Thaisa Galvão

7 de dezembro de 2011 às 13:10

Projeto do deputado Ricardo Motta protege a classe produtora do RN [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Autor do Import RN, que será votado terça-feira na Assembleia Legislativa, o deputado Ricardo Motta (PMN), presidente da Casa, teve todos os cuidados para não transformar o projeto em um concorrente desleal para os produtores do Rio Grande do Norte.

Para isso se reuniu, antes de formatar o texto, com as Federações da Indústria, Comércio, Agricultura e Transportes, que aliadas a representantes do governo, formarão uma Junta com poder de veto.

O que significa que, um regime de concessão solicitado, uma vez rejeitado pela Junta, não poderá ser aprovado.

Além do mais, o projeto que será votado, e sem dúvida nenhuma, aprovado na terça-feira, tem um Artigo que veda a concessão de regime especial para importação de produtos iguais ou similares aos produzidos no Estado.

Um cuidado para “resguardar o emprego e a economia local”.

Para o deputado Ricardo Motta, o argumento de que o Import RN trará prejuízo ao Estado, “não procede”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*