#JornalismoSemFakeNews

11 de setembro de 2010 às 23:00

Quem vai sobrar na curva da Câmara dos Deputados?

[0] Comentários | Deixe seu comentário.

Com o cerco se fechando em torno das eleições para governo e Senado, eis a grande pergunta:
Quem vai sobrar na curva da Câmara Federal?
Os atuais deputados, Fábio Faria (PMN), João Maia (PR), Henrique Alves (PMDB), Fátima Bezerra (PT), Felipe Maia (DEM), Rogério Marinho (PSDB), Sandra Rosado (PSB) e Betinho Rosado (DEM) juram pela mãe mortinha que serão reeleitos.
Correndo por fora, também acreditam na vitória os candidatos Paulo Wagner (PV), Wober Júnior (PPS) e Adenúbio Melo (PSB).
Mas aí a soma dá 11 e as vagas são somente 8. 

Caso Rosalba ganhe a eleição no primeiro turno, arrasta mais alguém para sua coligação formada por DEM-PSDB- PMN?
O DEM reelegerá Felipe e Betinho?
Na campanha passada, Betinho ficou de fora.
Teve até mais votos do que Sandra Rosado, mas o voto de legenda do PSB, forte à época, deu o mandato a Sandra.
Betinho, que ganhou mas não levou, ficou na suplência e terminou entrando com a morte do deputado Nélio Dias.
Mas há quem diga que desta vez, o MMM Carlos Augusto Rosado, que é seu irmão, não vai deixar que o episódio de 2006 se repita.
O PSDB reelegerá Rogério Marinho?
Há quem garanta que a ajudinha que o presidenciável Serra lhe deu na semana passada foi suficiente para o deputado marcar a passagem de volta para Brasília no começo de janeiro de 2011. 
E o PMN reelegerá Fábio Faria?
As pesquisas o apontam entre os mais votados. Na eleição passada ele foi o campeão de votos.
A coligação rosalbista fará 4 deputados?
Há quem faça as contas fechando em 3.
E aí…quem vai sobrar na curva? 

E na coligação PR-PMDB-PV?
O PR tem apenas um candidato a federal, que pelas contas dos institutos de pesquisas, está dentro: é o deputado João Maia, segundo mais votado nas eleições de 2006 com quase 200 mil votos.
O PMDB tem vários candidatos, mas assegura-se apenas a reeleição do líder Henrique Alves.
E o PV trabalha para fazer seu primeiro federal.
O vereador Paulo Wagner é o mais cotado, mas a ex-secretária Rosy de Sousa vai na cola…
A soma dos dois deverá eleger um…e ficará com o mandato quem dos dois tiver mais votos.
Paulo Wagner é o nome da vez, segundo as pesquisas.
Então…a coligação PR-PMDB-PV fará 3 deputados federais?

E na coligação PSB-PT-PPS?
O PT tem como certa a reeleição da deputada Fátima Bezerra.
O PSB tem na disputa a deputada federal Sandra Rosado e o vereador Adenúbio Melo.
Cotada para permanecer em Brasília está Sandra…que poderá ser vítima do efeito Rosalba e perder os votos de federal em Mossoró para Betinho.
Caso Sandra, que é cotada, não seja reeleita…o PSB ficará sem representação potiguar na Câmara dos Deputados.
São os números quem falam.
Adenúbio, apesar do apoio da igreja evangélica que ele diz ter, não é visto como um dos eleitos em 3 de outubro.
O PPS também não deverá fazer nenhum federal.
O deputado estadual Wober Júnior disputa sabendo que entrou tarde e que o time já estava formado.
Se entrar será uma grande surpresa.

Então…seguindo essas contas, a coligação PSB-PT-PPS elegerá apenas Fátima? 
Então…fazendo as contas…os eleitos em 3 de outubro seriam Felipe Maia e Betinho Rosado (DEM), Rogério Marinho (PSDB), Fábio Faria (PMN), João Maia (PR), Henrique Alves (PMDB), Paulo Wagner (PV) e Fátima Bezerra (PT)?
Só as urnas de 3 de outubro revelarão os 8 nomes.
Surpresas costumam acontecer, principalmente em eleições proporcionais onde as pesquisas dizem pouco…ou nada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.