Thaisa Galvão

13 de fevereiro de 2020 às 14:05

UFRN divulga lista com aprovados e suplentes na segunda chamada do Sisu [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A UFRN divulgou nesta quinta-feira a segunda chamada do Sisu com nomes de estudantes inscritos na lista de espera.

Confira a lista completa com nomes de aprovados e de suplentes.

A terceira chamada deverá ser divulgada no dia 21.

CLIQUE AQUI e confira se o seu nome está entre os aprovados ou suplentes.

13 de fevereiro de 2020 às 12:06

Reforma da Previdência do Estado chega à Assembleia Legislativa [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O presidente da Assembleia, Ezequiel Ferreira informou que a Casa já recebeu o projeto da Reforma da Previdência encaminhada pelo Governo do estado.

O projeto será disponibilizado no sistema digital da Assembleia para acesso dos deputados.

Já lida em plenário, a mensagem será encaminhada à Comissão de Constituição e Justiça e deverá começar a ser discutida na terça-feira.

Se a CCJ aprovar a admissibilidade do projeto de emenda à Constituição, o presidente da Casa Ezequiel Ferreira indicará a comissão especial para tratar da reforma.

13 de fevereiro de 2020 às 11:37

Secretaria de Saúde vai informar amanhã se turista internado em Natal tem suspeita de coronavírus [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A Secretaria de Saúde do Estado vai reunir a imprensa na manhã desta sexta-feira (8h30) para apresentar detalhes sobre um turista internado em observação no Hospital Giselda Trigueiro.

A Secretaria vai apresentar os dados apurados durante toda esta quinta-feira para informar se o turista é suspeito ou não de estar com o coronavírus.

Para ser considerado suspeito, o caso deverá atender aos critérios estabelecidos pelo Ministério da Saúde e no momento as informações ainda não são precisas pois o paciente ainda está sob investigação.

13 de fevereiro de 2020 às 9:43

Depois de chamar os senadores Jean-Paul, Zenaide e Styvenson de ‘desastres’, Fábio Faria admite que passou do ponto e inclui seu nome na “bancada fraca” [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O deputado Fábio Faria, que não é de voltar atrás nem de pedir desculpas, basta acompanhar sua atuação em redes sociais para perceber, voltou atrás na agressão que fez aos senadores Jean-Paul Prates, Zenaide Maia é Styvenson Valentim.

Fábio chamou Jean-Paul, Zenaide e Styvenson de “desastres”.

Não disse os nomes, mas também não precisava, pois atacou os “três senadores” e a bancada só tem três.

Reveja:

Ontem Fábio fez uma live…

Reconheceu que passou do ponto com os senadores, reforçou que a bancada do RN é fraca e se incluiu no grupo dos fracos.

Confira:

13 de fevereiro de 2020 às 8:23

Prefeitura de São Gonçalo adota plataforma digital para agilizar serviços públicos e atender pedidos da população [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O cidadão de São Gonçalo do Amarante/RN não precisa mais ir até a prefeitura para solicitar algum serviço público, documento, informação ou para reportar um problema na sua rua e comunidade. Agora, o são-gonçalense pode fazer essas solicitações de casa, pelo celular, através dos aplicativos da plataforma ‘Simplifica São Gonçalo’, que ainda emite licenças, alvarás, certidões ou guias tributárias.

O sistema já está disponível no site da prefeitura saogoncalo.rn.gov.br e pode ser acessado por qualquer pessoa. É necessário fazer um login no primeiro acesso. Após o cadastro, o usuário passa a ter um painel próprio para acompanhar suas demandas em tempo real, vendo toda a tramitação da sua solicitação. O sistema também avisa, por e-mail. O programa SIMPLIFICA São Gonçalo também está sendo usado na comunicação interna da administração, nos processos do município, substituindo o papel em toda a burocracia municipal.

O prefeito Paulo Emídio, Paulinho, tem feito recomendações a toda a sua equipe para dar toda atenção às demandas recebidas e está acompanhando pessoalmente o tempo de resposta e de atendimento que cada setor. “Já está em fase de teste a implantação de novos serviços que impactam diretamente na vida da população, como agendamento de consultas, exames e cirurgias, recebimento de resultados de exames médicos, matrícula em creches e escolas da rede municipal, entre outros”, observou.

13 de fevereiro de 2020 às 4:35

A rachadinha do gabinete de Carlos Bolsonaro [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Do Globo:

RIO — Os quatro ex-assessores do vereador Carlos Bolsonaro (PSC-RJ), que estiveram no gabinete do parlamentar no Palácio Pedro Ernesto em 30 de outubro do ano passado, são ex-funcionários que não frequentavam mais a Casa. Eles prestaram depoimentos ao Ministério Público do Rio (MP-RJ) no âmbito da investigação sobre as suspeitas de “rachadinha” ligadas ao gabinete de Carlos. A outra pessoa é um ex-auxiliar do hoje senador e ex-deputado estadual Flávio Bolsonaro (sem partido-RJ), que também visitou o gabinete de Carlos no mesmo dia. As imagens e documentos são da Câmara Municipal do Rio e foram obtidos pelo GLOBO por meio da Lei de Acesso à Informação.

Flávio, Carlos e os ex-assessores são investigados pelo MP-RJ em procedimentos que apuram suspeitas de uso de funcionários fantasmas para devolução de salários, a prática conhecida como “rachadinha”.

Família Góes

É uma das famílias lotadas por mais tempo no gabinete de Carlos Bolsonaro. Pai, mãe e os dois filhos moram em Santa Cruz, na Zona Oeste do Rio, e constaram como assessores do vereador desde que ele foi eleito pela primeira vez, em 2001.

Rafael de Carvalho Góes

O nutricionista Rafael é filho de Neula de Carvalho Góes e Edir Barbosa Góes. Ele foi lotado no gabinete de Carlos por 2.465 dias, entre 1º de janeiro e 1º de agosto de 2001 e depois entre 1º de abril de 2002 e 1º de junho de 2008. Ele foi procurado pelo GLOBO no ano passado e negou que tenha trabalhado no local.

Em valores atualizados, tinha salário médio real de R$ 6,7 mil e recebeu, ao todo, cerca R$ 557 mil.

No dia 30 de outubro de 2019, Rafael chegou na Câmara às 10h e informou que iria ao gabinete de Carlos Bolsonaro. Ele só deixou o local às 13h16m.

Rodrigo de Carvalho Góes

Rodrigo é farmacêutico, irmão de Rafael Góes e filho de Neula e Edir. Ele esteve lotado no gabinete entre 1º de janeiro de 2001 e 1º de junho de 2008, totalizando 2.708 dias de vínculo. O salário médio real dele era de R$ 8,8 mil em valores corrigidos e, assim como o irmão, ele recebeu cerca de R$ 557 mil.

Rodrigo também visitou a Câmara em 30 de outubro de 2019. Ele chegou às 10h e saiu às 13h16m. Em 24 de janeiro deste ano, ele recebeu O GLOBO na casa da família em Santa Cruz. Na ocasião, disse que cabia à equipe de Carlos explicar o motivo das visitas de sua família ao gabinete na Câmara dos Vereadores.

Neula de Carvalho Góes

Casada com Edir e mãe de Rodrigo e Rafael, Neula esteve lotada no gabinete de Carlos Bolsonaro entre 1º de janeiro de 2001 e 1º de fevereiro de 2019, um total de 6.605 dias. Vizinhos dela, no entanto, desconhecem que ela tenha trabalhado na Câmara. O salário médio real de Neula era de R$ 6,6 mil em valores corrigidos, e ela recebeu cerca de R$ 1,4 milhão ao longo de 18 anos de lotação.

Neula esteve na Câmara acompanhada dos dois filhos em 30 de outubro de 2019. Assim como eles, ela também chegou às 10h e saiu às 13h16m e informou que visitaria o gabinete de Carlos.

Família Hudson

Os Hudson têm laço de parentesco com Ana Cristina Siqueira Valle, ex-mulher do presidente Jair Bolsonaro e ex-madrasta de Carlos Bolsonaro. A família vive em Resende, no sul do estado do Rio de Janeiro, e integra o grupo de pessoas que foi alvo de operação do MP-RJ em dezembro do ano passado no âmbito das investigações sobre “rachadinha” no gabinete de Flávio Bolsonaro.

Guilherme dos Santos Hudson

É tio de Ana Cristina Siqueira Valle, ex-mulher do presidente Jair Bolsonaro. Guilherme é casado com Ana Maria de Siqueira Hudson e os dois foram lotados no gabinete de Flávio Bolsonaro na Assembleia Legislativa do Rio (Alerj).  Ele é pai de Guilherme Henrique de Siqueira Hudson, que foi lotado no gabinete de Carlos. Ele mora em Resende e só participava das campanhas eleitorais. A cidade fica a cerca de 170 quilômetros da capital.

Hudson, o pai, é um dos investigados no inquérito que apura peculato e lavagem de dinheiro no gabinete de Flávio Bolsonaro a partir de relatório do Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf). Junto com o senador, ele também teve o sigilo bancário e fiscal quebrado pelo Tribunal de Justiça do Rio em abril do ano passado e foi alvo de busca e apreensão em dezembro. O ex-assessor recebeu pelo período em que foi nomeado cerca de R$ 17,7 mil.

Guilherme dos Santos Hudson esteve no gabinete de Carlos em 30 de outubro de 2019 entre 15h05m e 17h45m. Ele estava acompanhado do filho. Ambos já tinham estado no local anteriormente, em 12 de junho de 2019, dois dias após O GLOBO procurá-los na residência em Resende. O advogado Magnum Roberto Cardoso, que defende Guilherme dos Santos Hudson, disse que não tinha conhecimento das visitas recentes dele e do filho ao gabinete de Carlos.

Guilherme Siqueira Hudson

Guilherme é filho Guilherme dos Santos Hudson  e primo de Ana Cristina Siqueira Valle. Ele assumiu o cargo da prima quando ela deixou o posto no gabinete. Apesar do tempo em que ficou lotado, jamais teve crachá de servidor da Câmara. É casado com Ananda Priscila Mendonça de Menezes Hudson que, como ele, foi lotada no gabinete de Carlos Bolsonaro. Tem residência fixa em Resende há sete anos, onde mantém um escritório de advocacia. Desde 2012, o site do Tribunal de Justiça (TJ) do Rio mostra que ele atuou em 68 processos na região de Resende e apenas cinco na capital. Por todo o período nomeado, o ex-chefe de gabinete recebeu um total atualizado de R$ 2,3 milhões.

Guilherme Siqueira Hudson esteve com o pai na Câmara das 15h05m às 17h45m do dia 30 de outubro de 2019.