Thaisa Galvão

31 de julho de 2019 às 16:46

Bolsonaro é intimado a explicar indicação para embaixada dos EUA [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O elogio do presidente americano Donald Trump não convenceu o juiz baiano André Jackson de Holanda Maurício Júnior, substituto da 1ª Vara Federal, a aceitar ‘de boa’ a nomeação, pelo presidente Jair Bolsonaro, do filho Eduardo para ser embaixador do Brasil nos Estados Unidos.

E intimou Bolsonaro e Eduardo a darem explicações sobre a indicação.

O juiz aceitou pedido de ação popular movida contra a nomeação

“O preenchimento de cargos relevantes como Chefe de Missão Diplomática Definitiva em território estrangeiro por parentes próximos do Chefe do Executivo, como por exemplo seus descentes (filho), violam todos os mandamentos constitucionais referentes à impessoalidade e à moralidade”, diz um trecho da ação popular, que pede que a indicação de Eduardo Bolsonaro seja barrada de forma imediata.

Segundo a decisão do juiz, Jair e o filho têm cinco dias para se manifestarem. A ação popular foi movida pelo deputado federal Jorge Solla (PT-BA).

O Planalto não vai comentar a intimação..

31 de julho de 2019 às 10:25

Lava Jato: Dono da fábrica de cerveja Itaipava na mira da Polícia Federal [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A Polícia Federal deflagrou hoje cedo a 62ª fase da Operação Lava Jato que tem como alvo principal, o presidente do Grupo Petrópolis, fabricante de cerveja Itaipava, Walter Faria.

No meio da manhã ele ainda não havia sido localizado.

Para a operação foram expedidos um mandado de prisão preventiva, cinco mandados de prisão temporária e 33 mandados de busca e apreensão.

Essa etapa da lava jato mira o pagamento de propinas disfarçadas de doações eleitorais e operações de lavagem de dinheiro feitas pelo grupo, que teria auxiliado a Odebrecht a efetuar os pagamentos através da troca de reais no Brasil por dólares em contas no exterior.

31 de julho de 2019 às 5:56

Rodrigo Maia grava vídeo defendendo trabalho de jornalista do The Intercept [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A Associação Brasileira de Imprensa, no Rio de Janeiro, reuniu jornalistas em um ato de apoio ao jornalista Glenn Greenwald.

Glenn é o responsável pelo site The Intercept, que vem publicando prints de mensagens vazadas, trocadas via aplicativo Telegram entre a força-tarefa da lava jato em Curitiba e o ex-juiz do caso, Sergio Moro.

O trabalho do jornalista vem sendo tratado como criminoso pelo Palácio do Planalto.

O presidente da Câmara, deputado Rodrigo Maia, gravou um vídeo em que defende o sigilo da fonte como um preceito garantido pela Constituição.

Confira a reportagem do SBT:

31 de julho de 2019 às 5:44

Ao contrário de Bolsonaro, presidente da Câmara Rodrigo Maia defende a Constituição [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Do presidente da Câmara Federal, deputado Rodrigo Maia (DEM), na contramão dos absurdos que tem exposto o presidente Jair sobre legislação:

Rodrigo Maia tem sido o principal adversário de Jair na disputa pela cadeira maior do Palácio do Planalto nas eleições de 2022.

Falta tempo…