Thaisa Galvão

17 de fevereiro de 2016 às 7:40

Dilma e Cunha no par ou ímpar da liderança do PMDB nesta quarta-feira [0] Comentários | Deixe seu comentário.

E a política dos políticos continua a pensar nos umbigos próprios e a ignorar o país…

Agora a pauta é a escolha do líder do PMDB na Câmara.

A presidente Dilma Rousseff quer reconduzir o deputado carioca Leonardo Picciani, que trabalha a bancada para se posicionar contra o impeachment.

Na disputa com Dilma, o presidente da Câmara, Eduardo Cunha, fazendo de tudo para eleger o deputado Hugo Motta, da Paraíba.

Dilma está tão enlouquecida para vencer a queda de braço – mais uma – com Cunha, que em meio a tragédia da zika, está licenciando o ministro da SAÚDE, Marcelo Castro, para reassumir o mandato de deputado e votar em Picciani.

A volta momentânea de Castro à Câmara garante um voto ao PMDB já que o suplente que assumiu com sua ida para o Ministério, Flávio Nogueira, é do PDT.

A briga que terá início logo mais às 15 horas será questão de sobrevivência tanto para Dilma, que tenta a todo custo se livrar do impeachment que volta à Câmara, quanto para Cunha, que tenta se manter na presidência da Câmara e no mandato de deputado.

No round de hoje, quem se mostrar mais forte dará as cartas por um tempinho, até que venha uma nova disputa de interesse apenas dos políticos…

  
Arte d’O Globo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.