#JornalismoSemFakeNews

25 de janeiro de 2019 às 11:58

Jornalista e candidata pelo PSL do Ceará, Regina Vilella mostra em vídeo que Jean Wyllys foge do Brasil porque mandou matar Bolsonaro e a PF já descobriu

[5] Comentários | Deixe seu comentário.

A jornalista Regina Vilella, do canal ‘Política Play’, no youtube, está jogando nas redes a bomba do século.

Ela está dizendo, com base no que ela entende como provas, que o deputado federal Jean Wyllys é o mandante do crime de morte contra o presidente Jair Bolsonaro.

No vídeo que fez e jogou nas redes, ela mostra a relação de Jean Wyllys com Adélio, o homem que deu a facada no então candidato a presidente…

E também com a presidente do PT, Gleisi Hoffman e com o ex-presidente Lula.

O vídeo é longo e interessante e vale ser assistido para tirar suas próprias conclusões.

Em um ponto a jornalista cita o envolvimento do ex-prefeito de Maricá, no Rio de Janeiro, Washington Quaquá (PT) e fala que ele estaria sendo nomeado por um eleito pelo PT no Brasil citando o nome de “Fátima Bezerra”.

Vale adiantar que no Rio Grande do Norte essa pessoa não está trabalhando, nunca foi nomeado, sequer sondado como já ressaltou o grupo da governadora Fátima Bezerra.

A notícia de que petistas históricos chegariam ao Rio Grande do Norte com a eleição de Fátima já foi desmentida logo após o resultado das urnas.

No vídeo a jornalista Regina Vilella diz que está claro que Jean Wyllys mandou matar Bolsonaro, ao mesmo tempo que conclui que “são coincidências demais e ele fugiu”…

Ela fala ainda que a entrada de Adélio, o autor da fcada, na Câmara Federal, foi registrada, mas que o presidente da Casa, deputado Rodrigo Maia, não permitiu que a Polícia Federal checasse quem fez a inscrição dele para permitir sua entrada…

Repetindo: o vídeo com a live de Regina Vilella é longo, mas vale ser assistido até o fim para que se tire conclusões.

 

 

Quem é Regina Vilella?

Jornalista, professora de Jornalismo, carioca, candidata a deputada federal pelo PSL do Ceará nas eleições de outubro.

Obteve apenas 2.988 votos, o equivalente a 0,07% dos votos no Ceará, ficando na 84ª posição depois dos 21 deputados federais eleitos no Estado.

É autora dos livros “Quem tem medo da imprensa?”, um guia prático de mídia training, e “Profissão: Jornalista de TV”.

5 respostas para “Jornalista e candidata pelo PSL do Ceará, Regina Vilella mostra em vídeo que Jean Wyllys foge do Brasil porque mandou matar Bolsonaro e a PF já descobriu”

  1. […] Jornalista e candidata pelo PSL do Ceará, Regina Vilella mostra em vídeo que Jean Wyllys foge do B… […]

  2. Marcos Neves Jr. disse:

    Se alguém assiste a esse vídeo, como eu fiz, e acredita nas sandices ditas aí, pode ter certeza: não conhece as personagens citadas e, certamente não pensa.

  3. Jaime López segura disse:

    Porque globolixo nao fala nada vamos desligar da globo e mostrar como se boicota esse lixo de emissora

  4. Maria Elta Zanin Alcântara de França disse:

    Regina Vilela ,por favor!!!Nis oruente o que pedur nas manifestações!!!Estamos perdidos!!!Ninguém sabe o que pedir.Bolsonaro disse p pedirmos.Mss o que??

  5. Maria Elta Zanin Alcântara de França disse:

    Qyero que nos iriente o que pedir nas manifestações!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.