#JornalismoSemFakeNews

17 de maio de 2011 às 20:27

A Missão especial de Temer para comemorar o aniversário da bela Marcela na Rússia

[0] Comentários | Deixe seu comentário.

Vendo esses deputados europeus em Missão especial ao Brasil, eu fico aqui me perguntando…
Que danado os deputados estrangeiros vão mudar no Parlamento europeu depois de uma visita ao Brasil?
Ainda mais uma visita para conversar sobre temas que qualquer menino buchudo hoje vai no "google" e descobre…
Lá na Europa, ligando o computador, é só digitar a palavra "Brazil" que vai aparecer de tudo um pouco.
Desnecessário gastar dinheiro público com uma viagem de vários parlamentares com diárias, hospedagem em hoteis 5 estrelas, tapete vermelho, motorista, honras e mordomias…
E o que danado esses deputados foram fazer no Rio de Janeiro?
Certamente deram uma corridinha no calçadão de Copacabana para, quem sabe, levar a experiência de correr e tomar água de coco vendo mulheres belíssimas…
Sei lá…
E o pior é que isso acontece daqui pra lá.
O que danado nossos deputados e senadores fazem fora do Brasil, em missões especialíssimas, pagas com o dinheiro do erário?
Nada.
Assim como esse grupo que veio ao Brasil, nossos representantes também esbanjam o nosso rico dinheirinho em destinos badalados e exóticos do mundo, sempre com a desculpa esfarrapada de uma missão especial.

Depois de andar o mundo todo em missões como deputado e presidente da Câmara, Michel Temer agora viaja com o título pomposo de vice-presidente da República.
Mais fácil de marcar audiências com presidentes, primeiros ministros…tudo em nome de uma missão especial.
Tão especial quanto o aniversário da esposa, a bela Marcela Temer… comemorado, "coincidentemente", em plena MIssão Especial à Rússia.
Com vôo gratuito da Força Aérea Brasileira para convidados, e tudo pago com o dinheiro dos "queridos brasileiros e queridas brasileiras", como diz a presidenta Dilma Rousseff…

E voltando ao tema da viagem do vice-presidente à Rússia, o Blog manda os parabéns para a bela Marcela Temer.
Que volta para o Brasil mais velha.
Mas, só um pouquinho…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

  • Perfil