#JornalismoSemFakeNews

11 de junho de 2011 às 18:57

Vereador Enildo Alves afirma que sessões foram obstruídas pelos governistas, e não pela oposição

[0] Comentários | Deixe seu comentário.

Quando escrevi aqui no Blog, mostrando o passo-a-passo da CEI dos Aluguéis, que a bancada do PSB havia pedido que a Comissão Especial de Inquérito cedesse a vaga de presidente para a oposição, recebi do vereador Enildo Alves – sem partido – o seguinte esclarecimento:

Caríssima Thaisa:
Leitor assíduo do seu Blog, gostaria de fazer os seguintes esclarecimentos:
A idéia de ceder a presidência da CEI dos aluguéis à oposição não foi da bancada do PSB, e sim do vereador Júlio Protásio, que só conseguiu o apoio do vereador Franklin Capistrano; a maioria do PSB (situação) não concordou: Vereadores Adenúbio Melo, Dickson Nasser e o Bispo Francisco de Assis. A vereadora Júlia Arruda (PSB) é oposição ao governo.

Por recomendação médica afastei-me da CMN por 3 dias e articulei com a bancada do governo obstruirmos a ordem do dia nos dias 07, 08 e 09 de junho por questões de segurança em função da invasão ocorrida no pátio da Câmara Municipal de Natal.

Pela mesma razão a audiência pública que tratava do modelo de gestão na Secretaria Municipal de Saúde de Natal, e presidida por mim na manhã do dia 07/06/2011, foi suspensa em pleno andamento.

Fica bem claro que quem realmente obstruiu as sessões nesta semana, foi a bancada governista, que conta com 13 vereadores, bastando apenas 11 para votar a ordem do dia se assim o quisesse. O bom senso assim recomendava pois não faltaram provocações dos manifestantes contra a bancada governista na Casa. É melhor previnir do que remediar.
Atenciosamente,
Enildo Alves.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

  • Perfil