#JornalismoSemFakeNews

6 de julho de 2011 às 1:23

Os fortes concorrentes de Nicolelis na disputa pelo Nobel de Neurociência

[0] Comentários | Deixe seu comentário.

Trabalhando para disputar o Prêmio Nobel de Neurociências – já tem um grupo de empresários brasileiros apoiando seu nome – o neurocientista Miguel Nicolelis tem alguns adversários fortes a enfrentar.
Assim como ele, que pesquisa sobre interfaces cérebro-computador, e faz experiências em macacos, John Donoghue pesquisa sobre o assunto há 20 anos e já faz experiência com seres humanos.
Um dos avanços mais significativos em matéria de sistemas de interface neural ocorreu quando o grupo de Donoghue conseguiu restaurar a capacidade de um paciente tetraplégico, que operou cursores de computador e braços robóticos, com a força da imaginação.

Donoghue já publicou mais de 80 artigos científicos em revistas líderes do mundo como "Nature" e "Science", e seus escritos têm servido de painéis consultivos para o National Institutes of Health (NIH), a National Science Foundation (NSF) e a NASA. Pelo seu trabalho, ele já ganhou prêmios da Discover, Popular Mechanics e revistas Readers Digest. 
John P. Donoghue é considerado pesquisador pioneiro na interface cérebro-computador, e por isso ele hoje é membro da Academia Americana de Artes e Ciências, a AAAS.
"Estou profundamente honrado de ser eleito companheiro da Academia", disse Donoghue, professor e diretor do Instituto para a Ciência theBrown Cérebro.
"Para mim, este é um reconhecimento do trabalho espetacular de um grande grupo de professores e alunos em ciência do cérebro aqui e em nossas instituições colaboradoras e tem sido possível graças ao extraordinário ambiente interdisciplinar em Brown." 

Donoghue, candidatíssimo a Prêmio Nobel, dividindo a preferência com o neurocientista Vilayanur Ramachandran, será um dos palestrantes candidatos ao Nobel da Neurociência, durante a "Nobel Conference 47", que acontecerá nos dias 4 e 5 de outubro, nos Estados Unidos, no Gustavus Adolphous College.
Evento que reunirá os neurocientistas especialistas em estudos do cérebro Martha Farah, Paul W. Glimcher, Helen Mayberg, Nancey Murphy, Aniruddh D. Patel e Larry Young.
O brasileiro não consta da lista.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

  • Perfil