Thaisa Galvão

29 de fevereiro de 2016 às 17:19

Operação Higia: Juiz federal condena ex-prefeito de Macaíba [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O juiz federal Gustavo Henrique de Oliveira condenou o ex-prefeito de Macaíba, Luiz Gonzaga Soares – Luizinho – a partir de ação penal movida pelo Ministério Público Federal, a sete anos e seis meses de reclusão.
A ação ainda cabe recursos mas o MPF irá apelar para aumentar a pena.
Luiz Gonzaga Soares está sendo apontado como responsável por corrupção passiva e crime de quadrilha, dentro do esquema descoberto pela Operação Hígia.
O esquema envolvia irregularidades cometidas na contratação de serviços de mão de obra pela Secretaria de Saúde do Estado entre 2004 e 2006.

De acordo com o depoimento de dois dos principais operadores do esquema – Anderson Miguel e Jane Alves, então proprietários da empresa A&G – Luiz Gonzaga atuava como “emissário de Lauro Maia na arrecadação da propina”, para garantir a manutenção dos contratos da empresa com a Secretaria.
Lauro é o filho da então governadora, Wilma de Faria.

Em seu mais recente depoimento, no dia 26 de novembro de 2015, Jane Alves confirmou que repassava propina para Luizinho que dividia com Lauro.

Para o juiz Gustavo Henrique, uma das provas é uma interceptação telefônica que registrou conversas de Anderson, Jane Alves e Luizinho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.