#JornalismoSemFakeNews

7 de novembro de 2012 às 11:25

Felipe Guerra: município sem prefeito, sem vice, sem secretários, sem vereadores…

[0] Comentários | Deixe seu comentário.

Do Ministério Público Estadual:

Na manhã de hoje, 07, o Ministério Público Estadual, com apoio das Polícias Militar e Civil, por meio da Divisão de Polícia Civil do Oeste – DIVIPOE, cumpriu mandados de busca e apreensão no município de Felipe Guerra (RN).
A Operação Ave de Rapina é resultado de uma investigação criminal que apura desvios de recursos públicos no município de Felipe Guerra. As buscas e apreensões, autorizadas pelo Tribunal de Justiça do RN por meio de decisão proferida pelo Desembargador Arthur Cortez, foram realizadas na Prefeitura Municipal de Felipe Guerra, nas residências do prefeito Braz Costa Neto e de sua esposa Regina Coeli Costa e Silva, atual Secretária Municipal de Finanças do Município, do ex-tesoureiro do município, Francisco Fagner Morais da Silva e da servidora pública municipal Sônia Maria da Silveira Barra.

Além das buscas e apreensões, o Tribunal de Justiça determinou o afastamento do cargo do Prefeito do município, Braz Costa Neto, do vice-prefeito Francisco Canindé de Menezes e das pessoas de Sônia Maria da Silveira Barra, servidora publica municipal e Regina Coeli Costa e Silva, Secretária Municipal de Finanças de Felipe Guerra e dos Vereadores Francisco Flávio Gurgel e Pedro Alves Cabral Neto.

Pela decisão todas essas pessoas, bem como de João Gualberto de Brito Neto, conhecido por Neto de Deto e Francisco Fagner Morais da Silva, estão proibidas de frequentarem os prédios da prefeitura e das secretarias municipais do Município de Felipe Guerra (RN). Além disso, foi decretado o sequestro dos bens de Braz Costa Neto e João Gualberto de Brito Neto.
O Ministério Público solicitou o levantamento do sigilo do processo, mas o pedido não foi deferido. Com isso, o processo segue em segredo de justiça.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

  • Perfil