#JornalismoSemFakeNews

8 de setembro de 2010 às 22:40

Em debate sem presença de Iberê, Carlos Eduardo discrimina o forró

[0] Comentários | Deixe seu comentário.

No debate sobre Cultura, encerrado agora há pouco na Casa da Ribeira, em Natal, o governador Iberê Ferreira de Souza levou falta.
E no espaço reservado aos governadoráveis, a cadeira dele ficou vazia.
A governadorável Rosalba Ciarlini disse aos culturetes presentes que entre seus projetos está a criação de um Fundo de Cultura, onde 1% do ICMS será destinado ao setor. 

O candidato Carlos Eduardo agradou aos culturetes ditos intelectuais (passa de 1%?) e desagradou aos forrozeiros de plantão.
Afirmando que na sua administração em Natal promoveu muitos evenbtos para a "fina flor", disse que, eleito governador, na sua gestão, bandas como “Cavalo de Tróia” e “Calcinha não sei lá de quê” não teriam vez..

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.