#JornalismoSemFakeNews

17 de setembro de 2014 às 11:32

CPI Mista da Petrobras: silêncio de Paulo Roberto previsto para começar às 14h30

[0] Comentários | Deixe seu comentário.

O ex-diretor da Petrobras, Paulo Roberto Costa, deve começar a ficar em silêncio no depoimento à CPI Mista do Congresso, que apura desvio de dinheiro da estatal, a partir das 14h30.

Há uma torcida grande para que o 'homem bomba' abra o bocão.

Há uma torcida maior ainda para que ele opte por depor em sala fechada, sem transmissão e sem dizer um pio.

Está mais para a segunda opção.

Paulo Roberto já disse tudo o que deveria dizer para garantir se livrar da penitência que vive hoje o publicitário Marcos Valério, operador do mensalão, que levou os nomes mais poderosos do PT para a Papuda, o presídio badalado de Brasília.

Sem fazer delação, Marcos Valério vai mofar na cadeia.

Tudo o que Paulo Roberto não quer.

E o silêncio dele hoje altera o quê?

Nada.

Ele já falou para quem de direito: o juiz.

O que disser hoje, envolvendo o PT, o PP, o PMDB, o PSB e outros partidos, só vai servir para produzir peças de campanha.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.