai dar mole aos filiados ao PDT que resolveram fazer campanha para candidatos adversários.
Hoje a Executiva Nacional do PDT acolheu a representação da Juventude Socialista do PDT do Rio Grande do Norte, que pede a expulsão do prefeito de José da Penha, Abel Kayo Fontes de Oliveira (PDT), por infidelidade partidária.
A representação reúne fotos e textos coletados de blogs que mostram Abel Kayo, conhecido por Abel Dólar, pedindo votos para a candidata Rosalba Ciarlini, do DEM.
“Não há nenhum motivo para qualquer filiado do PDT deixar de seguir a orientação do partido, já que neste ano temos uma chapa pura, isto é, o candidato a governador, Carlos Eduardo, e o vice, Álvaro Dias, são do PDT”, disse o secretário-geral do PDT no Rio Grande do Norte, Jonny Costa.
“Para o PDT, o mandato é do partido, e não pessoal", disse Kleber Fernandes, presidente da Juventude Socialista. 
*
A Executiva Estadual irá entregar a representação na próxima segunda-feira (30) à Comissão de Ética do partido, que terá oito dias para decidir se dá seguimento ao processo.
Em caso de acolhimento à representação, o prefeito será notificado e terá a chance de apresentar sua defesa.
Se a representação seguir adiante, inclusive com parecer favorável da Comissão de Ética, a Executiva Estadual convocará o Diretório Regional para deliberar sobre o documento e decidir se entra com ação por infidelidade partidária contra Abel Dólar junto ao Tribunal Regional Eleitoral.
Se isso acontecer, e o TRE deferir a solicitação, Abel poderá ser expulso do partido.

O Blog quer saber.
Expulso do partido…mas continuando no cargo?
E serve de quê a expulsão?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.