Thaisa Galvão

12 de junho de 2014 às 19:46

Juiz convocado manda grevistas da Saúde voltarem ao trabalho e determina retirada do acampamento na frente da Prefeitura [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Os servidores da saúde do Município iriam assistir a estreia do Brasil na Copa, no acampamento instalado na frente da Prefeitura.

Mas hoje, acatando ação da Procuradoria do Município, o juiz José Undário Andrade, convocado pelo Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte, determinou o imediato retorno às atividades de 100% dos servidores municipais da área da Saúde durante o período de realização da Copa do Mundo.

Na decisão monocrática, o juiz determinou ainda que o Sindicato dos Trabalhadores em Saúde do RN (SindSaúde-RN) e o Sindicato dos Odontologistas do RN (Soern) se abstenham de invadir ou promover manifestações em bens públicos do Município, especialmente em unidades de saúde, devendo no prazo de 12 horas, desocupar todas as vias públicas e/ou bens que se encontrarem obstruídas/ocupados, "em especial o trecho da Rua Ulisses Caldas, em frente à sede da Prefeitura da Cidade de Natal", a contar do momento em que forem intimados da decisão.

Caso a decisão seja descumprida pela parte ré, cada um dos sindicatos demandados deve pagar uma multa diária de R$ 20 mil, quer no que diz respeito ao retorno às atividades, quer à desobstrução das vias.

*

A decisão saiu por volta do meio dia.

Resta saber se na hora do jogo, os grevistas ainda estavam na Ulisses Caldas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.