Thaisa Galvão

27 de novembro de 2017 às 10:16

Senac leva Unidade Móvel de Informática e Gestão ao município de Angicos [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O município de Angicos receberá a partir de quarta-feira a Unidade Móvel de Informática e Gestão do Senac, em uma ação do Sistema Fecomércio que beneficiará cerca de 60 pessoas com cursos gratuitos

A inauguração será, às 10h, na Praça do INSS, e contará com a presença do presidente do Sistema Fecomércio, Marcelo Queiroz, do diretor regional do Senac, Fernando Virgilio, e do prefeito de Angicos, Deusdete Gomes.

 

Até fevereiro serão realizadas capacitações nas áreas de Qualidade no Atendimento, Técnicas de Negociação, Técnicas Avançadas de Word e Excel e Softwares de Apresentações.

 

Só este ano, o Programa Senac Móvel já beneficiou mais de 450 pessoas no estado do Rio Grande do Norte. Além de Moda e Beleza, a Instituição também conta com Unidades Móveis nas áreas de Informática e Gestão e Turismo e Hotelaria.

 

Montada sobre uma carreta de 14 metros de comprimento por 4 metros de altura e 2,6 metros de largura, a unidade móvel do Senac está equipada para reproduzir internamente o ambiente real de trabalho de um laboratório de informática.

27 de novembro de 2017 às 8:53

Em artigo que virou manchete na Folha, Luciano Huck desiste de ser candidato a presidente [1] Comentários | Deixe seu comentário.

O apresentador Luciano Huck desistiu de ser candidato a presidente da República e fez o anúncio, esperado para hoje, num artigo escrito para a Folha de S. Paulo, e que virou a manchete de hoje do jornal.

Huck sai do processo fortalecido como apresentador, com altos índices de popularidade e credibilidade em relação à TV Globo e aos anunciantes do seu programa.

Disputar um mandato eleitoral poderia ser o caminho mais indicado para o quase pré-candidato perder todos esses atributos.

Abaixo o artigo onde ele diz que continuará ajudando ao Brasil, porém, sem ser presidente.

Como Ulisses em “A Odisseia”, nos últimos meses estive amarrado ao mastro, tentando escapar da sedução das sereias, cantando a pulmões plenos e por todos os lados, inclusive dentro de mim.

A tripulação, com seus ouvidos devidamente tapados com cera, esforçando-se em não deixar que eu me deixasse levar pelos sons dos chamados quase irresistíveis.

São meus amores incondicionais. Meus pais, minha mulher, meus filhos, meus familiares e os amigos próximos que me querem bem.

Eles são unânimes: é fundamental o movimento de sair da proteção e do conforto das selfies no Instagram para somar forças na necessária renovação política brasileira.

Mas daí a postular a candidatura a presidente da República há uma distância maior que os oceanos da jornada de Ulisses.

Há algum tempo me vejo diante desta pergunta: qual foi exatamente a trajetória, o fato e até mesmo o momento em que meu nome foi lançado entre os possíveis candidatos à Presidência do Brasil?

Eu mesmo demorei um pouco para encontrar a resposta. Mas depois de alguma reflexão, ela veio e me pareceu muito clara: minha exposição pública e, espero, meu jeito, minhas características, minha personalidade e a forma como vejo o mundo.

As mesmas forças que me movem desde sempre me levaram a esse lugar.

Explicando em outras palavras, entre as centenas de defeitos que carrego, talvez eu tenha uma única virtude: carrego desde sempre, genuinamente, enorme paixão e curiosidade pelo outro.

Gosto muito de gente. Sempre gostei. De todo tipo, origem, tamanho, cor, posição na pirâmide.

É só olhar para o que faço profissionalmente há mais de duas décadas.

Não paro de procurar pelo diferente.

E não falo de um olhar distante, acadêmico, teórico. Falo de andanças intermináveis por todos os quadrantes do Brasil e por vários do mundo atrás daquilo que não conheço.

Ando há anos e anos por lugares ricos, paupérrimos, super ou subdesenvolvidos, em guerra, centros moderníssimos de saber, cantos absolutamente esquecidos pelo desenvolvimento.

Sempre atrás da mesma coisa: gente boa.

E a sensação de “intimidade” que meus mais de 20 anos de televisão provocam nas pessoas possibilita conversas instantaneamente francas e verdadeiras.

Esse dia a dia me permitiu construir uma visão muito própria e ampla dos recortes, curvas e reentrâncias do país. Sinto na pele o pulso das ruas.

E foi essa permanente “bateção de perna”, sempre ” in loco”, que me tirou definitivamente da zona de conforto e me fez ver: O Brasil está sofrendo demais —especialmente os mais pobres, mas não apenas eles— para ficarmos passivos e reféns deste sistema político velho e corrupto.

O que está aí jamais será empático, perceberá e muito menos traduzirá as reais necessidades da gente. Da nossa gente.

Vendo meu nome apontado, é muito importante frisar sempre, sem ter levantado a mão ou me oferecido para concorrer ao cargo mais importante na governança do país, minha reação natural foi tentar entender melhor do que se tratava. Gosto de aprender, de saber o que não sei e penso que cultivo um bom hábito desde muito cedo: tentar descobrir e encontrar quem sabe.

De forma intuitiva e quase caseira, fui procurando referências em pessoas que se dedicam de forma mais intensa a entender o Brasil; o sofrimento, as dificuldades e, principalmente, as soluções.

Acho também que sou meio obsessivo por fazer as coisas direito. Por isso, saí buscando e principalmente ouvindo dezenas de pessoas que admiro, que considero inteligentes, sensíveis, maduras e capacitadas, para que elas compartilhassem comigo suas visões.

Foram meses que produziram em mim uma pequena revolução, um aprendizado enorme.

Tantas ideias, tanta gente interessada, brilhante e altamente capacitada, disposta a colocar energia a favor de uma transformação definitiva: De um país à deriva em uma nação de verdade, que possa de uma vez por todas refletir a qualidade indiscutível do seu povo.

Aqui é importante pontuar uma constatação que logo apontou no meu radar e que há tempos ecoa nele de maneira incômoda. Minha geração está trabalhando e inovando com vigor em muitas frentes.

Há milhares de notáveis empreendedores, profissionais liberais, atletas, executivos, artistas, intelectuais, pensadores e por aí vai. Mas pela política, ela tem feito pouco.

Tenho dito sempre algo que me parece muito evidente, quase óbvio, mas assim mesmo um alerta necessário: se não nos aproximarmos de fato da política, se seguirmos negando esse universo e refratários ao seu ambiente, ele definitivamente não se reinventará por um passe de mágica.

Dito isso, sigo acreditando que o melhor caminho passa obrigatoriamente pelos movimentos cívicos, pela abertura de espaço na mídia para novas lideranças, por uma escuta dos anseios das pessoas, por reformas estruturais, muitas delas doloridas, por políticas públicas afetivas e efetivas, por políticas econômicas modernas e eficazes, pela educação levada a sério, pela saúde tratada com respeito, por tecnologia que alavanque as boas ideias e pela total transparência dos gastos públicos.

Por menos politicagem e por mais e melhor representatividade. A lista é grande.

O momento de total frustração com a classe política e com as opções que se apresentam no panorama sucessório levou o meu nome a um lugar central na discussão sobre a cadeira mais importante na condução do país.

É claro que isso me trouxe a sensação boa de que uma parte razoável da população entende o que sou e faço como algo positivo.

Evidente também que junto vieram uma pressão muito pesada e questionamentos de todos os tipos.

Já disse e escrevi antes, aqui neste mesmo espaço, mas tenho hoje uma convicção ainda mais vívida e forte de que serei muito mais útil e potente para ajudar meu país e o nosso povo a se mover para um lugar mais digno, ocupando outras posições no front nacional, não só fazendo aquilo que já faço mas ampliando meu raio de ação ainda mais.

Com a mesma certeza de que neste momento não vou pleitear espaço nesta eleição para a Presidência da República, quero registrar que vou continuar, modesta e firmemente, tentando contribuir de maneira ativa para melhorar o país.

Vou bem além da voz amplificada enormemente pela televisão que amo fazer, do eco monumental das redes sociais que aprendi a tecer, do instituto que fundei há quase 15 anos e de todos os meios que o carinho das pessoas me proporcionou.

Vou também direcionar toda a energia de que disponho para outra coisa que acredito saber fazer: agregar.

Agregar as mentes sábias que fui encontrando em diferentes camadas da sociedade, dentro e fora do Brasil, pessoas extremamente capazes e dispostas de fato a conjugar o verbo servir no tempo e no sentido corretos.

Vou trabalhar efetivamente para estruturar e me juntar a grupos que assumam a missão de ir fundo na elaboração de um pensamento e principalmente de um projeto de país para o Brasil.

E, para isso, não são necessários partidos, cargos, nem eleições.

Essa intenção já está viva através dos movimentos cívicos dos quais me aproximei com bastante interesse e intensidade. E de outras iniciativas que estão por vir.

Quero registrar de novo que entre as percepções que confirmei nesses últimos meses está a convicção de que não há nada mais importante do que tomarmos consciência da importância da política e de que precisamos nos mover concretamente na direção da atuação incisiva, para que não sejamos mais vítimas passivas e manobráveis de gente desonesta, sem caráter, despreparada e incapaz de entender o conceito básico da interdependência ou de pensar no coletivo.

A hora é de trabalhar por soluções coletivas inteligentes e inovadoras para o país, e não de focar o próprio umbigo ou de alimentar polêmicas pueris e gritas sem sentido.

Quem se interessa pelo que sou e faço pode acreditar: vou atuar cada vez mais, sempre de acordo com minhas crenças, em especial com a fé enorme que tenho neste país.

Contem comigo.

Mas não como candidato a presidente.

LUCIANO HUCK é apresentador de TV e empresário

27 de novembro de 2017 às 6:47

Programa do PR dará início ao projeto de João Maia para voltar à Câmara Federal [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Cumprindo a lei eleitoral, que acabou com essa brincadeira, o PR grava hoje e amanhã as inserções da propaganda ‘gratuita’ que irão ao ar de 4 a 28 de dezembro.

Inserções puxadas pelo presidente da legenda no Rio Grande do Norte, e pré-candidato a retomar o mandato de deputado federal, João Maia.

Dos participantes filiados, 30% serão mulheres.

Como filiado, Padre Nunes deverá participar das inserções, porém, ainda não definiu se será candidato no próximo ano.

27 de novembro de 2017 às 6:37

Vereador Sueldo Medeiros cumpre agenda de candidato [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O vereador Sueldo Medeiros (PHS), segundo vice-presidente da Câmara, que já assumiu a presidência da Casa duas vezes, está dispostíssimo a disputar um mandato nas próximas eleições.

Que pode ser de senador.

Neste domingo, Sueldo foi prestigiar a feijoada do colunista Rodrigo Loureiro, no Versailles Recepções, mas só chegou lá depois de ter passado por outras duas feijoadas.

“Agenda de candidato”, disse o próprio, que ainda tinha mais dois compromissos no domingo.

Rodrigo com os vereadores Preto Aquino e Sueldo Medeiros

26 de novembro de 2017 às 22:45

Cláudio Santos pode fazer aliança com Robinson desde que o candidato a governador seja ele [1] Comentários | Deixe seu comentário.

O desembargador Cláudio Santos tem repetido o que disse so Blog há meses: não disputará nenhum mandato que não seja o de governador.

E tem rodado o Estado conversando com partidos, com lideranças, com povo.

Cláudio se dispõe a conversar com todo mundo, inclusive com o governador Robinson Faria.

Uma aliança dos dois, apesar do racha que existe hoje entre os ex-amigos, ainda é possível na visão de Santos, porém, desde que o candidato a governador seja ele.

26 de novembro de 2017 às 22:28

Cláudio Santos volta a conversar com João Maia sobre sucessão estadual [3] Comentários | Deixe seu comentário.

O desembargador-governadorável, Claudio Santos, que voltou a acelerar seu projeto de disputr o Governo do RN no próximo ano, vai tirar uns poucos dias de férias.

Mas antes da parada, voltou ao apartamento do presidente do PR, João Maia, com quem já tinha conversado na semana passada.

Cláudio conversou com João Maia, que logo depois foi procurado pelo também governadorável, o prefeito de Natal, Carlos Eduardo Alves (PDT).

Depois de Carlos, Cláudio voltou a conversar com o PR.

O Blog deu em primeira mão que o PR poderá ser o partido pelo qual Cláudio Santos deverá disputar o Governo.

26 de novembro de 2017 às 8:39

Luciano Huck vai anunciar amanhã que não disputará presidência da República [0] Comentários | Deixe seu comentário.

De Lauro Jardim, no Globo:

26 de novembro de 2017 às 0:07

Azedou de vez a relação da Uern com o Governo do Estado [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Apesar do governador Robinson Faria declarar que não fechará a Uern, mesmo tendo sido aconselhado, a relação do Governo com a Universidade Estadual azedou de vez.

Tudo porque a polícia cumpriu a decisão do juiz Bruno Lacerda, que mandou desocupar a Secretaria de Planejamento do Estado, ocupada por manifestantes representando os grevistas da Uern e da Saúde.

Para a reitoria da Uern, apesar da decisão ter sido do Tribunal de Justiça, a “truculência” foi do Governo do Estado.

É o que diz a nota emitida pelo reitor Pedro Fernandes e a vice-reitora Fátima Rosado Morais.

Nota de Repúdio

A Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN) repudia qualquer tipo de violência e lamenta que o Governo do Estado tenha apelado para a força desproporcional contra professores e servidores da saúde que ocupavam a Secretaria Estadual de Planejamento (SEPLAN).

O cumprimento de uma ordem judicial pode ser feito de várias formas, uma delas é o convencimento através do diálogo, nunca pela força.

É inadmissível que esse tipo de expediente tenha que ser usado contra trabalhadores que protestam, legitimamente, pela dignidade de receber os salários em dia, num ato que não é apenas protesto, mas também um grito de socorro.

Nos mantemos à disposição para mediar as negociações necessárias, como sempre fizemos, destacando que na universidade está um braço importante para o desenvolvimento e fortalecimento da cidadania do nosso povo.

Pela forma como tratamos ela, saberemos qual o futuro de nossas gerações.

Pedro Fernandes Ribero Neto

Reitor

Fátima Raquel Rosado Morais

Vice-reitora

25 de novembro de 2017 às 23:21

Depois de petistas decepcionados com o PT, deputada tucana se diz envergonhada com o PSDB [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Depois de petistas se decepcionarem com o PT, é vez da decepção dos tucanos com o PSDB.

Quem comprova isso é a deputada federal Mara Gabrilli, que atacava o PT e o petismo, mas agora se diz “envergonhada” com o seu partiro.

Mara é a entrevistada das páginas amarelas da revista Veja deste final de semana.

Leia a íntegra da entrevista:

25 de novembro de 2017 às 18:00

Governo mostra categorias com salários atualizados e diz que os atrasados contam 25 dias [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Do Governo do Estado sobre salários e repasses a Poderes:

NOTA DE ESCLARECIMENTO

A respeito de informações que circulam nas mídias sociais e na imprensa sobre o atraso nos salários dos servidores, o *Governo do RN* faz os seguintes esclarecimentos:

1. Não procede a afirmação de que os servidores estão “há 60 dias sem salários”. A folha de pagamento que está parcialmente em aberto é a de outubro. Portanto, se o salário deveria ter sido pago no último dia do mês de outubro, hoje são contados 25 dias de atraso. Não há qualquer categoria de servidores públicos estaduais com 60 dias de atraso, e é preciso deixar claro que, a depender da vontade do Governo, não existiria atraso nenhum;

2. Todos os servidores de órgãos da administração indireta que dispõem de recursos próprios (entre eles Detran, CAERN, Potigás) e todos da área de segurança pública, sistema prisional e da Educação, já receberam integralmente os salários do mês de outubro, estando, portanto, com os vencimentos em dia. Também receberam seus vencimentos mais de 80% dos servidores da Saúde;

3. Os servidores ativos e inativos de todos os demais órgãos e secretarias que ganham até R$ 2 mil receberam seus salários do mês de outubro, estando, portanto, também com os vencimentos em dia;

4. Atualmente, estão em atraso os salários dos servidores ativos e inativos que ganham acima de R$ 2 mil e não pertencem às categorias já citadas;

5. O Governo do RN sofreu bloqueios de decisões judiciais de mais de R$ 115 milhões em 2017. E, nos últimos dias, foi alvo de decisões que obrigam o repasse do duodécimo em atraso ao Tribunal de Contas do Estado (TCE) e ao Ministério Público Estadual (MPE). Os recursos serão subtraídos, por ordem da Justiça, da mesma conta de onde saem os recursos para pagamento dos salários dos servidores;

6. O Governo aguarda a confirmação de repasses federais para prosseguir, o mais breve possível, com o pagamentos dos servidores referente ao mês de outubro;

7. As obras que estão sendo realizadas pelo Governo do RN, notadamente as iniciativas de combate à seca, as obras viárias, as obras de saneamento e reformas em prédios públicos NÃO SÃO FEITAS com recursos que poderiam ser destinados a pagar salários, mas com recursos federais ou de empréstimos cuja destinação é estabelecida por lei. Portanto, esses recursos não podem ser utilizados para o pagamento de salários. *Se isso fosse possível, já teria sido feito, pois o pagamento da verba alimentar dos servidores é prioridade absoluta*.

*GOVERNO DO RN*

25 de novembro de 2017

25 de novembro de 2017 às 16:20

Desembrgador dá prazo de 48 horas para governo pagar atrasados ao Ministério Público [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O desembargador Cornélio Alves, do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte, deu prazo de 48 horas para o Governo repassar e comprovar o pagamento dos percentuais dos duodécimos devidos ao Ministério Público do Estado referentes às folhas dos meses de setembro, outubro e novembro.

O desembargador julgou mandado de segurança impetrado pelo MP.

Também foi decidido que o Estado e a Secretaria de Planejamento devem apresentar, dentro das 48 horas corridas, o calendário para quitar os duodécimos, indevidamente retidos ou não, repassados em 2017, sob pena de multa diária de 5 mil ao Estado, ao

governador Robinson Faria e ao secretário Gustavo Nogueira, até o limite de 200 mil, sem prejuízo de majoração, em caso de não cumprimento da medida.

O desembargador ainda determinou a Robinson e Nogueira que efetuem, no âmbito de suas competências, até o dia 20 de dezembro, o repasse do percentual do duodécimo devido ao Ministério Público do Estado do Rio Grande do Norte, referente àquele mês.

Em caso de descumprimento integral ou parcial do repasse dos percentuais dos duodécimos devidos ao MPRN, o desembargador decidiu pelo bloqueio judicial/arresto das contas do Estado do Rio Grande do Norte.

25 de novembro de 2017 às 15:56

Com PMDB e DEM garantidos, Carlos Eduardo conversa com Ezequiel (PSDB) e João Maia (PR) [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O prefeito de Natal, Carlos Eduardo (PDT), anda a mil por hora para tentar viabilizar sua candidatura a governador.

A sexta-feira foi de fazer política para o prefeito, que conversou com o presidente da Assembleia Legislativa e do PSDB, deputado Ezequiel Ferreira de Souza, e com o presidente do PR, João Maia.

Dos 3 que estavam na lista para procurar, só está faltando o presidente do PP de Mossoró, Carlos Augusto Rosado, marido da prefeita Rosalba Ciarlini.

Carlos Eduardo já conta com o PMDB e terá o primo-senador Garibaldi Filho na chapa majoritária como candidato à reeleição.

Também já tem o DEM, com o senador-candidato à reeleição, José Agripino Maia, também na chapa majoritária puxada por ele.

Pelo que o Blog apurou, a chapa do governadorável Carlos Eduardo pode ser completada com um vice indicado por Carlos Augusto, na intenção de contemplar Mossoró.

Outros dois maiores colégios eleitorais seriam assim contemplados:

Parnamirim, com apoio de amigos do ex-prefeito já falecido, Agnelo Alves, pai de Carlos Eduardo/

Um desses amigos é o ex-prefeito Maurício Marques, ex-vice de Agnelo, pré-candidato a deputado estadual.

O outro colégio, Caicó, ficaria a cargo do seu vice, Álvaro Dias (PMDB), que deverá assumir a Prefeitura de Natal em definitivo, caso Carlos Eduardo renuncie ao mandato no dia 7 de abril para disputar o Governo do Estado.

25 de novembro de 2017 às 15:37

Quem se habilita a ser governador? [2] Comentários | Deixe seu comentário.

O governo Robinson Faria (PSD) enfrenta um desgaste sem tamanho desde que começou a atrasar os salários dos servidores.

A queda de braço com o funcionalismo se dá agora com os Poderes.

Judiciário, Ministério Público, Tribunal de Contas e Legislativo entraram com ação para obrigar o Executivo a repassar o que lhes é de direito – o duodécimo – em dia.

Sem conseguir pagar aos funcionários dentro do mês trabalhado, o Governo se vê no

imprensado de ter que cumprir o calendário dos Poderes, sob pena de ver ameaçada ainda mais a governabilidade.

Numa queda de braço com judiciário e MP, por exemplo, o governo deverá enfrentar uma enxurrada de ações judiciais, e aí ter que parar em definitivo.

O pior de tudo é que, diante de todo esse caos, o Rio Grande do Norte chove de pré-candidatos a governador.

Todos querendo ocupar a cadeira com soluções no papel, que todo mundo sabe que todo mundo sabe, continuarão no papel…

Quem se habilita a…

Demitir servidores EFETIVOS para diminuir o tamanho do Estado?

Porque cobrar demissão de comissionados não vai resolver nadica de nada.

Os comissionados não representam nem 2% da folha do mês, então o corte terá que ser real, e não simbólico.

Reduzir os repasses do duodécimo aos Poderes?

Muito se diz que outros estados do Nordeste não repassam os altos valores que o governo do RN, há anos, repassa a Tribunal de Justiça, Tribunal de Contas, Assembleia Legislativa e Ministério Público.

Só aí nesses dois pontos dá pra se levantar as seguintes questões, se referindo aos que já surgiram como pré-candidatos ao Governo do RN.

Pré-candidato a governador, o prefeito de Natal, Carlos Eduardo (PDT) vai brigar com o Tribunal de Justiça e o Ministério Público, por exemplo?

Pré-candidata ao Governo, a senadora Fátima Bezerra (PT) vai demitir funcionários efetivos?

Vai bater de frente com servidores e sindicalismo, categorias que fazem a sua base eleitoral?

Hoje dentro do prédio da Seplan, ao lado de grevistas, Fátima, caso eleita, vai sentar do outro lado da mesa sem ter o que negociar com seus próprios militantes?

Pré-candidato a governador, o desembargador Cláudio Santos, ainda sem partido, vai bater de frente com o Tribunal de Justiça que ele presidiu até ano passado, e reduzir os repasses mensais?

Mais: vai obrigar o TJ a pagar, com os recursos que lhe sobram, os salários de aposentados e inativos, hoje saindo dos cofres do Executivo?

Governador e pré-candidato à reeleição, Robinson Faria (PSD), vai reduzir repasses do duodécimo e demitir efetivos, o que não fez até hoje?

Então..

Lançado o desafio para o próximo governador do Rio Grande do Norte.

E também para os militantes da próxima geração.

25 de novembro de 2017 às 15:05

Áudio gravado por ocupante da Seplan afirma que movimento ‘político e midiático’ foi vitorioso ao sair na Globo [1] Comentários | Deixe seu comentário.

O áudio de uma professora da Uern, circulando nas redes sociais, reforça a tese de movimento político na ocupação do prédio da Secretaria de Planejamento do Estado.

Ela ressalta o objetivo “midiático” do movimento, comemora que foram notícia na Globo e que iriam “sair no Jornal Nacional”, valorizando a emissors que repudiam.

A pessoa, identificada como professora, confirma que o movimento foi político e que foi “vitorioso” ao sair na Globo.

Fica a impressão de que receber o salário em dia é um mero detalhe, e desgastar ainda mais o desgastado governo é o objetivo considerado alcançado.

25 de novembro de 2017 às 14:56

Parlamentares do PT e reitor da Uern criticam judiciário e polícia que retiraram grevistas da Seplan [1] Comentários | Deixe seu comentário.

O reitor da Uern, Pedro Fernandes, além da senadora Fátima Bezerra (PT), do deputado Fernando Mineiro (PT) e da vereadora Natália Bonavides (PT) se manifestaram nas redes sociais em protesto contra a decisão judicial, que mandou desocupar o prédio da Secretaria de Planejamento do Estado.

O prédio ocupado por manifestantes e alguns servidores da Uern e da Saúde, que estão em greve, foi desocupado pela polícia cumprindo decisão judicial.

Os manifestantes e os parlamentares do PT culparam o Governo do Estado pela “radicalização” e “falta de diálogo”.

O movimento, que é legítimo quando se trata da cobrança por parte dos servidores, pelo pagamento dos salários em dia, perde o sentido quando vira um ato político com vistas às eleições do próximo ano.

25 de novembro de 2017 às 13:32

Manifestante desconcentra repórter que fazia transmissão e grita “Globo lixo” ao vivo no Jornal Hoje [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O repórter Bruno Tavares, da Globo de São Paulo, falava ao vivo agora há pouco, no Jornal Hoje, da frente do Hospital Sírio Libanês, informando sobre a permanência ali do presidente Michel Temer, que se recupera de uma cirurgia, quando foi surpreendido…

Um manifestante se posicionou atrás do repórter e gritou duas vezes “Globo lixo”.

O repórter se desconcentrou, disse que iria esperar…e o apresentador no estúdio fez um comentário sem graça e seguiu com o jornal.

25 de novembro de 2017 às 9:55

STTU cria horário “entre picos” para liberar conversão na Prudente de Morais e pode confundir motoristas [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A STTU decidiu liberar a conversão à esquerda da Prudente de Morais para a avenida da Integração.

Mas, detalhe: somente nos horários de “entre picos”.

Resta saber se os motoristas vão saber que danado é horário de “entre picos”.

Seria entre um horário de pico e outro?

Mas aí seria fora do horário de pico…

Como os motoristas entenderão isso, vez que hoje em Natal, com o trânsito cada vez pior, qualquer horário pode ser considerado de pico?

Principalmente na continuação da Prudente de Morais a partir de Candelária, que a partir da interdição da BR-101, virou saída obrigatória para retomar a BR depois do trecho interditado.

A STTU proibiu a conversão, obrigando o motorista que precisa entrar à esquerda para a avenida da Integração, a seguir em frente e fazer um retorno na continuação da Prudente, provocando ali um congestionamento.

A STTU diz que atende solicitação dos comerciantes da região.

Essa parte não ficou bem explicada…

Os comerciantes da Integração não querem que os motoristas entrem na avenida?

Oi?

Nos horários de pico a conversão continuará proibida e agentes de mobilidade estarão no local para orientar os motoristas.

É a STTU que está falando “orientar”.

Torcer para que a orientação não se converta em multa.

Segundo a STTU, caso o órgão identifique que a conversão durante o horário de pico não trará prejuízo ao trânsito, ela será permitida.

Mas…não já era permitida?

Causava ou não causava problema?

Ninguém estudou antes de anunciar a mudança?

No final de semana, a conversão será permitida o dia todo.

Resumindo: é muita informação extra-oficial para a cabeça dos motoristas que correrão risco de serem multados.

24 de novembro de 2017 às 16:39

Ocupação da Seplan tem apoio do PT [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A ocupação da Secretaria de Planejamento do Estado, por manifestantes representantes da Uern e da Saúde estadual, virou caso de política.

De política do PT.

A senadora Fátima Bezerra (PT), que tem poder para brigar em Brasília por recursos federais, na intenção de reequilibrar as contas do Estado, não deu um pio no plenário do Senado, cobrando ajuda financeira do governo Temer para o Rio Grande do Norte.

Justifica que não tem força junto ao Planalto porque é oposição, mesmo sabendo que o papel da bancada federal, independente do lado, é cobrar.

Em vez de fazer discurso no plenário do Senado, Fátima foi à Secretaria de Planejamento, não para anunciar uma solução vinda de Brasília, mas para gravar um vídeo cobrando diálogo por parte do governo.

Diálogo que estava acontecendo na Casa Civil quando os manifestantes invadiram a Seplan.

O deputado estadual Fernando Mineiro (PT) está na Seplan com os manifestantes.

Ele conversa com os policiais que já começam a chegar para cumprir a decisão do juiz Bruno Lacerda.

Quem também tem trânsito livre no prédio da Seplan é a vereadora de Natal, Natália Bonavides.

Natália e Mineiro são pré-candidatos, já anunciados, a deputado federal.

Dirigente do PSTU, Dario Barbosa também está ao lado dos manifestantes.

Portanto, o movimento em favor do pagamento em dia dos salários dos servidores, que é mais do que justo, é justíssimo, passa a virar palanque antecipado das eleições do próximo ano.

24 de novembro de 2017 às 16:23

Juiz Bruno Lacerda manda manifestantes desocuparem o prédio da Secretaria de Planejamento [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O juiz Bruno Lacerda emitiu ordem judicial há pouco para manifestantes desocuparem o prédio da Secretaria de Planejamento do Estado.

O prédio foi invadido na quarta-feira, no momento em que uma comitiva de grevistas da Uern e da Saúde estadual, conversava com a Casa Civil do Governo.

Os manifestantes protestam contra o atraso no pagamento dos salários dos servidores

A decisão judicial manda desocupar o prédio sob pena da polícia ter que agir.

24 de novembro de 2017 às 16:01

Natal e a buraqueira da Ayrton Senna [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Há dias que a buraqueira só aumenta na avenida Ayrton Senna.

A avenida é conhecida por moradores das proximidades e por quem trafega pelas suas vias, como a NEM: nem de Natal nem de Parnamirim.

O fato é que a maior buraqueira hoje é na parte da avenida que pertence a Natal, portanto, sob eesponsabilidade da Secretaria de Obras da capital.

Abaixo um vídeo gravado hoje por Kennedy Diniz: