Thaisa Galvão

18 de julho de 2013 às 15:57

Integrantes do #RevoltadoBusão entram em atrito com Guarda Municipal e são levados para fora da Câmara [2] Comentários | Deixe seu comentário.

Que paz, que nada…

O presidente da Câmara, Albert Dickson, desceu do gabinete e foi conversar com os ocupantes da Casa.

Na conversa, presenciada por outros vereadores, ficou acertado que a Câmara suspenderia a convocação marcada para a próxima semana, e daria o prazo de 100 dias, pedido pelo grupo, para discutir o sistema de transporte coletivo de Natal.

Mas, para isso, seria necessária a saída deles da Câmara, pacificamente, por um prazo determinado.

Passado o prazo, como a Câmara já havia negociado e recebido o OK dos manifestantes, mas eles não saíram voluntariamente, a Guarda Municipal agiu e botou todo mundo pra fora.

No bate-rebate, o portão de entrada da Câmara foi quebrado.

Na página do facebook do #RevoltadoBusão fala-se em violência contra manifestante grávida, braço de manifestante quebrado, gás de pimenta…

Neste momento, o grupo está na frente da Câmara e a Polícia Militar acompanha o movimento.

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*