Thaisa Galvão

6 de janeiro de 2020 às 18:26

Lista de desejos: Bolsonaro sonha extinguir profissão de jornalista enquanto MP do Rio quer ver filho dele na cadeia [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O presidente Jair Bolsonaro está louco para extinguir a profissão de jornalista.

Enquanto isso o Ministério Público do Rio de Janeiro está louco para botar o senador filho de Bolsonaro na cadeia.

Cada um com seu desejo.

O presidente disse hoje durante encontro com profissionais da imprensa que quem lê jornais fica “desinformado” e que jornalistas são “uma espécie em extinção”, justificando porque o Planalto cancelou assinaturas de jornais.

“Vocês são uma espécie em extinção. Eu acho que vou botar os jornalistas do Brasil vinculados ao Ibama. Vocês são uma raça em extinção”, disse o engraçadinho aos jornalistas.

Dependendo de como andar o processo contra o senador Flávio, Bolsonaro poderá também ir para o Ibama.

Como um falastrão em extinção.

6 de janeiro de 2020 às 10:18

Bandidos tentam assaltar natalenses na volta de passeio turístico e atiram após motorista não parar o carro [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Do instagram @agoraeuvoo do jornalista Octavio Santiago:

Ao voltar de um passeio em um dos lugares de destaque do turismo do Rio Grande do Norte, um grupo de natalenses passou por uma situação de extremo risco nesse domingo (5).

Por volta das 15h30, quando voltavam do Shui Brasil, day use ao lado do Tao Paradise, que fica na nascente do Rio Catolé, no município de Pureza, quatro amigos enfrentaram uma tentativa de assalto.

Como conta uma das vítimas, ele dirigia o carro a 70 km/h na estrada de barro que dá acesso ao local, pois tinha acabado de ser alertados sobre os constantes assaltos naquele percurso, quando dois homens armados saíram do matagal apontando armas para o carro.

“Tomei a decisão, não sei se certa ou errada, de não parar. Pedi que todos se abaixassem e acelerei”, explicou. Um dos assaltantes atirou e estilhaços da bala atingiram o motorista na cabeça e no braço.

Por se tratar de uma espingarda de baixo calibre, a vítima está com estilhaços da bala no corpo sem maiores danos identificados até o momento.

Após passar por uma UPA e três hospitais (devido a dificuldade de encontrar uma unidade com aparelho para tomografia), ele foi informado que por pouco os estilhaços não atingiram o osso e o perfuraram.

A situação dele é estável, mas deve ficar em observação para que se avalie a necessidade de procedimentos cirúrgicos.

“Soubemos que os assaltos naquela estrada são constantes, inclusive com sequestros relâmpago. Queremos avisar a todos que, infelizmente, é melhor não ir a esses locais por mais bonitos que sejam. Não corram esse risco. Lamento muito pelos empreendedores do local, que é lindo e muito interessante, mas não se pode correr esse risco”, lamenta outra das vítimas.

“Os médicos disseram que devo passar a comemorar o dia 5 de janeiro como um novo aniversário, pois foi por pouco”, contou o rapaz atingido.

O ‘Agora Eu Voo’ lamenta contar notícias como essa, mas fica o alerta e a torcida por busca de soluções por parte do Poder Público.