#JornalismoSemFakeNews

18 de setembro de 2018 às 8:16

Filho de ministro do TCU e chefe de gabinete do deputado Paulinho da Força são alvos de operação

[0] Comentários | Deixe seu comentário.

Do G1

O advogado Tiago Cedraz, filho do ministro Aroldo Cedraz do Tribunal de Contas da União, é alvo da quarta fase da Operação Registro Espúrio deflagrada hoje cedo pela Polícia Federal.

A operação, autorizada pelo Supremo Tribunal Federal (STF), investiga supostos desvios de valores da Conta Especial Emprego e Salário (CEES).

O apartamento e o escritório de Tiago, são alvos de mandados de busca.

O sócio dele Bruno de Carvalho Galiano é alvo de mandado de prisão temporária.

A PF chegou a pedir a prisão de Tiago Cedraz, mas o STF indeferiu.

Tiago Cedraz é investigado pelos supostos crimes de peculato e corrupção ativa.

Marcelo de Lima Cavalcanti, chefe de gabinete do deputado federal Paulo Pereira da Silva, o Paulinho da Força (SD-SP), também é alvo de mandado de busca e prisão temporária.

No total, a PF cumpre 16 mandados de busca e apreensão e 9 de prisões temporárias em Brasília, Goiânia, Anápolis (GO), São Paulo e Londrina (PR).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.